Parceiro de Richarlison é preferido da CBF para a Seleção Brasileira

Richarlison garante que seu 'parceiro' seria de grande ajuda e reafirma sua posição na equipe como camisa 9 - Reprodução CBF TV

Na tarde desta quarta-feira (14), os atacantes da Seleção Brasileira Richarlison e Rodrygo participaram de entrevista coletiva durante a preparação para o amistoso contra Guiné. Assim, com transmissão ao vivo, as entrevistas foram disponibilizadas pela CBF TV.

Dessa forma, entre alguns dos principais pontos destacados, a possibilidade do preferido da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Carlo Ancelotti assumir a Seleção Brasileira foi um dos pontos abordados pelo jogadores. De acordo com Richarlison, que atuou com Ancelotti como técnico quando defendiam o Everton da Inglaterra, o treinador seria de grande ajuda para a Seleção Brasileira.

“Se ele vier, vai ajudar muito. A gente vai brigar por todos os títulos. Lá no Everton ele me ajudou muito. Me sentia um fenômeno na mão dele. Fazia gol sem parar. Me ajudou muito. Virei parceiro dele. Todo final de jogo ele me levava para casa no carro dele. Me sentia o filho dele. É um cara sensacional. Se o presidente acertar com ele, vai nos ajudar muito.”

Perguntado sobre uma possível saída do Tottenham para o Real Madrid, Richarlison falou sobre sua fase no time inglês, onde segundo ele esteve abaixo do esperado. Nesse sentido, ao lado do parceiro de Seleção Rodrygo, o Pombo declarou que vestir a camisa do Real seria um sonho.

É um sonho de qualquer jogador vestir a camisa do Real Madrid. Mas tenho que mostrar serviço vestindo a camisa do Tottenham ainda“, revelou o atacante brasileiro.

Embora tenha sido convocado pelo técnico Ramon Menezes, Richarlison vem de uma temporada muito abaixo do esperado no Tottenham. Atualmente no clube inglês o jogador não é titular, conviveu com lesões e atuou em 35 jogos na temporada, marcando apenas três gols e quatro assistências.

A 9 já é minha!

Nesse sentido, perguntado sobre qual camisa iria escolher na Seleção, Richarlison nem pensou duas vezes antes de responder com sua original sinceridade e carisma. “A 9 já é minha, pô! Não tem que ficar escolhendo. Fiz uma boa Copa do Mundo, mesmo não tendo título. Todos aqui na Seleção sabem que aqui eu sou o homem gol. Então não tem porque ficar escolhendo camisa“, declarou o sempre irreverente Pombo.

Rodrygo com à 10 da Seleção

Outro que participou da entrevista foi Rodrygo, o jogador do Real Madrid e da Seleção Brasileira falou entre outras coisas sobre a camisa com qual pretende jogar. Recentemente o Real Madrid anunciou a alteração na numeração vestida pela dupla de atacantes brasileiros. O Raio, como é carinhosamente chamado no clube, passará a vestir a 11, Vini Jr irá assumir a camisa 7. Anteriormente os brasileiros usavam 21 e 20, respectivamente.

“Acho que se o Neymar não estiver, a 10 é a melhor. Sempre falo com muito respeito ao meu ídolo. É um número que eu gosto, sei da responsabilidade. O 11 também, agora no Real Madrid, que jogo desde pequeno, sei da responsabilidade. Estou muito feliz com essa troca. E ficarei feliz se usar a 10 aqui na Seleção”, pontuou.

Treinado por Ancelotti no Real, o brasileiro não pode escapar da pergunta sobre a possibilidade do técnico italiano assumir o posto de comandante na Seleção Brasileira. “Acho que é difícil, e nesta temporada ainda mais porque tem contrato e vai seguir com a gente. Na outra temporada, é outra história. Confiamos muito no presidente da CBF e vamos ver o que vai decidir”, ressaltou.

Mbappé no Real Madrid?

Uma das perguntas das quais a cria do Santos não pode escapar diz respeito ao novo parceiro de ataque no Real Madrid. Após Karim Benzema anunciar sua saída do clube madrilenho, o espaço para um atacante goleador está aberto novamente no time e atualmente diversos nomes estão cotados para assumirem essa condição.

Um deles é o atacante francês Kylian Mbappé, em entrevista recente o jogador anunciou que não pretende renovar o seu contrato com o Paris Saint-Germain. Fã declarado do Real Madrid e do craque português Cristiano Ronaldo, que fez história com a camisa dos merengues, Mbappé é um dos possíveis reforços na posição. Caso uma negociação realmente ocorra, jogando ao lado dos atacantes brasileiros formariam uma trinca de ataque potencialmente histórica.

É um fenômeno, um dos melhores jogadores do mundo. Agora mesmo precisamos de um jogador aí, nessa posição que ele gosta de jogar. Seria um sonho ele jogar no Real Madrid. Mas ele tem contrato com o PSG, temos que respeitar isso,” declarou Rodrygo.

Seleção Brasileira

A Seleção Brasileira retorna a campo no amistoso contra Guiné no próximo sábado (17), às 16h30 (horário de Brasília). A partida acontece no estádio Cornellà-El Prat em Barcelona, na Espanha. No primeiro tempo do amistoso o Brasil usará um uniforme inteiramente preto pela primeira vez, como forma de chamar atenção para a necessidade de combater o racismo.

COMPARTILHE: