noticia_123563
Foto: Divulgação

Poesia e música sempre andaram juntas e uma complementa a outra. Neste domingo (13), os visitantes do Parque da Cidade irão vivenciar essa união prazerosa na arte do escritor Marcos Medeiros e do músico Carlos Zens, com as crianças do projeto “Flautistas do Camarão”, dentro do projeto de incentivo à leitura “O Escritor Vem ao Parque”, que acontece sempre aos segundos e últimos domingos do mês, a partir das 16 horas.

O trabalho em dupla do escritor com o músico rendeu o livro “Escola da Natureza”, escrito por Marcos Medeiros, musicado por Carlos Zens e tocado em flauta com as crianças do projeto, coordenado pelo músico natalense. As crianças estudam na Escola Estadual Clara Camarão, no bairro de Felipe Camarão.

23108

Marcos Medeiros é natalense, mas foi criado em Santana do Matos, onde teve contato mais direto com a natureza. É graduado em Ciências Biológicas pela UFRN, Mestre em Melhoramento de Plantas, Doutor em Fitotecnia e professor aposentado da UFRN. Membro da Academia de Trovas, da Associação Estadual dos Poetas Populares do RN, da Academia Norte-Riograndense de Literatura de Cordel, do Instituto Cultural do Oeste Potiguar e do Instituto Histórico e Geográfico do RN.

De gênero literário eclético, é autor dos livros “Universo Encantador da Biologia”, “Vários Tons da Genética”, “Apologia das Plantas”, “A Dança dos Cromossomos”, “O Lagarto do Folhiço”, “Guriatãs e Muçambês”, “Historiando Apelidos”, “Meu sertão de Canto a Canto”, “Trinta Contas de um Rosário” (livro de bolso de contos), “A Formiguinha Perdida” (infantil), “Aflições de um Sonhador” (romance), “NÓS SOFREmos MAS Damos RISADA” (narrativa de uma viagem à Europa em cordel), “Copa do Mundo – quem ganha?”, “Nos Bastidores do Futebol”, “Flores para quem se Ama” (3 livrinhos de bolso), “Dois Poetas, Dois Estados e Um Balaio de Versos” (livro com 71 poemas de cordel em parceria com o poeta pernambucano Carlos Aires), a revista ilustrada Zé da Jia (com textos em cordel), além de mais cinquenta folhetos de cordel entre publicados e inéditos.

Carlos Zens também é potiguar, nascido em Natal. Sua infância e musicalidade vêm dos bairros tradicionais de Santos Reis e Rocas, imerso sempre na música constrói uma trajetória com maestria nestes 30 anos de carreira. Músico “nato”, Zens nasceu para a música ou “nasceu para tocar flauta”, como definiu o flautista Francês Jean Noel Saghaard e fez da flauta uma profissão e expressão de vida. Aos 15 anos iniciou seus estudos na Escola de Música da UFRN e bacharelou-se pelo Instituto de Artes da UNESP (Universidade Estadual Paulista).

Flautista, saxofonista, compositor, cantor, arranjador, produtor musical e professor. Como educador musical atua nos projetos “Conexão Felipe Camarão”, “Mais Cultura” e ministra oficina de flauta e pífano no Instituto Waldemar de Almeida. Também atuou na FDE (São Paulo) e no Projeto “Vira Vida” do Sesi/RN. Integrante da Banda Sinfônica de Natal trás na sua trajetória musical oito cds autorais e turnês nacional e internacional (Itália, Portugal e França), Projeto Pixinguinha 1997 e 2005 (Centro Oeste/Norte e Sudeste/Sul), Projeto Seis e Meia, Circuito Cultural Banco do Brasil, BNB, dividindo o palco com músicos reconhecidos nacionalmente como Vital Farias, Hermeto Paschoal, Roberto Menescal, Vanda Sá, Danilo Caymmi, Roberto Mendes e Antúlio Madureira, entre outros. Participou de vários programas culturais de emissoras de TV brasileiras.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.