Tecnologia

Google não mostrará notícias de sites que escondem seu país de origem

É bastante comum ir ao Google News para ler notícias de diferentes mídias nacionais ou internacionais sobre o assunto que estamos procurando, mas às vezes essa não é a melhor opção, já que nem todas as mídias são confiáveis.

Agora, os requisitos para estar no Google News foram endurecidos um pouco mais para a mídia, talvez em um esforço da empresa para que não haja mídia que se esconda para espalhar fake news, como aconteceu nas eleições presidenciais anteriores dos Estados Unidos.

A gigante da internet agora exigirá que qualquer meio que apareça no Google News verifique seu local de origem para saber em que local está e para catalogá-lo. Desta forma, uma mídia russa não pode mais se encobrir como se fosse um meio americano e tentar mudar os resultados eleitorais de acordo com sua conveniência.

Para se inscrever no Google News, você precisa ter uma página de notícias (não aceita outros gêneros), tenha boas notícias escritas, com fontes de origem claras e uma lúcida e revelante jornada na internet. De agora em diante, cada meio deve confirmar o seu país de operações. Caso contrário, ele será removido do Google Notícias .

A direção da empresa argumenta que foi forçada a rever suas políticas de aceitação no Google News “para refletir uma mudança constante na web”, garantindo que as pessoas ” possam entender e ver de onde as notícias que estão lendo”.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.