Vítor Pereira é oficialmente demitido do Flamengo

Após sequência de cinco títulos perdidos, Flamengo demite Vítor Pereira. Clube busca novo técnico e Jorge Jesus é "prioridade".
Vitor-Pereira-e-oficialmente-demitido-do-Flamengo.jpg
© Reprodução Twitter/Flamengo Esportes

O Flamengo anunciou oficialmente nesta terça-feira (11 de abril) a demissão do técnico português Vítor Pereira após uma sequência de cinco títulos perdidos. O treinador deixa o clube carioca após apenas três meses de trabalho, período no qual disputou a Supercopa, Mundial, Recopa, Taça Guanabara e Estadual, perdendo todas as competições.

A demissão de Vítor Pereira era um assunto ventilado em diversos veículos de imprensa há alguns dias, e a confirmação da saída do treinador não causou surpresa entre os torcedores do Flamengo.

A ideia da diretoria do clube era emplacar um trabalho de reformulação após a queda de rendimento no fim do ano passado, mesmo com a conquista da Copa do Brasil e da Libertadores. A contratação de Vítor Pereira foi vista como uma tentativa de dar um salto de qualidade ao comando do futebol do clube.

No entanto, o desempenho dos atletas considerados de ponta não se comprovou e o técnico não obteve êxito em implementar um novo sistema de jogo. Em três meses, ele obteve um aproveitamento de 57%, algo bem pior do que o de Paulo Sousa no começo de 2022, por exemplo.

A decisão pela demissão de Vítor Pereira foi tomada após uma série de conversas entre a diretoria do clube. A direção do Flamengo não deu detalhes a respeito da multa rescisória do português, que gira em torno dos R$ 15 milhões.

Com a saída de Vítor Pereira, o Flamengo agora busca um novo técnico para comandar a equipe. O nome de Jorge Jesus é considerado uma “prioridade” no clube, uma vez que o treinador português já teve passagem de sucesso pelo time, conquistando a Libertadores e o Brasileirão em 2019.

COMPARTILHE: