Mundo

Turquia desafia EUA e anuncia chegada de mísseis russos

Chegada de sistema antimísseis da Rússia a Ancara (foto: EPA)

(ANSA) – Apesar das pressões dos Estados Unidos, a Turquia anunciou nesta sexta-feira (12) o início da entrega do primeiro lote do sistema de defesa antiaérea russo S-400.

A aquisição irritou o governo americano, que ameaçou impor sanções a Ancara e bloquear a venda de mais de 100 caças F-35 às Forças Armadas turcas. “A entrega do primeiro grupo de equipamentos do sistema S-400 à base aérea de Murted, em Ancara, começou com sucesso”, diz uma nota do Ministério da Defesa da Turquia.

O acordo com Moscou foi fechado em 2018, e o presidente Recep Tayyip Erdogan diz que a compra tem como objetivo “garantir a segurança nacional” e respeita a soberania do país.

A Turquia é membro da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), que estaria “preocupada” com o fornecimento de mísseis russos ao país. “Cabe aos aliados decidir quais equipamentos militares comprar, mas estamos preocupados com as potenciais consequências da decisão da Turquia”, disse uma fonte anônima da OTAN.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias em seu e-mail. O artigo continua após o formulário!

Mantemos seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam esse serviço possível. Veja nossa Política de Privacidade para mais informações.

A Turquia é o primeiro membro da aliança militar a assinar um contrato do tipo com a Rússia, consolidando uma relação bilateral que chegou a estar em crise há três anos e meio, quando Ancara derrubou um caça de Moscou na fronteira com a Síria.

A Rússia também está construindo uma central nuclear em Akkuyu e o gasoduto Turkish Stream, que levará gás para a Europa.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.