Concurso Público, Destaques

Robinson reúne Polícia Civil para tratar de concurso com mais de 300 vagas

Foto: Demis Roussos

O governador Robinson Faria se reuniu nesta segunda-feira, 21, com representantes dos delegados, agentes e escrivães da Polícia Civil do Rio Grande do Norte. A reunião tratou da realização de concurso público para as três carreiras, promoções, reestruturação do estatuto da categoria e implantação do plantão policial em Assu para atender os municípios do Vale do Açu e parte da região Oeste.

Ficou definido que a Procuradoria Geral do Estado e a Secretaria de Administração irão incluir as vagas dos policiais exonerados no concurso. Hoje, existem 302 cargos vagos na Polícia Civil contabilizando delegados, agentes e escrivães que se aposentaram ou faleceram. Este número poderá ser ampliado em mais 36 cargos com a inclusão das vagas abertas pelos exonerados.

Além disso, também ficou definido que o pagamento das promoções e a correção de distorções terá andamento e será condicionada à disponibilidade financeira e às normas da Lei de Responsabilidade Fiscal. Em relação à reestruturação do Estatuto, os entendimentos serão iniciados visando a definição do novo regramento. O funcionamento em regime de plantão da delegacia de Assu será definido compreendendo o período da sexta-feira à noite até a manhã da segunda-feira.

“Estamos dialogando, ouvindo a categoria e encaminhando soluções. O RN e o Brasil enfrentam uma forte crise e precisamos adequar o atendimento às reivindicações ao que for possível e suportado pelo Estado, tudo dentro da Lei”, afirmou Robinson Faria.

policia civil

Polícia Civil (RN): banca organizadora será definida em breve

A realização do aguardado novo concurso público da Polícia Civil do Rio Grande do Norte (PC/RN) depende apenas da confirmação da banca organizadora, que deve ser anunciada em breve, para que a publicação do edital de abertura de inscrições possa ser publicado.

As oportunidades abertas serão para a carreira de Delegado de Polícia, Escrivão e Agente. Para os três cargos é necessário possuir formação de nível superior. Para escrivão e agente poderão participar interessados com formação em qualquer área e para delegado, formados em direito. A remuneração inicial do delegado chega a R$ 15.288, já considerando benefícios. Para os outros dois cargos, o inicial é de R$ 3.755, todos com jornada de trabalho de 40 horas semanais.

Seleção anterior

O último concurso da PC/RN ocorreu em 2008, quando foram oferecidas 438 vagas, sendo 107 para o cargo de escrivão, 263 para agente e 68 para delegado. A banca organizadora foi o Cebraspe.

Os participantes foram submetidos a provas objetivas e dissertativas, avaliação física, exceto para escrivão, prova prática, exame psicotécnico e curso de formação profissional.


Se você quer ficar por dentro das novidades de concurso público processo seletivo no Rio Grande do Norte, participe do nosso grupo no Facebook (clique aqui).

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.