Prouni 2021: inscrição para vagas remanescentes termina hoje (04)

Prouni 2021: inscrição para vagas remanescentes termina hoje (04)

Termina nesta terça-feira, 4, o prazo para inscrição para as bolsas remanescentes do Programa Universidade para Todos (Prouni). As inscrições poderão ser feitas até as 23h59, exclusivamente, site do programa. A divulgação dos pré-selecionados será na próxima sexta-feira, 7. O Ministério da Educação (MEC) ainda não divulgou a quantidade de vagas remanescentes. Neste semestre, o Prouni ofereceu, no total, mais de 162 mil bolsas de estudo

As vagas remanescentes não foram preenchidas no processo regular do Prouni – duas chamadas e lista de espera. Elas são liberadas por conta da desistência dos candidatos pré-selecionados ou falta de documentação, por exemplo. 

Na edição deste ano, a classificação dos candidatos se dará por ordem de melhor desempenho obtido no Enem, considerando qualquer das edições do exame ocorridas nos últimos 10 anos. Antes valia somente a prova mais recente do exame. 

Para quem fez mais de um Enem neste período, será considerada para efeito da classificação a edição em que ele tenha obtido a maior média no conjunto de provas. Para isso, o candidato deve ter obtido 450 pontos no conjunto de provas do Enem e não ter tirado zero na redação. 

“Com isso, a classificação se dará segundo um critério meritocrático, e não mais por ordem do horário de conclusão da inscrição, como ocorria antes, quando o critério era, meramente, temporal e, portanto, passível de prejudicar os candidatos que tivessem alguma dificuldade de acesso à internet”, informou o MEC. 

Outra novidade é que aqueles candidatos que fizeram o Enem 2020 e não puderam se inscrever no processo seletivo regular, por causa do adiamento da aplicação das provas do Enem do ano passado, em razão da pandemia de covid-19, também poderão se inscrever nas vagas remanescentes.  

O programa 

Prouni é um programa do governo federal que oferece bolsas de estudo, integrais e parciais (50%), em instituições particulares de educação superior. Para participar é preciso ter feito o Enem, e o candidato não pode ter renda familiar maior que três salários mínimos e não pode ter diploma de ensino superior. Além disso, é preciso se encaixar em uma das seguintes situações: ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública ou; ter cursado o ensino médio em escola da rede privada, desde que na condição de bolsista integral da instituição. 

Esta notícia foi interessante para você? Compartilhe com seus amigos!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: