Mossoró inicia montagem da Unidade de Campanha contra o coronavírus

Mossoró inicia montagem da Unidade de Campanha contra o coronavírus

abril 15, 2020 0 Por Rafael Nicácio

A prefeitura de Mossoró iniciou na manhã desta quarta-feira (15) a montagem de 20 leitos de retaguarda clínica da Unidade de Campanha contra o novo coronavírus. A estrutura vai funcionar na UPA Raimundo Benjamim Franco, a UPA do Belo Horizonte, e atenderá exclusivamente indivíduos com síndromes respiratórias.

Investimento será de mais de 16 mil reais por mês no aluguel da estrutura de 12 containers com ar-condicionado, por um período de 180 dias, podendo ser prorrogado pelo mesmo período caso haja necessidade.

A Secretaria de Saúde vai estruturar a Unidade de Campanha com todos os equipamentos necessários à utilização dos leitos até o fim desta semana. A previsão é que a Unidade de Campanha comece a funcionar na segunda-feira (20).

Mossoró inicia montagem da Unidade de Campanha contra o coronavírus UPA do Belo Horizonte

A UPA do Belo Horizonte já tem 15 leitos de retaguarda clínica e com a chegada dos novos o Município vai contar com 35 leitos exclusivamente para coronavírus e outras síndromes respiratórias. Os leitos são para casos considerados leves, que precisam de observação médica.

Além desses, a Prefeitura está estruturando mais quatro leitos de sala vermelha, também chamados de Unidade de Cuidados Intermediários (UCI), que vão servir para os casos de pacientes com quadro de saúde agravado até o acesso a um leito de UTI.

A UPA do Belo Horizonte, a partir do funcionamento da Unidade de Campanha, vai se tornar referência no atendimento exclusivo de indivíduos com síndromes respiratórias. Caso algum paciente procure uma das outras duas UPAs para atendimento de síndrome respiratória, será encaminhado a UPA do BH.

Atualmente a UPA tem pouco mais de 100 servidores e está solicitando mais 50, entre profissionais de limpeza, técnicos em enfermagem, enfermeiros e médicos, para a Unidade de Campanha.