Guarda Municipal resgata arara em área residencial de Ponta Negra

Guarda Municipal resgata arara em área residencial de Ponta Negra

Guarda Municipal resgata arara em área residencial de Ponta Negra

Rafael Nicácio dezembro 16, 2019 Natal

Uma Guarnição do Grupamento de Ação Ambiental da Guarda Municipal do Natal (Gaam/GMN) resgatou nesse domingo (15), uma Arara-canindé que foi encontrada dentro de um condomínio residencial situado no bairro de Ponta Negra, zona Sul da capital. A ave que é natural da região Amazônica e do Cerrado brasileiro apareceu na área de lazer do condomínio, onde foi realizado o resgate pelos guardas municipais.

De acordo com informações dos agentes do Gaam/GMN, a viatura de patrulhamento ambiental foi acionada pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), após um cidadão ligar para o número 190 informando do aparecimento da arara dentro do residencial. Os guardas municipais se deslocaram ao local e identificaram que a ave não pertencia ao bioma potiguar.

“Trata-se de uma espécie conhecida como Arara-canindé de nome científico Ara ararauna, e estava anilhada, ou seja, com um anel de identificação em uma das patas. Se encontrava bem alerta, porém muito dócil e sem vontade própria para voo”, explicou o guarda municipal A. Pereira.

A princípio os guardas municipais acreditaram que o pássaro estava ferido devido a pouca vontade de movimentação e de voo, porém, após a captura, foi feita uma análise prévia na plumagem e no corpo da arara, que não identificou nenhum registro de lesão aparente.

A Arara-canindé foi conduzida pelos guardas municipais ao Aquário Natal onde vai passar por avaliação veterinária e de biólogos para definir o encaminhamento mais correto para o bem da ave. “A Guarda Municipal agradece o apoio da população que, cada dia mais, tem entendido o trabalho de preservação ambiental, bem como cooperado com os órgãos ambientais, ligando e informando, através do Ciosp 190, as situações de resgates, denúncias de maus tratos e de tráfico de animais silvestres”, comentou o guarda municipal.

O cidadão pode informar, solicitar ou denunciar fatos envolvendo animais silvestres nos números 190 (Centro Integrado de Operações em Segurança Pública – Ciosp), 181 (Disk Denúncia – Polícia Civil) ou 3616-9829 (Ouvidoria da Semurb).

Outros artigos