SP

Fernando Haddad é indiciado pela PF por ‘caixa 2’ em campanha

fernando Haddad
Foto: Fernando Pereira/Secom

A Polícia Federal (PF) indiciou nesta segunda-feira (15) o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), por falsidade ideológica eleitoral, crime conhecido como “caixa 2“.

Segundo investigações da operação “Cifra Oculta“, um desdobramento da Lava Jato, a empreiteira UTC pagou cerca de R$ 2,6 milhões para bancar os serviços de uma gráfica durante a campanha eleitoral do petista para a prefeitura de São Paulo em 2012, quando ele foi eleito.

Além do ex-prefeito, outras seis pessoas também foram indiciadas: o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto; o ex-vereador Chico Macena; o ex-deputado Francisco Carlos de Souza, e outras três pessoas ligadas às gráfica.

O inquérito foi aberto após a delação do empreiteiro da UTC, Ricardo Pessoa. Segundo o executivo, ele recebeu um pedido de Vaccari “para o pagamento de uma dívida de campanha” de Haddad. Os valores deveriam ser enviados a uma gráfica pertecente a “Chicão”.

Após o indiciamento pela Polícia Federal, um juiz eleitoral recebe o inquérito e coloca o processo à disposição das partes.

Em seguida, o promotor Luiz Henrique Dal Toz decidirá se prossegue com a denúncia, através de uma acusação formal, ou se faz um parecer para pedir o arquivamento do caso, ou ainda se solicita novos elementos através de novas investigações. (ANSA)

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.