Mundo

EUA anunciam morte de ‘ministro da Informação’ do EI

(ANSA) – O Pentágono informou nesta sexta-feira (16) que matou o “ministro da Informação” do Estado Islâmico (EI, ex-Isis), Wa’il Adil Hasan Salman al-Fayad, em um ataque aéreo realizado no dia 7 de setembro em Raqqa, na Síria.

Segundo o porta-voz da entidade, Peter Cook, “Dr. Wail”, como era conhecido, era um dos líderes mais importantes do grupo terrorista e o responsável pela “supervisão” dos vídeos que mostravam as execuções e torturas cometidas pelos extremistas.

Ainda de acordo com Cook, o “ministro” era muito ligado à Abu Muhammad al-Adnani, considerado o porta-voz dos jihadistas e morto em um ataque aéreo em 30 de agosto.

ONG denuncia violação de trégua

Apesar de estar vivendo uma trégua nas ações militares, a ONG Observatório Nacional para os Direitos Humanos na Síria (Ondus) informou que 54 pessoas foram mortas nas últimas 24 horas no país. Destes, 34 eram civis e 20 eram militantes de diversos grupos. Entre os civis, 11 eram crianças.

O balanço mais sangrento ocorreu em Mayadin, cidade controlada pelo EI, onde 27 civis morreram em um ataque aéreo ocorrido ontem (15). A trégua humanitária atinge grandes partes do território sírio, mas não inclui as áreas dominadas pelos extremistas do EI e do Frente al-Nusra.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!). Fale conosco!

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.