Enormes aglomerados de galáxias estão se movendo para uma colisão épica

Enormes aglomerados de galáxias estão se movendo para uma colisão épica

Enormes aglomerados de galáxias estão se movendo para uma colisão épica

Grupo está localizado a 50 milhões de anos-luz da terra (Imagem: INAF / Reiprich et al)

Romário Nicácio julho 2, 2021 Universo

O enorme grupo de galáxias conhecido como o aglomerado Norte, localizado a 50 milhões de anos-luz da terra, se move em alta velocidade para duas outras estruturas semelhantes, disse a astrônoma Veronica Biffi em uma entrevista publicada pelo Instituto Nacional de Astrofísica da Itália (Inaf).

O objeto, que tem um buraco negro no centro, está localizado em um fio de gás intergaláctico descoberto no ano passado. “Parece que é um filamento cósmico que une os dois aglomerados do par [de estruturas]. A estrutura em grande escala, que se forma ao colapsar nos nós centrais, como por exemplo aquele em que encontramos o par, faz com que os outros aglomerados e aglomerados de galáxias se conectem ao par de filamentos que se movem em sua direção, eventualmente colapsando na mesma região”, observa a pesquisadora.

O que fez os cientistas assumirem o movimento do grupo são os jatos de matéria. “Atualmente estamos interpretando essa observação de tal forma que o aglomerado Norte está perdendo matéria à medida que viaja”, explica Thomas Reiprich, da Universidade de Bonn (Alemanha), em um comunicado da Universidade Macquarie (Austrália).

O aglomerado de galáxias Abell 3391/95 (INAF / Reiprich et al)

Os grupos de galáxias para os quais o aglomerado Norte se move, Abell 3391 e Abell 3395, são muito maiores do que ele, e os astrônomos esperam que, no final, se fundam formando uma estrutura ainda maior. “É como cair em direção a esses grupos e continuará a expandi-los, de acordo com o princípio de ‘o vencedor leva tudo’. O que estamos vendo é um instantâneo dessa queda”, descreve Reiprich.

O quadro é consistente com uma simulação do supercomputador Magneticum, do consórcio de pesquisa internacional eROSITA. Assim, corrobora as suposições do chamado modelo padrão cosmológico, como a hipótese de que a matéria escura constitui grande parte do universo.

Observações sobre grupos de galáxias são apresentadas em um estudo aceito para publicação na revista Astronomy & Astrophysics e disponível no repositório arXiv.

Outros artigos

INSS vai revisar 170 mil benefícios em agosto

julho 27, 2021

INSS vai revisar 170 mil benefícios em agosto

Atenção: cerca de 170 mil segurados da Previdência Social que recebem benefícios por incapacidade temporária – o antigo auxílio-doença – devem ficar atentos para ag...