AplicativosDestaquesNegócios

Elon Musk compra o Twitter por US$ 44 bilhões

De acordo com os termos do acordo, os acionistas do Twitter receberão US$ 54,20 em dinheiro por cada ação ordinária do Twitter que possuírem no fechamento da transação proposta

O empresário Elon Musk recebeu luz verde para a compra do Twitter depois de chegar a um acordo de cerca de 44 bilhões de dólares (cerca de R$ 214 bilhões) com representantes da empresa, conforme comunicado divulgado nesta segunda-feira (25/-4) pela PR Newswire.

Com a aquisição, a companhia deixará de ter ações negociadas na bolsa, e se tornará de capital fechado. O negócio ainda está sujeito a aprovações regulatórias. Em comunicado, a empresa afirma esperar que o processo da compra seja finalizado ainda neste ano.

As discussões sobre o acordo, que parecia “incerto” na semana passada, aceleraram no fim de semana depois que o CEO da Tesla e da SpaceX “atraiu” os acionistas no Twitter com os detalhes financeiros de sua oferta.

Espero que até meus piores críticos permaneçam no Twitter, porque é isso que significa liberdade de expressão“, escreveu o magnata em um tweet.

Aquisição do Twitter

De acordo com os termos do acordo, os acionistas do Twitter receberão US$ 54,20 em dinheiro por cada ação ordinária do Twitter que possuírem no fechamento da transação proposta. O preço de compra representa um prêmio de 38% em relação ao preço de fechamento das ações do Twitter em 1º de abril de 2022, que foi o último dia de negociação antes de Musk divulgar sua participação de aproximadamente 9% no Twitter.

Bret Taylor, presidente do conselho independente do Twitter, disse: “O conselho do Twitter conduziu um processo cuidadoso e abrangente para avaliar a proposta de Elon com foco deliberado em valor, certeza e financiamento. é o melhor caminho para os acionistas do Twitter“.

Parag Agrawal , CEO da rede social, disse: “O Twitter tem um propósito e relevância que impacta o mundo inteiro. Profundamente orgulhoso de nossas equipes e inspirado pelo trabalho que nunca foi tão importante“.

A liberdade de expressão é a base de uma democracia em funcionamento, e o Twitter é a praça da cidade digital onde são debatidos assuntos vitais para o futuro da humanidade“, disse Musk. “Também quero tornar o Twitter melhor do que nunca, aprimorando o produto com novos recursos, tornando os algoritmos de código aberto para aumentar a confiança, derrotando os bots de spam e autenticando todos os humanos. O Twitter tem um tremendo potencial – estou ansioso para trabalhar com a empresa e a comunidade de usuários para desbloqueá-lo“.

Início da compra

Elon Musk revela no Saturday Night Live que tem síndrome de Asperger
Foto: Divulgação / BBC

Em 4 de abril, o empresário adquiriu uma participação passiva de 9,2% no Twitter, tornando-se assim o principal acionista da rede social, o que fez com que o valor das ações da empresa aumentasse 26% nas operações anteriores.

Ainda durante o mês de abril, o CEO da Tesla e da SpaceX se ofereceu para comprar 100% do Twitter por um pagamento em dinheiro no valor de US$ 54,20 por ação, o que, segundo a Bloomberg, poderia ser classificado como uma das maiores aquisições da internet.

Um dia depois, o conselho de administração da rede social adotou a estratégia da chamada “pílula de veneno”, com a qual buscava impedir que o CEO da Tesla e da SpaceX aumentasse sua participação no Twitter em mais de 15%. Algo que não adiantou muito e a rede social terá um novo dono.

Liberdade de expressão

Apesar da disposição de Musk e sua defesa à liberdade de expressão, o empresário até o momento não divulgou nenhum plano de como deve lidar com o tema após a aquisição da rede social. Ele só citou planos de ter uma moderação de conteúdo mais branda e descentralizada, abertura de código-fonte e remoção de bots de spam.

O empresário já criticou várias vezes políticas de moderação de conteúdo de redes sociais, que são pensadas como formas de tentar coibir desinformação e barrar discursos de ódio.

Por outro lado, sua ascensão como “dono” único da plataforma também preocupa usuários e influenciadores.

Quer receber as principais notícias do Portal N10 no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial. Para receber no Telegram, clique aqui

Siga o Portal N10 no Google News para acompanhar nossas notícias. Clique na imagem abaixo!

Rafael Nicácio

Co-fundador dos canais Portal N10, Jerimum Geek e do Tudo em Dicas. Já trabalhou na Assecom (Assessoria de Comunicação do Governo do Rio Grande do Norte) e na Ascom (Assessoria de Comunicação da UFRN). E-mail para contato: rafael@oportaln10.com.br

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Olá pessoal! O acesso ao nosso site é gratuito, porém precisamos da publicidade aqui presente para mantermos o projeto online. Por gentileza, considere desativar o adblock ou adicionar nosso site em sua white-list e recarregue a página.