Portal N10

Ebserh lançará especialização com 2.250 vagas em parceria com a UFRN

Com carga horária de 360 horas, a expectativa é que a pós-graduação comece em abril

Como parte de uma estratégia de educação, a Rede Ebserh está finalizando um projeto para implementar um curso de especialização Lato Sensu, em parceria com Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Com carga horária de 360 horas, a expectativa é que a pós-graduação comece em abril deste ano e termine em setembro de 2019.

Serão oferecidas 2.250 vagas para profissionais de saúde na modalidade semipresencial, com alguns módulos autoinstrucionais e acompanhamento pedagógico permanente no Ambiente Virtual de Ensino e Aprendizagem (Avasus). Nos dias 5 e 6 de março, foi realizada uma oficina, em Natal, para discutir o conteúdo a ser aplicado no curso de pós-graduação. Agora, o conteúdo está sendo formatado para a finalização do projeto e divulgação dos critérios de inserção dos participantes.

Para a coordenadora de Formação Profissional da Ebserh, Caroline Valero, que participou da oficina em Natal, o objetivo é qualificar a atuação dos preceptores dos hospitais da Rede, pois são eles que acompanham os alunos durante as atividades práticas nos hospitais de ensino. “Queremos aprimorar a prática da preceptoria em seus aspectos pedagógicos, por meio de variadas atividades formativas, qualificando a formação em saúde”, pontuou a coordenadora.

Mais formação

Esse não é o único projeto da Ebserh para formação de preceptores. Com início previsto para o primeiro semestre de 2018, a Rede também realizará um curso semipresencial para a formação pedagógica de tutores. O objetivo é qualificar os profissionais para atuarem como mutiplicadores nos cursos para formação de preceptores da Rede Ebserh.

Essa proposta está sendo elaborada por três unidades da Rede: Maternidade Climério de Oliveira da Universidade Federal da Bahia (MCO-UFBA), Hospital das Clínicas da Universidade Federal do Goiás (HC-UFG) e Hospital Universitário de Juiz de Fora (HU-UFJF). Esses hospitais já possuem cursos de capacitação para preceptores ministrados localmente.

Na ocasião, Caroline Valero afirmou que a expectativa é de formar 6 mil profissionais em preceptoria. “O princípio dos hospitais universitários é o ensino, e os preceptores são fundamentais nesse processo. É preciso que estejam qualificados e que entendam o seu papel”, declarou.

Sobre a Ebserh

Estatal vinculada ao Ministério da Educação, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) administra atualmente 39 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

A empresa, criada em dezembro de 2011, também é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações nas 50 unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh.

You might also like

Leave A Reply

Your email address will not be published.