Mundo

Cuba dá indulto a quase 800 presos após pedido do Papa

Papa-Francisco1
Foto: Eduardo Santillán / Presidencia de la República

(ANSA) – O governo de Cuba anunciou que concedeu um indulto a 787 presos como forma de responder “ao apelo do papa Francisco aos chefes de Estado, no Ano Santo da Misericórdia”. Segundo informou o jornal oficial “Granma”, os beneficiados cometeram crimes considerados leves.

“Para isso se levou em conta as características dos fatos pelos quais foram sancionados, a conduta durante o cumprimento da sanção e o tempo da pena já cumprido. Igualmente, por razões humanitárias, também foram incluídos nesse indulto mulheres, jovens, doentes e outras categorias”, escreveu a publicação.

O jornal ressaltou que, assim como já havia ocorrido em outras concessões do benefício, aqueles que cometeram crimes graves, “como assassinato, homicídio, corrupção de menores, estupro, tráfico de drogas” não receberam o indulto por representar “extremo perigo”.

No ano passado, o governo cubano liberou mais de três mil presos. O papa visitou a ilha em setembro do ano passado, após o Vaticano auxiliar o processo de reaproximação entre Estados Unidos e Havana. Em fevereiro deste ano, Jorge Mario Bergoglio fez uma “escala” na capital cubana onde fez um histórico encontro com o Patriarca de Moscou, Kirill.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.