Corredores do Walfredo Gurgel (Foto: Divulgação)

Nesta segunda-feira (25), o corredômetro-RN retornou com a 25ª contagem de pacientes em macas nos corredores e em outros locais, dos quatro principais hospitais do estado. Foram registrados 105 pacientes recebendo atendimento em macas, nos hospitais: Walfredo Gurgel, Santa Catarina e Deoclécio Marques, na Região Metropolitana, e o Tarcísio Maia, em Mossoró.

O Walfredo Gurgel continua liderando o rancking de pacientes em macas, representando 60% do total de pacientes, com 63 pessoas nessa situação. Em um ambiente superlotado, mal refrigerado, sem condições de trabalho, várias pessoas passam dias em busca de receber tratamento médico adequado.

Veja também200 pessoas morrem por mês no Walfredo Gurgel

Apesar da contagem dessa segunda ter sido mais baixa em relação à última contagem do dia 30 de novembro de 2015 – registrando 153 pacientes em macas, na segunda semana deste ano, haviam mais de 100 pacientes em macas só no Walfredo Gurgel, superando a média de 2015, do hospital, de 70 pacientes.

Iniciado em junho de 2015, durante a greve dos servidores da saúde estadual, o corredômetro busca denunciar e exigir o fim do caos na sáude e servir como fonte pública de informação. A ideia veio de experiência semelhante, feita no Ceará.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.