ColunasWagner Santos

Como pequenas empresas podem sair ganhando com o SEO

Apostar em SEO ajuda pequenas empresas a se desenvolverem online e a aumentarem suas vendas, com aplicação reduzida de recursos. Com estratégias adequadas e mapeamento de palavras-chave, os sites podem ser achados pelos clientes certos. Isso porque essa modalidade de marketing de conteúdo tende a aumentar o tráfego orgânico, ampliando o reconhecimento da marca. 

SEO é a sigla para o termo em inglês Search Engine Optimization, que significa otimização para mecanismos de busca. Essa é uma abordagem que as companhias devem usar para se destacar, desde o início da criação de um site, nas páginas de resultados de buscas no Google. A médio e longo prazo, ela é capaz de aumentar conversões e vendas.

Os motores de busca funcionam sob regras e algoritmos que mudam ao longo do tempo. Assim, as práticas de otimização devem fazer o ajuste do conteúdo para que ele se adeque a essas normas. Para começar as atividades, vale fazer uma análise SEO

Os primeiros resultados nas páginas de buscas são muito concorridos porque os sites que aparecem no topo têm mais chances de serem acessados. Segundo levantamento feito pela Hubspot, a maioria das pessoas (75%), ao pesquisar algo no Google, não chegam a passar da primeira página de resultados.

O SEO, dessa forma, é importante para o marketing digital e funciona como uma alternativa aos canais pagos, como os anúncios patrocinados em links. Dados da Zero Limit Web mostram que os cinco primeiros resultados orgânicos de uma página de busca recebem 67% dos cliques. 

Pequenas empresas, grandes jogadas

Possuir orçamento pequeno ou limitado para investir em links patrocinados e anúncios não é impedimento para que empresas utilizem SEO. Pelo contrário, esse é um cenário que deve servir de motivação para que pequenos empresários apostem ainda mais nessas técnicas. 

Ao ganhar espaço no mundo virtual por meio de tráfego orgânico, os benefícios alcançados são mais duradouros do que aqueles atrelados apenas à visibilidade temporária de campanhas. Isso ocorre porque há conversão em receita por meio do aumento de vendas. 

A empresa que investe em SEO desde o início consegue autoridade naquele nicho e credibilidade para competir e se destacar no ambiente virtual. As estratégias corretas dão às menores companhias chances de competir em condições iguais ou, pelo menos, mais justas. 

Um exemplo prático do uso dessas técnicas é a mudança de direcionamento. Em vez de utilizar palavras-chave disputadas por grandes corporações, a pequena empresa pode abordar termos específicos referentes exatamente àquilo que o cliente pesquisa no navegador. 

Essa ação é capaz de colocar a marca nos resultados ideais, em que os consumidores estão presentes de fato e dispostos a comprar. Além disso, por não serem vistos apenas como propaganda, os conteúdos orgânicos são vistos como mais confiáveis pelo público. 

O que fazer na prática

Algumas dicas podem ajudar o empresário a compreender melhor o que significa utilizar estratégias e valores corretos para cada caso. A constância, por exemplo, deve fazer parte do trabalho para alcançar visibilidade. 

Definir o público-alvo é um passo importante para que um site se torne conhecido, receba mais acessos e tenha autoridade no mercado. Além disso, é fundamental traçar um objetivo e elaborar um plano de ação. 

O processo de monitoramento de um domínio também deve considerar o uso de ferramentas específicas, o formato do conteúdo e a escolha de linguagem. 

É importante ressaltar que, para além de ser encontrado nas pesquisas, é essencial oferecer conteúdo relevante e de qualidade. Isso significa ofertar material bem elaborado, pensado para o ambiente digital e pertinente ao público de destino. 

Palavra-chave

A pesquisa de palavras-chave também é base para qualquer trabalho de SEO. A partir dela é possível mapear os termos mais utilizados no momento e entender a demanda do público. Identificar palavras menos concorridas – que possam ser exploradas para conectar o consumidor direto à marca – é outra possibilidade. Uma ferramenta que ajuda nesse planejamento é o Google Search Console. 

SEO local

O SEO local ganhou ênfase nos últimos anos, principalmente devido a mudanças globais provocadas pela pandemia. A partir do momento em que as pessoas passaram a se deslocar menos e a ficar mais em casa, o consumo local se tornou mais importante. Além disso, a comodidade também é fato decisivo na hora da compra. 

De acordo com o Google, um negócio pesquisado localmente recebe a visita de 76% das pessoas que o buscam em até 24 horas. Uma dica é configurar o site da empresa no Google Meu Negócio, com informações de localização, horário de funcionamento e link direto para a página. 

E se quiser saber mais sobre SEO, recomendo acessar essa categoria de notícias sobre SEO para posicionar sites no Google e outros mecanismos de pesquisa.

Além disso, outra ideia é trabalhar palavras-chave que destaquem o aspecto geográfico. Em vez de “aulas de inglês”, utilizar “aulas de inglês em São Paulo”, por exemplo. 

Quer receber as principais notícias do Portal N10 no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial. Para receber no Telegram, clique aqui

Siga o Portal N10 no Google News para acompanhar nossas notícias. Clique na imagem abaixo!

Wagner Santos

Meu nome e Wagner Santos CEO da Revista de Marketing e profissional de SEO | Linkbuilder e escrevo sobre dicas para melhorar e alavancar sites na internet.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Olá pessoal! O acesso ao nosso site é gratuito, porém precisamos da publicidade aqui presente para mantermos o projeto online. Por gentileza, considere desativar o adblock ou adicionar nosso site em sua white-list e recarregue a página.