Central do Cidadão em São Paulo do Potengi vai atender 10 mil pessoas por mês

maio 13, 2019 1 Por Rafael Nicácio
Central do Cidadão em São Paulo do Potengi vai atender 10 mil pessoas por mês

A Central do Cidadão do município de São Paulo do Potengi inaugurada nesta segunda feira (13), vai atender 10 mil pessoas por mês. A população da cidade e de municípios vizinhos passa a ter serviços prestados por órgãos das administrações direta e indireta do Estado como Detran, Caern, ITEP (emissão de carteira de identidade), Junta Militar, Instituto de Previdência dos Servidores Estaduais (IPERN), Procon-RN, e por órgãos como a Receita Federal, para emissão de CPF, Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e Ministério do Trabalho, para emissão de Carteira de Trabalho.

Esta é a primeira unidade inaugurada no atual governo, em sede própria, e representa investimento de R$ 2.586.590,00, dentro do programa Governo Cidadão, que é financiado pelo empréstimo ao Banco Mundial.

A Central conta com ar-condicionado em todas as dependências e serviços informatizados. Vinte e dois funcionários, sendo 12 do estado e dez cedidos pela prefeitura do município trabalharão no atendimento ao público, de segunda a sexta-feira, no horário das 7h00 às 12h50.

Além dos moradores de São Paulo do Potengi, a nova Central vai atender também moradores dos municípios de Riachuelo, Rui Barbosa, Barcelona, Senador Eloi de Souza, Santa Maria, Lagoa de Velhos e Ielmo Marinho.

Dados gerais do programa

A Central do Cidadão oferece de forma integrada um conjunto de serviços públicos essenciais, centralizados geograficamente em um único espaço, em local de fácil acesso à população.

Hoje existem 24 centrais em 21 municípios do Rio Grande do Norte: Natal, Mossoró, Parnamirim, Currais Novos, Caicó, Nova Cruz, João Câmara, Assu, Macau, São José de Mipibu, Pau dos Ferros, Alexandria, Caraúbas, São Paulo do Potengi, Santa Cruz, Macaíba, Ceará-Mirim, Alto do Rodrigues, Apodi, Parelhas e Canguaretama.

Juntas, as 24 centrais realizam cinco milhões de atendimento por ano.

Estão em construção sedes próprias para outras 17 unidades – Apodi, Alexandria, Ceará-Mirim, Macau, Pau dos Ferros, Nova Cruz, Currais Novos, São José de Mipibu, Alexandria, João Câmara, Caraúbas, Santa Cruz, Macaíba, Natal (Zona Norte e Zona Sul), São Miguel e Caicó.

Cinco unidades que já estão instaladas em prédios próprios estão em reforma: Parelhas, Assu, Parnamirim, Mossoró (Rodoviária) e Zona Oeste.

As novas sedes vão proporcionar economia em aluguéis no valor de R$ 1 milhão por ano. O investimento total é de R$ 61,8 milhões.