Carreata em apoio a Bolsonaro reúne mais de 200 veículos em Natal

Carreata em apoio a Bolsonaro reúne mais de 200 veículos em Natal

agosto 16, 2020 0 Por Rafael Nicácio

Organizada pelos movimentos de direita do Rio Grande do Norte, a carreata realizada neste domingo (16) reuniu mais de 200 veículos e contou ainda com a presença do deputado federal General Girão e do Coronel Hélio Oliveira, pré-candidato a prefeito de Natal pelo PRTB.

De acordo com os organizadores do evento, a “carreata teve como principais objetivos a manifestação de apoio ao presidente Jair Bolsonaro, a normalização da atividade econômica no RN e o repúdio à punição aos policiais militares pelo Governo do Estado”. Com concentração na praça de Mirassol, a carreata seguiu por ruas e avenidas da região sul de Natal e foi encerrada no entorno da Governadoria.

Veja também:

+ Protesto no Dia do Estudante termina com alunos do IFRN agredidos pela PM

+ General Girão pede envio de tropas federais ao IFRN

“Nós, patriotas, estamos juntos por um Brasil melhor, por um Rio Grande do Norte melhor, por uma Natal melhor. Defendemos a governabilidade do presidente Bolsonaro, que a governadora Fátima pare de perseguir a Polícia Militar e que o comércio em Natal e no RN volte a funcionar em pleno vapor, pois precisamos resgatar os empregos perdidos e gerar emprego e renda para o nosso povo. Com essas três pautas, fomos às ruas de forma ordeira para defender tudo isso. O Brasil está mudando e o RN e Natal precisam acompanhar essas mudanças que têm como base a honestidade, o combate à corrupção e o amor à Pátria e à família”, afirmou Coronel Hélio, lembrando que na próxima sexta-feira (21), o presidente Bolsonaro estará no Rio Grande do Norte.

Além de abordar questões ligadas ao momento atual que o Brasil e o RN enfrentam, o deputado federal General Girão lançou uma campanha pela Pátria e pediu que os potiguares, entre os dias 1 e 7 de setembro, colocassem a bandeira do Brasil em lugar de destaque, seja em suas casas, condomínios e/ou carros, por exemplo. “Este ano não poderemos ter os tradicionais desfiles cívicos de 7 de setembro. No entanto, não podemos deixar de comemorar a independência do nosso país e, por isso, faço esse pedido para que os potiguares coloquem a bandeira do Brasil em lugar de destaque”, enfatizou Girão.