Campanha de Trump pedirá recontagem dos votos em Wisconsin

Campanha de Trump pedirá recontagem dos votos em Wisconsin

Campanha de Trump pedirá recontagem dos votos em Wisconsin

Romário Nicácio novembro 4, 2020 Mundo

(ANSA) – O chefe de campanha de Donald Trump, Bill Stepien, afirmou nesta quarta-feira (4) que pedirá uma recontagem de votos em Wisconsin, estado-chave que se encaminha para uma vitória de Joe Biden.

Com 10 dos 538 votos no colégio eleitoral, Wisconsin foi determinante para a vitória de Trump em 2016, mas agora, com quase 100% das urnas apuradas, tem o democrata com 49,4% da preferência, e Trump com 48,8%.

Pouco mais de 20 mil votos separam os dois candidatos, praticamente a mesma vantagem de Trump sobre Hillary Clinton quatro anos atrás. Se vencer no Wisconsin, Biden ficará bem posicionado para conquistar a Casa Branca.

Por meio de um comunicado, Stepien disse que o presidente está dentro do limite para pedir uma recontagem no estado e fará isso “imediatamente”. Para solicitar uma nova apuração, a diferença entre os candidatos precisa ser inferior a um ponto percentual.

O chefe de campanha do republicano também denunciou, sem provas, a existência de “irregularidades em alguns condados de Wisconsin que levantam sérias dúvidas sobre a validade do resultado”.

Outros artigos