Na noite desta segunda-feira, dia 8 de julho, policiais militares capturaram um indivíduo suspeito de chefiar uma facção criminosa na Grande Natal e um segundo morreu durante o confronto.

Após informações recebidas de que traficantes de drogas armados estariam trafegando pela BR-101 em Extremoz, os policiais começaram a fazer buscas perto da região de Pitangui, no Litoral Norte, e conseguiram chegar aos suspeitos, que estavam com revólveres.

Segundo a PM, a viatura abordou o carro modelo Parati, onde estavam os suspeitos, mas o veículo não parou. Foi quando começou a perseguição, que durou cerca de um quilômetro e meio. No fim, os ocupantes do carro pararam o carro e tentaram sair correndo, atirando no carro policial. A viatura ficou com pelo menos duas marcas de tiros. No confronto, Valtercley Bruno Morais Leite, de 34 anos foi atingido. O outro meliante conseguiu fugir.

O homem foi socorrido pelos policiais militares até o Hospital Santa Catarina, na Zona Norte de Natal. Apesar disso, ele não resistiu e morreu. A arma que teria sido a usada pelo homem foi apreendida. Todas as munições tinham sido deflagradas, ou seja, foram disparadas durante o tiroteio.

O carro usado pela dupla, que pertencia a Bruno, também foi apreendido. Na Justiça, ele respondia a dois processos – um por porte ilegal de arma de fogo, em 2014, e outro por tráfico de drogas, aberto em 2016.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.