Home Notícias Variedades Curiosidades Saiba alguns fatos curiosos sobre o verão!

Saiba alguns fatos curiosos sobre o verão!

Publicidade

Saiba alguns fatos curiosos sobre o verão!
Modena Motorsport Ferrari Track Days
0
Publicidade

O verão do hemisfério norte é chamado de “verão boreal”, e o do hemisfério sul é chamado de “verão austral”. Alguns povos antigos dividiam o ano em cinco estações: outono, inverno, primavera, o verão propriamente dito, de tempo quente e chuvoso e o estio, de tempo quente e seco – palavra que originou o termo “estiagem”.

O solstício ocorre duas vezes ao ano. No de inverno, a noite é mais longa que o dia. No de verão, o dia é mais longo que a noite. Na Linha do Equador, a duração dos dias é fixa ao longo das estações do ano, com 12 horas de luz e 12 horas de noite. Quer dizer, os solstícios são inexistentes no Equador.

O grau Celsius (símbolo: ºC) foi designado em homenagem ao astrônomo sueco Anders Celsius, que foi o primeiro a propô-lo. As temperaturas no Brasil são medidas em graus Celsius.

A temperatura mais alta registrada no Brasil durante o verão foi 43º Celsius na cidade do Rio de Janeiro, em 1984. A maior temperatura ambiente, no entanto, foi registrada na localidade de Azízia, na Líbia: 58º Celsius.

A incidência de raios ultravioletas (UV) é maior no verão. A exposição excessiva aos raios UV podem causar manchas e até câncer de pele. Quanto mais clara a pele, maior a probabilidade de contrair o câncer. Por isso, não esqueça do protetor solar.

Horário de verão é a alteração do horário de uma região, adiantando-se em geral uma hora no fuso horário oficial local. Como o próprio nome indica, o horário de verão é implantado sempre na estação mais quente do ano, quando os dias são mais longos.

Dizem que quem teve a ideia do horário de verão foi o inventor e político norte-americano Benjamin Franklin, em 1784. Na época, o horário de verão visava economizar certa de vela (!!).

O primeiro país a adotar o horário de verão foi a Alemanha, na segunda década do século XX.

No Brasil, o horário de verão foi implantado pela primeira vez em 1 931. A ideia, porém, não deu muito certo. O horário de verão atual – que vigora nas regiões Sul e Sudeste, além de parte do Centro-Oeste – foi criado em 1 985.

Em inglês, o horário de verão é chamado de “daylight saving time” (horário de economia com luz do dia, em tradução livre) e em italiano de “ora legale” (hora legal).

O Sol da meia-noite só pode ser visto durante o verão nos hemisférios. Nessa época, o Sol brilha 24 horas por dia. Entre outubro e março, o Sol da meia-noite ocorre no Pólo Sul; de abril a setembro, no Pólo Norte.

Só existem duas estações no Ártico e na Antártida: verão com 6 meses de Sol (não existem noites) e inverno com 6 meses de escuridão (não existem dias).

As reações emocionais da pessoa se alteram conforme o clima e a luz do ambiente. Por isso, pode-se afirmar com toda a certeza que você tende a ser mais alegre no verão do que no inverno.

A estação mais violenta do ano no Brasil é o verão. Pesquisas demonstram que agressões, assassinatos e acidentes de trânsito ocorrem com maior frequência durante os meses mais quentes, principalmente dezembro.

Durante os meses mais quentes, as doenças mais comuns no Brasil são a malária e a dengue. Aliás, a malária é uma das pragas que mais mata gente no mundo. Acredita-se que o número de mortos ultrapasse os dois milhões de pessoas por ano.

A época do ano com maior incidência de enchentes no Centro-Sul do Brasil é o verão, principalmente entre os meses de dezembro a abril. O maior desastre natural da história do país ocorreu justamente nessa estação, com enchentes e deslizamentos de terra. Ocorrido na Serra Fluminense – diga-se Petrópolis, Teresópolis, Nova Friburgo, São José do Vale do Rio Preto e Bom Jardim -, ele matou em torno de 1 000 pessoas.

Publicidade

Romário Nicácio Administrador de Redes. Redator e co-fundador do Portal N10. Redator de sites desde 2009.
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!