Home Notícias Política Protesto contra o governo leva 1 milhão de pessoas na Avenida Paulista, diz PM

Protesto contra o governo leva 1 milhão de pessoas na Avenida Paulista, diz PM

Publicidade

Protesto contra o governo leva 1 milhão de pessoas na Avenida Paulista, diz PM
Foto: Reprodução/TV Globo
0
Publicidade

Na tarde deste domingo a Avenida Paulista foi interditada para o transito por causa do protesto contra o governo combinado através das redes sociais. Segundo estimativa da Polícia Militar, pouco depois das 15h cerca de 580 mil pessoas ocupavam a Avenida Paulista. O ex-jogador Ronaldo Fenômeno subiu em um carro de som na Avenida Paulista usando uma camisa de campanha do então candidato Aécio Neves (PSDB), derrotado nas eleições presidenciais do ano passado.

Ainda segundo a PM, na Grande São Paulo e no ABC também houve manifestações. Cerca de 1 mil pessoas protestavam na Praça Getúlio Vargas, em Guarulhos, por volta das 12h. Em São Caetano do Sul, também segundo a PM, 300 pessoas caminhavam pela Avenida Goiás no mesmo horário. Já em Osasco, ao meio-dia, 40 pessoas protestavam em frente á prefeitura de Osasco.

Na Avenida Paulista, ao menos quatro movimentos pretendiam colocar carros de som entre a Avenida Brigadeiro Luís Antônio e a Rua da Consolação. O movimento “Vem Pra Rua” previa se posicionar em frente à estação Trianon-Masp do Metrô. Já o grupo “Revoltados Online” iria se posicionar em frente à sede da Petrobras. Os líderes do “S.O.S. Forças Armadas – Intervenção Militar” pretendia se posicionar entre as ruas Augusta e Frei Caneca. O Movimento Brasil Livre pretendia ficar na região do Masp.

Logo no começo do ato, manifestantes cantaram o hino nacional. Não há previsão de deslocamento do grupo, que deve ficar na Avenida Paulista.

Atualizado às 17h50

PM confirma um milhão de pessoas na Avenida Paulista e em seu entorno.

As informações são do G1.

Publicidade

Romário Nicácio Administrador de Redes. Redator e co-fundador do Portal N10. Redator de sites desde 2009.
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!