Polícia anuncia prisão de mais um suspeito de liderar ataques no RN

A Polícia Civil doi Rio Grande do Norte anunciou nesta terça-feira (2) a prisão de Daniel Silva de Carvalho, apontado como sendo o “número 2” do Sindicato do Crime do RN, facção que reivindica os ataques criminosos que vêm sendo registrados no Estado desde a sexta (29).

Além dele, foi presa Islênia de Abreu Lima, que também seria uma das chefes da quadrilha. Os dois foram presos em cumprimento a mandados de prisão.

Durante coletiva realizada na Escola do Governo, em Natal, o delegado geral da Polícia Civil, Cleiton Pinho, informou que Daniel Silva é o segundo na linha hierárquica da organização criminosa no Estado. Segundo as investigações, o suspeito dava suporte as ações da facção, intermediando o contato entre João ‘Mago’ e os apenados do sistema prisional, além de outros integrantes da facção que estão pelas ruas do Estado.

Transferências

Após os ataques, o Governo do Estado iniciou um processo de identificação e transferência de presos que estariam comandando os atendados de dentro das prisões.

Durante a segunda-feira (1º), cinco detentos, apontados como líderes da facção dentro dos presídios, foram isolados e transferidos para a Penitenciária Federal de Mossoró, na região Oeste potiguar.

De acordo com o governador Robinson Faria, os presos transferidos foram identificados pelo setor de inteligência da polícia potiguar após terem celulares monitorados. Ainda de acordo com o governador, outros 20 detentos também serão transferidos para presídios federais em breve.

 

você pode gostar também

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!