Home Notícias Ciência O segredo dos sonâmbulos! ‘sistema GPS’ do cérebro ainda funciona quando estamos dormindo, diz estudo

O segredo dos sonâmbulos! ‘sistema GPS’ do cérebro ainda funciona quando estamos dormindo, diz estudo

O segredo dos sonâmbulos! ‘sistema GPS’ do cérebro ainda funciona quando estamos dormindo, diz estudo
0

Você já deve ter se perguntado como os sonâmbulos conseguem perambular por aí sem esbarrar em nada, agora, um novo estudo pode ter encontrado a resposta para isto. Os cientistas descobriram que as células de navegação no cérebro são tão ativas quando estamos dormindo como quando estamos acordados.

A constatação baseia-se em descoberta de ‘sistema GPS’ do cérebro que compreende aglomerados de células que nos dão um senso de direção. Os especialistas da NYU Langone Medical Center, em Nova York, estão focados no “sistema de direção da cabeça” em camundongos, que funciona como uma bússola. Eles descobriram que os neurônios de direção da cabeça ficam ativos durante o sono.

Os pesquisadores estudaram a atividade cerebral em ratos durante o movimento dos olhos profundos, ou rápido (REM), que é uma fase conhecida por intensa atividade de sonhos em seres humanos, durante a qual atividade elétrica do cérebro é praticamente indistinguível do que quando acordado. Eles descobriram que, durante o sono profundo, a ‘agulha’ da bússola cerebral nos ratos moviam-se na mesma velocidade quando estavam dormindo, como quando eles estavam acordados.

A descoberta pode levar a novos tratamentos para problemas de navegação, que estão entre os primeiros grandes sintomas da doença de Alzheimer e outros distúrbios neurológicos.
A descoberta pode levar a novos tratamentos para problemas de navegação, que estão entre os primeiros grandes sintomas da doença de Alzheimer e outros distúrbios neurológicos.

Durante os períodos de sono de ondas lentas, no entanto, quando a atividade cerebral diminui significativamente, eles encontraram uma aceleração de 10 vezes de atividade, de modo que os camundongos foram capazes de “olhar ao redor” ainda mais do que quando eles estavam acordados. “Há muito que sabemos que o cérebro continua trabalhando mesmo durante o sono”, disse Gyorgy Buzsaki, Professor de Ciências Neurais na universidade. “Mas agora sabemos como ele está trabalhando em um dos sentidos aparentemente simples – orientação da cabeça – ou o nosso sentido de onde olhamos em qualquer espaço”.

A descoberta pode levar a novos tratamentos para problemas de orientação, que estão entre os primeiros grandes sintomas da doença de Alzheimer e outros distúrbios neurológicos. Para o estudo de dois anos, descrito na revista Nature Neuroscience, os pesquisadores filmaram os movimentos da cabeça de ratos e registraram a atividade elétrica nas regiões da direção da cabeça dos animais enquanto estavam dormindo. As gravações foram então comparados com leituras semelhantes feitas no mesmo camundongos enquanto eles estavam acordados e perambulando em vários ambientes.

O próximo passo será o de acompanhar outras partes do cérebro dos ratos envolvidos em formas mais complexas de comportamentos para ver se os padrões de atividade neural semelhantes estão ativas. Os pesquisadores também estão planejando experimentos para testar se direção da cabeça e de orientação podem ser controladas eletricamente.

As informações são do Daily Mail.

Romário Nicácio Administrador de Redes. Redator e co-fundador do Portal N10. Redator de sites desde 2009.
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!