Home Notícias Brasil RN Natal Natal (RN) tem a maior proporção de famílias endividadas do Nordeste

Natal (RN) tem a maior proporção de famílias endividadas do Nordeste

Natal (RN) tem a maior proporção de famílias endividadas do Nordeste
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
0

Apesar de contar com apenas 15,7% da oferta de crédito para uma população que representa 27,4% do País, a região Nordeste – representada nesse estudo por suas capitais, registrou uma elevada parcela de famílias endividadas em junho deste ano. Em grande parte, esse resultado pode ser explicado pelo alto índice de empréstimos informais.

Natal-RN apresentou a maior proporção de famílias endividadas (76%) no período, ocupando a quinta colocação entre todas as capitais do Brasil. Outras seis capitais nordestinas também apresentaram taxas acima da média nacional (58%): Recife/PE (70%), João Pessoa/PB (70%), São Luís/MA (70%), Aracaju/SE (68%), Fortaleza/CE (64%) e Maceió/AL (59%). Somente Teresina/PI (53%) e Salvador/BA (52%) ficaram abaixo da média das capitais brasileiras.

Os dados compõem a pesquisa Radiografia do Crédito e do Endividamento das Famílias Brasileiras, realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP). A análise contempla dados de 2013 ao primeiro semestre de 2016 com base em informações do Banco Central do Brasil, do IBGE e da CNC.

Em junho deste ano, a média nacional de renda mensal comprometida com dívida foi de 31%. A capital do Piauí registrou a terceira maior proporção do País, com 41%. Nos últimos quatro anos, Teresina apresentou taxa acima da média nacional e esteve entre as cinco maiores do Brasil. Natal também ficou acima da média nacional com 36%.

Completam a lista: Salvador/BA (31%) – mesma média nacional -, São Luís/MA (29%), Fortaleza/CE (28%), Recife/PE (23%), Aracaju/SE (14%) e João Pessoa/PB (13%) – as duas menores taxas em âmbito nacional – registraram valores abaixo do padrão brasileiro, mostrando a assimetria entre as capitais do Nordeste.

Ainda em junho de 2016, cinco capitais da região Nordeste figuraram entre as cinco menores médias mensais de dívida por família: João Pessoa/PB (R$ 612), Maceió/AL (R$ 747), Aracaju/SE (R$ 784), Fortaleza/CE (R$ 992) e São Luís/MA (R$ 1.056). Já Teresina/PI (R$ 1.736), Natal/RN (R$ 1.462), Recife/PE (R$ 1.333) e Salvador/BA (R$ 1.058) apresentaram as maiores médias da região. Vale ressaltar que a média nacional mensal de dívida por família foi de R$ 1.569.

Com relação ao percentual de famílias com dívidas em atraso, o destaque foi São Luís/MA, que apresentou elevação de 5 pontos porcentuais ao passar de 28% em dezembro de 2015 para 33% em junho de 2016. Outras três capitais nordestinas também apresentaram elevadas taxas de dívidas em atraso, acima da média nacional (23%): Maceió/AL (31%), Recife/PE (31%) e Natal/RN (27%). Já Salvador/BA (22%), Aracaju/SE (20%), Teresina/PI (17%) e João Pessoa/PB (10%) ficaram abaixo da média das capitais. Fortaleza ficou dentro da média com 23%.

Região Nordeste (Junho de 2016)

1 – Número de famílias endividadas (percentual)
Natal/RN – 196.496 (76%)
Recife/PE – 354.709 (70%)
João Pessoa/PB – 168.984 (70%)
São Luís/MA – 207.998 (70%)
Aracaju/SE – 129.654 (68%)
Fortaleza/CE – 484.723 (64%)
Maceió/AL – 177.850 (59%)
Teresina/PI – 123.822 (53%)
Salvador/BA – 491.053 (52%)

2 – Parcela da renda mensal comprometida com dívidas
Teresina/PI – 41%
Natal/RN – 36%
Salvador/BA – 31%
São Luís/MA – 29%
Fortaleza/CE – 28%
Maceió/AL – 27%
Recife/PE – 23%
Aracaju/SE – 14%
João Pessoa/PB – 13%

3 – Valor médio de dívida por família
Teresina/PI – R$ 1.736
Natal/RN – R$ 1.462
Recife/PE – R$ 1.333
Salvador/BA – R$ 1.058
São Luís/MA – R$ 1.056
Fortaleza/CE – R$ 992
Aracaju/SE – R$ 784
Maceió/AL – R$ 747
João Pessoa/PB – R$ 612

4 – Percentual de famílias com dívidas em atraso
São Luís/MA – 33%
Maceió/AL – 31%
Recife/PE – 31%
Natal/RN – 27%
Fortaleza/CE – 23%
Salvador/BA – 22%
Aracaju/SE – 20%
Teresina/PI – 17%
João Pessoa/PB – 10%

5 – Número de famílias
Salvador/BA – 952.598
Fortaleza/CE – 760.755
Recife/PE – 504.593
Maceió/AL – 303.301
São Luís/MA – 297.897
Natal/RN – 259.195
João Pessoa/PB – 240.949
Teresina/PI – 233.529
Aracaju/SE – 191.675

6 – Renda Média (R$)
Recife/PE – 5.785
Aracaju/SE – 5.756
João Pessoa/PB – 4.606
Teresina/PI – 4.284
Natal/RN – 4.115
São Luís/MA – 3.676
Fortaleza/CE – 3.528
Salvador/BA – 3.403
Maceió/AL – 2.771

7 – Massa de rendimentos (R$)
Salvador/BA – 3.242.009.960
Recife/PE – 2.919.264.572
Fortaleza/CE – 2.683.649.438
João Pessoa/PB – 1.109.787.461
Aracaju/SE – 1.103.265.010
São Luís/MA – 1.095.037.907
Natal/RN – 1.066.545.287
Teresina/PI – 1.000.342.294
Maceió/AL – 840.485.293

8 – Participação da massa de rendimentos no total Brasil (%)
Salvador/BA – 1,8%
Recife/PE – 1,7%
Fortaleza/CE – 1,5%
Teresina/PI – 0,6%
Aracaju/SE – 0,6%
João Pessoa/PB – 0,6%
Natal/RN – 0,6%
São Luís/MA – 0,6%
Maceió/AL – 0,5%

Rafael Nicácio Editor e repórter do Portal N10. Já trabalhou na Assecom (Assessoria de Comunicação do Governo do RN) e na Ascom (Assessoria de Comunicação da UFRN).
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!