Após polêmica com Nutella, ministra francesa pede desculpa

(ANSA) – A ministra da Ecologia da França, Ségolène Royal, pediu nesta quarta-feira (17) “mil desculpas” no Twitter pela polêmica causada por uma recente declaração sua sobre a marca italiana de creme de avelãs Nutella. Em entrevista ao “Canal+”, a política havia solicitado que os telespectadores parassem de consumir o produto para “salvar o planeta”. Um dos ingredientes da pasta é o azeite de dendê, cuja exploração, segundo a ministra, é uma das causas do desmatamento, que, por sua vez, tem como consequência o aquecimento global.

“Mil desculpas pela polêmica sobre a Nutella. Concordo com a ênfase dada aos progressos da marca”, escreveu. Após as críticas de Ségolène Royal ao creme de avelãs, o ministro do Ambiente da Itália, Gian Luca Galletti, chegou a definir como desconcertante a declaração da francesa. “Deixe os produtos italianos em paz. A janta hoje será pão com Nutella”, replicou.

você pode gostar também

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!