Em reta final na Série C, América-RN corre o risco de ver a sua temporada “acabar mais cedo”

Faltando apenas seis jogos para encerrar a primeira fase da competição, o Mecão está distante de escapar do rebaixamento e ainda mais longe em relação a sua meta inicial de ficar entre os oito primeiros
América-RN corre o risco de ver a sua temporada "acabar mais cedo" (Foto: Edmário de Oliveira/América FC)
América-RN corre o risco de ver a sua temporada "acabar mais cedo" (Foto: Edmário de Oliveira/América FC)

A vida do América-RN não deverá ser fácil na reta final do Campeonato Brasileiro Série C. Faltando seis jogos para a conclusão da primeira fase da competição, o Mecão está no Z-4, seis pontos abaixo da meta inicial do clube de ficar no G8.

Atualmente na 18ª posição da Série C, o América-RN tem apenas 13 pontos conquistados em 13 jogos disputados. Uma média de um ponto por rodada, o que equivale a cerca de 33% de aproveitamento.

Desse modo, caso não melhore essa média de aproveitamento de pontos, o América-RN não apenas ficará fora da próxima fase, como correrá um sério risco de ser rebaixado à Série D. Para garantir a permanência o modelo matemático estabelecido pelo site Chance de Gol, sugere um aproveitamento superior a 40%, o que equivale a conquistar entre 22 e 24 pontos.

Enquanto isso, se quiser avançar a próxima fase da Série C, o Mecão teria de protagonizar um “verdadeiro milagre”, considerando o seu desempenho até então. A equipe hoje comandada pelo técnico Dado Cavalcante teria de vencer cinco dos próximos seis jogos que disputará.

Dessa maneira, a equipe alcançaria os 28 pontos, número “mágico” para colocá-la na briga por uma vaga no G8. Vale salientar que o atual oitavo time na disputa, o São José-RS, tem 19 pontos conquistados, seis a mais do que a equipe de Dado Cavalcante.

Perspectiva de melhora para o América-RN?

Prestes a enfrentar o São Bernardo, neste sábado (22), fora de casa, o América-RN sabe da importância da vitória para sua sequência na competição. Embora a chance de vencer não seja favorável ao Mecão (apenas 11,6%), o time tem melhorado em relação ao desempenho apresentado quando era comandado pelo técnico Thiago Carvalho.

Outro ponto que pesa a favor do Dragão é a fase negativa que também enfrenta a equipe paulista. O time está a sete jogos sem vencer na competição. Ou seja, a mais tempo do que o próprio América-RN, cuja seca de vitórias dura três rodadas.

Caso venha, a vitória contra o São Bernardo pode não apenas colocar o Mecão fora do Z-4, como de volta aos trilhos para uma improvável classificação à próxima fase da Série C. Assim, evitando que a temporada do Alvirrubro se encerre “mais cedo” que o esperado.

COMPARTILHE: