Boca Juniors x Fluminense: onde assistir ao vivo, prováveis escalações e que horas começa

Árias e Cano em jogo pelo Fluminense
Árias e Cano em jogo pelo Fluminense. Foto: Divulgação

Boca Juniors x Fluminense se enfrentam neste sábado (04) na final da Libertadores 2023. O embate começa a partir de 17h00, hora de Brasília, diretamente do Maracanã.

Nesta final de jogo único, quem vencer será coroado campeão. Se o jogo terminar em empate, haverá prorrogação e, se a igualdade persistir, a disputa será definida nos pênaltis. Esta é a quinta decisão da Conmebol Libertadores neste formato, e o vencedor ocupará o último espaço no troféu atual (ainda não se sabe o que a confederação sul-americana fará com a taça a partir de 2024).

Onde assistir Boca Juniors x Fluminense?

A transmissão será feita na TV aberta para todo o Brasil pela Globo. Na TV paga, a opção é a ESPN. Por fim, na internet, é possível ver o sinal da Globo no Globoplay e da ESPN no Star+.

No apito

  • Árbitro: Wilmar Roldan (COL)
  • Assistentes: Alexander Guzman (COL) e Dionísio Ruiz (COL)
  • Quarto árbitro: Andres Rojas (COL)
  • VAR: Juan Lara (CHI)

Escalações

Almirón terá dois desfalques importantes para a final: o capitão Marcos Rojo e o jovem atacante Zeballos, que sofreu uma grave lesão há cerca de três semanas. Por outro lado, o treinador contará com o retorno do zagueiro Valentini, que se recuperou de um problema na coxa, e do atacante Darío Benedetto, que também está recuperado de uma contratura na coxa esquerda.

Provável escalação do Boca Juniors: Sergio Romero; Advíncula, Figal, Valentini, Fabra; Medina, Pol Fernández, Equi Fernández, Barco; Merentiel e Cavani.

Fernando Diniz manteve o mistério sobre a escalação do Fluminense, mas com praticamente todos os jogadores à disposição e uma espinha dorsal já consolidada, a escalação não deve ter grandes surpresas. Martinelli, que foi titular nas últimas partidas, tem vantagem para começar jogando, enquanto John Kennedy deve ser uma opção para o segundo tempo.

Provável escalação do Fluminense: Fábio, Samuel Xavier, Nino, Felipe Melo e Marcelo; André, Martinelli e Ganso; Arias, Keno e Cano.

COMPARTILHE: