Destaques, Política

HRW critica autoritarismo no mundo e cita Bolsonaro

ONG disse que resistência contra autoritarismo tem crescido

(ANSA) – A ONG Human Rights Watch (HRW) divulgou nesta quinta-feira (17) seu relatório anual e apontou o crescimento da oposição e de movimentos de resistência a líderes autoritários. O relatório de 2019 contém 674 páginas e analisa as políticas de direitos humanos em mais de 100 países. O documento destaca que o fenômeno atual não é a onda de autoritarismo no mundo, mas sim, o crescimento da oposição a este autoritarismo. Como exemplo, a ONG citou a pressão para a investigação da morte do jornalista saudita Jamal Khashoggi, assim como as campanhas contra a limpeza étnica dos Rohingyas em Myanmar e a tentativa de encerrar o conflito na República Democrática do Congo.
    “Mesmo nas democracias ocidentais, políticas autocráticas têm sido avançadas por líderes como o italiano Matteo Salvini e o americano Donald Trump”, disse o diretor executivo da Human Rights Watch, Kenneth Roth. “Os populistas que difundem ódio e intolerância estão gerando uma resistência: os excessos do domínio autocrático estão alimentando um contra-ataque”, concluiu. “Hoje, os autocratas tentam minar a democracia e demonizar as minorias vulneráveis para ganharem apoio popular”, criticou o relatório da ONG.
    Brasil – No capítulo sobre o Brasil no relatório, a ONG, além de citar Bolsonaro como um líder autoritário, aponta que o Brasil enfrenta uma superlotação do sistema carcerário e uma epidemia de violência doméstica. “Isso não pode reduzir o problema. O novo presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, é o último exemplo autoritário. Bolsonaro se une a uma série de figuras como o turco Erdogan, o egípcio Al Sisi, o filipino Duterte, o húngaro Orban, o russo Putin e o chinês Xi Jinping”, disse Kenneth Roth.
    De acordo com a Human Rights, 842 mil pessoas estavam presas no Brasil em dezembro de 2018, apesar do sistema carcerário ter capacidade para apenas metade. Sobre a violência doméstica, a ONG elogiou a Lei Maria da Penha, porém apontou falhar no sistema, principalmente no atendimento às vítimas, com delegacias especializadas em número insuficiente para toda a população feminina. “Lamentavelmente, podemos dizer que, no Brasil, há uma epidemia de violência doméstica, que não é suficientemente abordada, protegida, atendida pela parte do Estado”, afirmou José Miguel Vivanco, diretor para a divisão das Américas da Human Rights Watch.
    O número de assassinatos também chamou a atenção da ONG. Em 2017, o número de homicídios bateu recorde: 64 mil. Porém, apenas 12 mil foram denunciados pelo Ministério Público.

Read More...

Futebol Internacional

CR7 decide e Juventus conquista a Supercopa da Itália

Velha Senhora vence pela 8ª vez em sua história o torneio

(ANSA) – Com um gol de Cristiano Ronaldo, a Juventus derrotou nesta quarta-feira (16) o Milan por 1 a 0 e conquistou pela oitava vez em sua história a Supercopa da Itália.

Em partida realizada no estádio King Abdullah Sports City, em Jidá, na Arábia Saudita, Milan e Juventus fizeram uma partida equilibrada. Apesar da Velha Senhora ter criado mais oportunidades de gols, a equipe rossonera chegou a mandar uma bola no travessão do goleiro Wojciech Szczesny.

O gol do título bianconero saiu aos 15 minutos do segundo tempo. O meio-campista Miralem Pjanic recebeu na intermediária e cruzou na medida para Cristiano Ronaldo, que em posição legal mandou de cabeça para o fundo da rede.

O título da Supercopa da Itália é o primeiro de CR7 com a camisa da Juventus, além de ser a 27ª conquista da carreira do astro português.

A atual heptacampeã do Campeonato Italiano e tetra da Copa da Itália, agora soma oito Supercopas: 1995, 1997, 2002, 2003, 2012, 2013, 2015 e 2018.

Milan

Também em busca pelo seu primeiro título no Milan, o brasileiro Lucas Paquetá começou entre os titulares na equipe rossonera, mas teve atuação discreta.

Já o atacante Gonzalo Higuaín começou o confronto no banco de reservas e entrou na partida no lugar de Paquetá, aos 25 minutos da etapa final. O argentino poderá se transferir em breve para o Chelsea, da Inglaterra.

Polêmica

Após toda a polêmica envolvendo a Arábia Saudita como sede da final da Supercopa da Itália, o público feminino no estádio King Abdullah Sports City acompanhou o confronto nos anéis superiores, que são os setores reservados e destinados às famílias.

Os homens, por sua vez, puderam ver a partida nos setores mais próximos ao gramado. As mulheres foram autorizadas a acompanharem partidas de futebol no país saudita em janeiro de 2018.

A Arábia Saudita realizou um acordo com a Lega Serie A para sediar três das próximas cinco edições da Supercopa da Itália.

Read More...

Universo

Missão chinesa consegue cultivar planta na Lua pela 1ª vez

Em feito inédito, semente de algodão germinou no satélite

(ANSA) – Pela primeira vez na história, um material biológico germinou na Lua. A Agência Espacial Chinesa (CNSA) informou nesta terça-feira (15) que uma plantinha de algodão, cultivada dentro de uma pequena estufa ao lado de sementes de batata, leveduras e ovos de mosca-das-frutas, cresceu no satélite natural, marcando um feito importante para a exploração do Universo.

A semente foi levada pela sonda Chang’e-4, que em 3 de janeiro realizou o primeiro pouso no lado oculto da Lua. Essa é a primeira vez que o homem consegue fazer uma planta crescer em um corpo celeste diferente da Terra. As primeiras imagens do broto foram publicadas pela própria agência chinesa, que já recebeu mais de 170 fotos até o momento, segundo a imprensa local. O objetivo do experimento, projetado por 28 universidades do país, é recriar uma pequena biosfera, um ecossistema artificial e autônomo, a fim de testar a possibilidade de cultivar frutas e verduras em outros planetas para o sustento de futuras colônias humanas no espaço.

Os organismos vivos presentes no interior da estufa são constantemente abastecidos com água, ar e nutrientes, mas, segundo os pesquisadores chineses, o desafio mais difícil é manter o clima adaptado para o crescimento da planta na Lua, onde as temperaturas oscilam entre 173ºC abaixo de zero e mais de 100ºC.

As sementes, aponta a imprensa local, foram submetidas a um tratamento biológico para ficar adormecidas durantes os 20 dias de viagem da Terra à Lua, e seu crescimento se deu quando o centro de controle enviou um comando para ativar a irrigação no recipiente.

Tentativas parecidas de cultivo foram feitas a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS), mas nunca fora dela. Em agosto de 2015, o experimento de jardinagem chamado “Veggie” realizou o primeiro plantio de alface romana no espaço, após meses de tentativas e erros. Em janeiro de 2016, surgiu a primeira flor, uma zínia laranja, enquanto em abril de 2018, ocorreram os primeiros cultivos de cereais na ISS. 

Read More...

Esporte, Notícias

Quartas de final da Copa da Itália terão duelos de peso

Destaque ficará para a partida entre Milan e Napoli

ANSA) – Com apenas clubes da Série A e duelos de peso, as quartas de final da Copa da Itália foram definidas ontem (14) com as classificações da Atalanta e da Roma.

Sem surpresas, a equipe da capital bateu por 4 a 0 o modesto Virtus Entella, que disputa a Série C do Campeonato Italiano. A Roma encerrou a aventura dos lígures no torneio com uma grande exibição do atacante Patrik Schick, que foi protagonista de três dos quatro tentos da sua equipe.

A Atalanta, por sua vez, contou com a ótima fase do colombiano Duván Zapata para superar o Cagliari, na Sardenha. Em um jogo disputado, o atacante abriu o placar para os bergamascos aos 88 minutos, e nos acréscimos deu um passe para Mario Pasalic fechar o marcador.

Nas quartas de final, o duelo mais esperado será entre Milan e Napoli. No entanto, outros jogos de muito peso serão realizados. A Lazio pegará a Internazionale, a Fiorentina irá enfrentar a Roma e, por fim, a Juventus jogará contra a Atalanta.

Os jogos vão ser disputados na última semana de janeiro, entre terça e quinta-feira, mas as datas e os horários só serão divulgados hoje (15).

Confira as partidas –

Milan x Napoli

Lazio x Internazionale

Fiorentina x Roma

Juventus x Atalanta. 

Read More...

Brasil

Bolsonaro assina decreto que flexibiliza posse de armas

Direito de andar com a arma na rua não está incluso no texto

(ANSA) – Em cerimônia no Palácio Planalto, o presidente Jair Bolsonaro assinou nesta terça-feira (15) o decreto que flexibiliza a posse de armas.

“Como o povo soberanamente decidiu por ocasião do referendo de 2005, para lhes garantir esse legítimo direito a defesa. Eu, como presidente, vou usar esta arma”, disse Bolsonaro, mostrando sua caneta para assinar o documento.

O texto refere-se exclusivamente à posse de armas. O porte de arma de fogo, ou seja, o direito de andar com a arma na rua ou no carro, não está incluído no decreto. O que foi facilitado é a obtenção de licença para manter armas em casa.

A medida, segundo o presidente, dá o direito de “o cidadão de bem ter sua paz dentro de casa”. “O povo decidiu por comprar armas e munições e nós não podemos negar o que o povo quer”, ressaltou.

Em seu breve pronunciamento, Bolsonaro afirmou que o decreto restabelece um direito “definido nas urnas”. Em 2005, a maioria dos cidadãos rejeitou o trecho do Estatuto do Desarmamento que tornava a posse de armas mais restritiva. “Infelizmente o governo, à época, buscou maneiras em decretos e portarias para negar esse direito”, disse.

Com o decreto, Bolsonaro cumpre uma das suas principais promessas feitas durante a campanha eleitoral de 2018.

Read More...