Home Notícias Esporte Arbitragem prejudica e América só empata contra o Salgueiro

Arbitragem prejudica e América só empata contra o Salgueiro

Publicidade

Arbitragem prejudica e América só empata contra o Salgueiro
Bruno Farias entrou no segundo tempo e empatou o jogo (Arquivo: Canindé Pereira)
0
Publicidade

O Salgueiro perdeu a grande chance de terminar a rodada entre os quatro primeiros colocados do Grupo A do Campeonato Brasileiro da Série C. Na noite desta segunda-feira (24), o Carcará vencia o América até aos 37 minutos da etapa complementar, quando sofreu o gol de empate (1 a 1). A partida foi realizada no Estádio Cornélio de Barros, em Salgueiro, pela 13ª rodada.

Apesar do empate, o América acabou caindo para a quarta colocação, com 21 pontos, a seis do líder Vila Nova. O Salgueiro, que não perde há quatro rodadas, está em sétimo com 18, deixando a briga no G4 ainda mais intensa para as últimas rodadas.

MAIS ESSA, JUIZÃO?

Salgueiro e América fizeram um primeiro tempo equilibrado, travado e com poucas chances de gols. A vitória parcial do Salgueiro só se deu devido um pênalti polêmico marcado pela arbitragem de Alexandre Vargas Tavares de Jesus. O Carcará, que não tem nada com isso, não desperdiçou e fez o gol com Rogério, aos 32 minutos.

O Salgueiro já dominava o jogo desde os primeiros minutos. Anderson Paraíba mandou nas redes pelo lado de fura. Paulinho Mossoró arriscou de longe e mandou por cima do gol. A resposta veio com Cascata, que deu passe primoroso para Max, que furou e deixou a oportunidade passar. Anderson Lessa também tentou, porém, parou na grande defesa de Pantera.

E não foi só Max, que perdeu gol feio. Cássio, debaixo da trave, fez o mais difícil e chutou para fora. O pênalti, por sua vez, aconteceu em uma dividida entre Judson e Paulinho Mossoró, que caiu e comemorou a decisão da arbitragem. Após o gol de Rogério, o América só foi atacar aos 41 minutos. Zé Antônio Potiguar tentou de cabeça e parou em Luciano.

FOI BUSCAR!

O América sofreu uma leve pressão inicial do Salgueiro, suportou bem e poderia ter sido fatal no contragolpe. Aos dez minutos, após boa triangulação entre Max, Cascata e Pardal, o último perdeu gol feito. Não satisfeito, Pardal teve outra chance no lance seguinte, chegou até a driblar o zagueiro Ranieri, mas, na hora de marcar, pegou mal na bola e mandou por cima.

O América pressionava. O Salgueiro se segurava como podia, mas acabou sofrendo o gol de empate. Aos 37 minutos, Bruno Farias arrancou do meio de campo e chutou por baixo de Luciano para deixar tudo igual. O Salgueiro sentiu, deu espaços para o adversário, que por pouco não dançou o vira.

Aos 44 minutos, o goleiro Luciano bateu roupa e quase entregou de bandeja para o América, que desperdiçou mais uma das muitas oportunidades que teve durante o confronto. O América, porém, comemorou o ponto conquistado fora de casa, ainda mais por ter conseguido marcar no final da partida.

PRÓXIMOS JOGOS

Na próxima rodada, o Salgueiro enfrenta o Fortaleza no sábado, às 16h, no Castelão, na capital cearense. Já o América recebe o Vila Nova no domingo, às 18h, na Arena das Dunas, em Natal (RN).

Futebol Interior

Publicidade

Romário Nicácio Administrador de Redes. Redator e co-fundador do Portal N10. Redator de sites desde 2009.
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!