Tecnologia

WhatsApp perde espaço na tela inicial do smartphone dos brasileiros

Whatsapp
Foto: Divulgação

A nova edição do Panorama Mobile Time/Opinion Box sobre uso de apps no Brasil, que entrevistou 1.904 internautas que possuem smartphone, aponta os 20 aplicativos mais comuns na primeira tela dos smartphones brasileiros e registra uma acentuada queda do WhatsApp ao longo de dois anos. Em contrapartida, nos últimos seis meses, sobem o Facebook, Facebook Messenger, Instagram e Uber, acompanhados na lista por aplicativos das principais instituições financeiras brasileiras: Banco do Brasil, Caixa, Bradesco e Itaú. O app de compra e venda do OLX também garantiu sua presença entre os apps preferidos.

Mesmo se mantendo como o app mais comum na homescreen do brasileiro, presente na primeira tela de 66% dos entrevistados, o WhatsApp vem tendo queda constante nas últimas pesquisas: dois anos atrás seu percentual era de 83,2%; em abril de 2016 era 78,3% dos smartphones; em novembro de 2016, caiu para 72,9%.

O Panorama Mobile Time/Opinion Box também apontou outras preferências dos usuários móveis brasileiros: entre os games, Candy Crush Saga lidera entre no público feminino e o Clash of Clans no público masculino. A Netflix é líder para entretenimento móvel pago, seguido pelo Spotify, enquanto o brasileiro GloboPlay ganha pontos e entra na lista. Entre os antivírus, o Avast se mantém na liderança, mas perde espaço para o brasileiro PSafe. No ranking dos serviços pagos de backup mais populares, o brasileiro TIM Backup acompanha os estrangeiros Google Drive, OneDrive e iCloud em suas posições entre os preferidos.

A pesquisa conclui também que nove dos dez apps mais presentes na homescreen do brasileiro diminuíram a sua participação ao longo de dois anos – o único que cresceu continuamente foi o Uber. A ocupação da primeira tela está mais fragmentada, o que pode ser interpretado – segundo os analistas do Panorama Mobile Time/Opinion Box – como um sinal de maturidade do usuário brasileiro de smartphone. Conforme se acostuma com o uso do aparelho e explora as lojas de aplicativos, o consumidor descobre novos apps favoritos e troca os ícones que ocupam o centímetro quadrado mais valioso do seu telefone.

Outras descobertas:

– Apenas 13,3% dos internautas brasileiros com smartphone já pagaram pelo download de um aplicativo móvel;
– 46,2% dos internautas brasileiros com smartphone já fizeram compras in-app;
– Cerca de um terço dos internautas brasileiros com smartphone instalam e desinstalam apps diariamente;
– É mais comum encontrar apps de redes sociais na tela principal dos smartphones de mulheres do que de homens.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.