Ahmad Al Mukhtar / Reuters

Um vídeo mostrando o ataque aéreo americano nas proximidades do Aeroporto Internacional de Bagdá, no Iraque, começou a circular nas mídias sociais, nas quais o general iraniano Qassem Soleimani e vários líderes do grupo xiita foram mortos.

O vídeo de 11 segundos, publicado pela estação televisa Ahad, mostra uma explosão no estacionamento em frente ao aeroporto.

A emissora de televisão Ahad descreveu a breve gravação como “o momento de brutal agressão americana e o assassinato de dois líderes mártires, Qassem Soleimani e Abu Mahdi al Muhandis”, o último chefe das Forças de Mobilização Popular (FMP).

Os primeiros relatos da ação indicaram que Soleimani – comandante da Força Quds, a unidade do Corpo de Guarda Revolucionária Islâmica (CGRI) responsável por operações especiais fora do território iraniano – e Al Muhandis estavam viajando em dois veículos num comboio, e que vários mísseis foram lançados a partir de drones ou helicópteros dos EUA.

O Pentágono assumiu a responsabilidade pelo assassinato e indicou que foi ordenado pelo próprio presidente Donald Trump.

Segundo a Defesa dos EUA, o atentado foi dirigido contra Soleimani e “visava impedir futuros planos de ataque iranianos”.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.