Vereadores do RN participam de Marcha em Brasília

Vereadores do RN participam de Marcha em Brasília

Vereadores do RN participam de Marcha em Brasília

Romário Nicácio agosto 18, 2015 Política

Vereadores do Rio Grande do Norte e de todo o país estão reunidos em Brasília para participar da Marcha de Vereadores 2015 que está acontecendo hoje (18) e segue até a próxima sexta (21). O evento, promovido pela União dos Vereadores do Brasil (UVB), com apoio da Federação das Câmaras do Rio Grande do Norte (FECAM/RN), tem como objetivo representar o clamor do poder legislativo municipal pela atenção de todos os poderes para as questões das cidades.

A FECAM/RN estará representada pelo seu vice-presidente e presidente da Câmara Municipal de Caicó, vereador Nildson Dantas, que junto aos vereadores potiguares estarão acompanhando e participando de toda programação do evento durante os próximos dias. A mobilização desde ano defende reformulação do pacto federativo com a melhor distribuição dos recursos entre os três entes federativos.

O presidente da FECAM/RN, Jório Nogueira, ressalta a importância da mobilização para o poder legislativo municipal. “A Marcha dos Vereadores é mais um grande momento para fortalecemos o poder legislativo municipal. Com a grande mobilização nacional chamamos mais atenção do Governo Federal e dos outros poderes para o atendimento de nossas reivindicações. Vamos debater assuntos que visam a melhoria das cidades, o fortalecimento das Câmaras Municipais”, afirma.

Na programação da Marcha, além do tema Pacto Federativo, também serão discutidos a Reforma Política, Orçamento Impositivo, Prerrogativas das Câmaras Municipais, Escolas Legislativas e Cidadanias entre outros assuntos. Na sexta-feira, a partir das 9h, os vereadores realizarão uma Marcha até o Palácio do Planalto, onde ocorrerá a entrega da Pauta Prepositiva da UBV na Presidência da República.

Outros artigos

INSS vai revisar 170 mil benefícios em agosto

julho 27, 2021

INSS vai revisar 170 mil benefícios em agosto

Atenção: cerca de 170 mil segurados da Previdência Social que recebem benefícios por incapacidade temporária – o antigo auxílio-doença – devem ficar atentos para ag...