Dados coletados pelo Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, programa do governo paulista, mostraram que os idosos são os que mais sofrem com os acidentes causados no trânsito na Grande São Paulo. Um a cada três acidentes, envolve pessoas com mais de 60 anos de idade.

Silvia Lisboa, coordenadora do movimento falou sobre o caso, tendo em vista que pessoas mais velhas não têm a mesma habilidade que os mais jovens. “Entendemos que a mobilidade dessas pessoas é diferente das demais e recomendamos aos municípios a adaptação necessária para atendê-los. O aumento do tempo semafórico e campanhas de conscientização específicas são algumas das soluções”, disse.

Ainda segundo o Movimento, em segundo lugar, ficam entre os pedestres de 30 a 49 anos, que correspondem a 23,6% das ocorrências.  Em terceiro, equivalente a 9,7% estão os jovens de 18 a 29 anos.

Registros

Esse ano, de janeiro até setembro, foram contabilizadas 728 mortes de idosos. Mesmo o número envolvendo pessoas da terceira idade ainda seja grande, a quantidade, esse ano, foi inferior a 2016: 801 casos. Das 1.193 fatalidades com pedestres em todo o estado de São Paulo, 399 envolveram idosos (33,4% do total).

Ao todo, foram registradas 472 mortes em acidentes causados por veículos. Isso representa 5,5% se comparado a 2016.

Acidentes (registros de setembro de 2017) seguidos de mortes envolvendo:

Motocicletas: 140

Pedestres: 139

Automóveis: 116

Bicicletas: 33

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.