Variedades

Em “Black Friday fora de época”, comércio oferece descontos em 500 sites

Lojas virtuais promovem nesta quarta-feira (18) uma espécie de Black Friday fora de época, com o oferecimento de produtos com desconto em mais de 500 sites. A data, chamada de Dia do Consumidor Brasil e que acontece pelo segundo ano, é uma referência ao Dia Mundial do Consumidor, celebrado no último domingo (15). Com informações da Folha de São Paulo.

Grandes sites como Americanas.com, Brastemp, CasasBahia.com, Extra.com.br, Magazine Luiza, Netshoes, Pontofrio.com, Ricardo Eletro, Saraiva, Walmart.com e outros cerca de 500 portais devem oferecer descontos em produtos. Além das lojas online, lojas físicas da rede de supermercado Extra farão promoções hoje. Um jogo americano, que antes era vendido a R$ 4,90 a unidade, agora sai por Por R$ 3,49.

Reprodução/Extra (Globo)

De acordo com o Buscapé, buscador que reúne e compara preços de produtos de diversas lojas, a expectativa é de que mais de 630 mil pedidos sejam feitos nesta edição. Isso representa 38% mais do que as 460 mil aquisições feitas na edição no ano passado no mesmo Dia do Consumidor.

Trata-se, na verdade, de uma tentativa do comércio on-line de elevar as vendas em um período considerado fraco – no primeiro trimestre do ano, sem datas comemorativas como o Dia das Mães e com o consumidor pagando os financiamentos feitos na temporada de Natal, o movimento costuma ser menor.

Read More...

Política

Congresso aprova Orçamento 2015 e triplica fundo partidário

Nesta terça-feira (17), o Congresso Nacional votou e aprovou o projeto de Orçamento de 2015. A proposta deveria ter sido votada no fim do ano passado para vigorar a partir de 1º de janeiro, mas por falta de acordo a votação foi várias vezes adiada. Com uma alteração no texto original, o Orçamento agora triplicou o valor previsto para o Fundo Partidário, que reúne recursos a serem distribuídos aos partidos políticos de forma proporcional ao tamanho de suas bancadas na Câmara.

Segundo o senador Romero Jucá (PMDB-RR), relator da proposta orçamentária, as mudanças feitas no texto visam a “atender principalmente os 265 parlamentares novos”. Pelas regras atuais, os parlamentares que entraram este ano no Congresso só poderiam apresentar emendas ao Orçamento do próximo ano. “Seria injusto que parlamentares novos passem o ano sem ter condições de atender as suas bases para minorar as dificuldades dos municípios brasileiros”, disse. O projeto original do governo destinava R$ 289 milhões para o fundo, mas o senador Romero Jucá (PMDB-RR), relator da proposta, ampliou essa previsão em R$ 578 milhões. Com isso, o valor que será distribuído aos partidos políticos em 2015 foi fixado em R$ 867 milhões.

O relatório aprovado pelo plenário do Congresso reserva R$ 900 milhões para pagar o aumento do salário de parlamentares, ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), procurador-geral e presidente da República.

A remuneração de senadores, deputados, PGR e ministros do STF passou, em janeiro deste ano, a ser de R$ 33,7 mil por mês. Já presidente da República e ministros de Estado receberão R$ 30,9 mil.

Até o final do ano passado, a presidente Dilma recebia o mesmo subsídio dos parlamentares (R$ 26,7 mil) e menos que ministros da Suprema Corte, cuja remuneração era de R$ 29,4 mil em 2014.

As informações são do G1.

Read More...

Política

Segundo pesquisa Datafolha, desaprovação de Dilma sobe para 62%

Com menos de três meses cumpridos de seu segundo mandato, o governo da presidente Dilma Rousseff é avaliado positivamente por 13% dos entrevistados, segundo pesquisa Datafolha divulgada nesta quarta-feira (18). O índice de eleitores que avaliaram o governo da petista como ruim ou péssimo é de 62%.

Com indicadores de expectativa econômica batendo recordes negativos, a reprovação de Dilma subiu 18 pontos desde fevereiro. A pesquisa foi realizada com 2.842 eleitores logo após as manifestações de domingo (15) contra Dilma que levaram milhares às ruas.

O resultado da pesquisa de avaliação do governo de Dilma feita neste mês é:
– Ótimo/bom: 13%
– Regular: 24%
– Ruim/péssimo: 62%

Conforme a série do Datafolha, é a primeira vez que a petista enfrenta insatisfação da maioria da população em relação ao seu governo.

A última pesquisa divulgada pelo instituto, em 7 de fevereiro de 2015, apontava que Dilma tinha avaliação positiva de 23% dos entrevistados. À época, outros 44% disseram que o governo da presidente era “ruim” ou “péssimo”.

Avaliação do Congresso

A pesquisa Datafolha mostra ainda que 9% dos entrevistados consideram “bom” ou “ótimo” o desempenho de senadores e deputados no Congresso. Outros 50% acreditam que a atuação dos parlamentares é “ruim” ou “péssima”.

 FONTE: Folha de São Paulo

Read More...

Universo

Novas imagens da Nasa revelam dois buracos coronais gigantes no sol

A Nasa detectou dois enormes “buracos” na superfície solar. O maior buraco coronal dos dois, perto do pólo sul, abrange uma estimativa entre 6% e 8% da superfície solar total, tornando-se um dos maiores buracos polares que os cientistas têm observado em décadas. O buraco coronal menor, situado no pólo norte, é longo e estreito, cobrindo apenas cerca de 0,16% da superfície solar.

buraco coronal

“Buracos coronais são regiões de densidade e temperatura mais baixas da atmosfera exterior do Sol, conhecida como a corona”, explicou a Nasa. “Buracos coronais podem ser uma fonte de rápido vento solar de partículas solares que envolvem a Terra”. O campo magnético nestas regiões se estende muito para o espaço, em vez de voltar rapidamente para a superfície do sol.

É a segunda vez Nasa detectou um enorme buraco no sol. O sol começou 2015 com um evento misterioso – um enorme buraco apareceu. Conhecido como um buraco coronal, o fenômeno ocorreu perto do pólo sul – e é visto como uma área escura que cobriu toda a sua base. Buracos coronais foram vistos pela primeira vez em imagens tiradas por astronautas na estação espacial Skylab a bordo da NASA em 1973 e 1974.

Read More...

Variedades

Kiwi: Aplicativo viraliza e irrita internautas nas redes sociais

Uma nova febre está tomando conta das redes sociais, especialmente o Facebook, nas últimas 48 horas. A “novidade”, no entanto, está irritando muitos usuários da web. O aplicativo é uma versão móvel de um jogo de perguntas e respostas, com a opção de anonimato, muito parecido com o já conhecido Ask.FM.

Foto: Reprodução/Twitter

Foto: Reprodução/Twitter

Assim como muitos aplicativos atualmente, o Kiwi permite convidar os amigos do Facebook para participar das “perguntas e respostas”. A opção já vem marcada ao criar uma conta e muita gente aperta em “sim” sem antes ler e desmarcar a opção, causando assim bastante indignação nos usuários “convidados”.

Se você quiser experimentar o aplicativo basta entrar no site. Mas lembre-se de desmarcar a opção de convidar seus amigos para não perder as amizades :).

Read More...