Destaques, Educação

UFRN aprova criação de novos programas de pós-graduação

ufrn
Reitoria da UFRN (Foto: Divulgação)

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) aprovou a criação de novos programas de pós-graduação em sessão extraordinária na última terça-feira, 31 de outubro. Um deles é destinado ao Centro de Ensino Superior do Seridó (CERES), para implantação do mestrado acadêmico em História.

Também foram aprovados os mestrados profissionais em Produção de Petróleo e Gás, vinculado ao Centro de Tecnologia (CT), e Segurança Pública, vinculado ao Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA). Já a pós-graduação em Ciências Odontológicas, nas modalidades mestrado e doutorado acadêmico, se dá a partir da fusão dos programas em Patologia Oral e Saúde Coletiva.

A consolidação dos programas ficará condicionada à aprovação da proposta pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES, do Ministério da Educação.

UFRN e Ebserh assinam projeto para Mestrado Profissional

A Universidade, a Maternidade Escola Januário Cicco (MEJC) e a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), assinaram um termo conjunto de adesão para submeter, junto a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), o programa do Mestrado Profissional em Ciências Aplicadas à Saúde da Mulher. Metade das vagas aprovadas pela Capes serão disponibilizadas para empregados da estatal e o restante para o público externo.

Maternidade_Januário_Cicco

Maternidade Januário Cicco (Foto: Divulgação)

O superintendente da MEJC, Luiz Murillo Lopes de Britto, ressaltou a importância do mestrado no cumprimento do papel enquanto Instituição de referência no campo assistencial, de ensino e pesquisa. “Temos a obrigação de ser campo para estágio e incentivar a qualificação profissional. Faz parte de nossa cultura a realização do trabalho por meio de evidências científicas, e a realização do mestrado nos dará condições de crescimento neste campo de atuação”, disse.

Segundo a gerente de ensino e pesquisa da MEJC, Maria da Conceição Cornetta, o projeto passou por todas as instâncias da UFRN, sendo avaliado por todos os conselhos envolvidos. “A parceria com a Ebserh irá permitir a expansão do programa para outras instituições, permitindo o alcance de um maior número de pessoas”, destaca a gerente.

Para o presidente da Ebserh Kleber Morais, o mestrado será fundamental para a qualificação profissional. “Essa é mais uma ação em que vários profissionais da nossa rede terão possibilidade de participar e concluir a pós-graduação em uma área tão importante, que é a saúde da mulher”, declarou o presidente.

Sobre a Ebserh

Estatal vinculada ao Ministério da Educação, a Ebserh administra, atualmente, 39 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.