Famosos

Vítima de fake news, Daniela Lima desabafa após ser ameaçada de morte: “Covardia”

Jornalista disse que "não passa pano para criminoso"

A jornalista Daniela Lima fez um desabafo ao vivo durante o “CNN 360” desta segunda-feira (26) após ser ameaçada de morte por conta de uma fake news. Ela lamentou a nova onda de ataques e disse que até mesmo seus familiares foram atacados.

“Tenho sido vítima, nas últimas semanas, de uma série de distorções, edições maldosas cuja pior interpretação possível é sempre dada a trechos de coisas que eu disse. Pois bem, no último final de semana, esse ataque escalou e fui vítima de algo que não disse”, falou.

Ademais, a fake news foi postada em uma página no Twitter que estava montada como o perfil oficial do G1, portal de notícias da Globo. Assim, a notícia falsa apontava que Daniela Lima teria apoiado o incêndio contra a estátua de Borba Gato, símbolo que homenageia os bandeirantes na cidade de São Paulo (SP), que aconteceu no último sábado (24).

“Não se trata apenas de uma falsidade, é uma mentira. Não estava sequer na CNN, não estava no ar. Estava na minha casa e fui surpreendida com uma série de ataques resultantes de uma mentira, mentira travestida de piada. Queria olhar para as pessoas que foram até as minhas redes dizer que eu deveria morrer, que iam incendiar minha casa, assassinar os meus pais. Escolhi atuar com jornalismo e faço jornalismo correto”, apontou a jornalista.

“Eu não passo pano para criminoso e quem vai nas redes sociais, covarde, atacar a mim e minha família com base em mentiras, vai ter que ser responsabilizado. Internet não é terra de ninguém! Essa covardia, vândalos da imagem pública e da vida pessoal das pessoas, isso precisa acabar!”, completou Daniela Lima. Confira o momento abaixo a partir do minuto 1h23.

Daniela Lima se confunde com Bolsonaro

A jornalista Daniela Lima cometeu um deslize durante a edição do “CNN 360” do último dia 14 de julho. A âncora da CNN Brasil se confundiu e disse que o presidente Jair Bolsonaro foi ‘enterrado’. Na verdade, o mandatário foi internado com um problema intestinal. No momento da gafe, a jornalista noticiava a transferência do político para um hospital de São Paulo.

“O Presidente Jair Messias Bolsonaro foi enterrado… internado pela manhã logo cedo, depois de ter passado mal…”, disse Daniela Lima, que se corrigiu rapidamente. Contudo, o momento foi parar nas redes sociais e ela foi atacada por um assessor de Bolsonaro. “Mais um ‘ATO FALHO’ da ‘Jornalista’ @DanielaLima”, escreveu Tercio Arnaud Tomaz, que compartilhou o vídeo do momento.

Assim, Daniela Lima reagiu e se defendeu sobre o episódio. “Tenha respeito, rapaz. Se não por mim, porque vocês não tem mesmo, pelo seu chefe, presidente da República. Presidente do Brasil. Respeito que todos nós estamos tendo. Tenha vergonha. Ele internado, a gente acompanhando, com correção. Vergonha. E respeito”, pediu a âncora da CNN Brasil.

“Sério. Que nojeira. Nojeira. Vocês não respeitam nem quem te dá emprego e paga teu salário. Vergonha. Nojo. Baixo. Desumano. Seria inacreditável. Mas o gabinete do ódio fomenta o ódio até nisso. Na DOENÇA DO BOLSONARO“, completou Daniela Lima.

Quer receber as principais notícias do Todo Canal no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial. Para receber no Telegram, clique aqui

Claudio Augusto

Jornalista formado pela UFG (Universidade Federal de Goiás), com passagem pela Rádio Universitária (UFG) e TV Anhanguera de Goiânia.

Veja também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Olá pessoal! O acesso ao nosso site é gratuito, porém precisamos da publicidade aqui presente para mantermos o projeto online. Por gentileza, considere desativar o adblock ou adicionar nosso site em sua white-list e recarregue a página.