Televisão

Ratinho revela exigência contra funcionários e ataca próprio diretor: “Muito chato”

Apresentador saiu em defesa do governo Jair Bolsonaro

Ratinho deu uma série de manifestações durante seu programa no SBT na última terça-feira (11). Conhecido como defensor do governo Jair Bolsonaro, o apresentador recebeu o Ministro das Comunicações, Fábio Faria. Então, o comunicador decidiu atacar a concorrência.

Leia mais > Zezé di Camargo vai parar no hospital às pressas e passa por procedimento cardíaco

“Se a gente quiser ouvir uma notícia do governo, a gente tem dificuldade de ouvir”, disse ele, em crítica sobre as notícias publicadas sobre o governo. Em seguida, revelou uma ordem que tomou sobre seus funcionários que trabalham em suas rádios pelo Brasil. “Eu dei uma ordem nas minhas emissoras de rádio. Notícia boa para animar o povo. Notícia ruim, alguém dá, não precisa nem procurar que você acha. Agora, notícia boa às vezes a gente que forçar para falar. Tanta coisa está acontecendo e não é mostrado na televisão”, disparou Ratinho.

Além disso, o apresentador decidiu alfinetar o próprio diretor do “Programa do Ratinho”, Cezar Scarpato, que entrou na atração neste ano. “Eu queria, inclusive, abrir um quadro aqui no meu programa. É que eu tenho um diretor muito chato aqui, um tal de Cezinha [Cezar Scarpato], mas eu vou falar com ele para ter um quadro no meu programa todo. Notícia boa. Não interessa de onde seja a notícia”, anunciou Ratinho. Confira abaixo.

Ratinho dá recado para funcionários do SBT: “Vai para a rua”

Ratinho perdeu a paciência com alguns funcionários de seu programa no SBT na última terça-feira (04). Na situação, o apresentador se irritou e prometeu demissão a quem atrapalhasse seu programa.

Primeiramente, tudo começou com Milene Pavorô fazendo um pedido ao patrão: ” O senhor pode ir um pouquinho mais para lá? Para dar pra ver certinho”, disse a assistente de palco. “Não se mete no meu programa, Milene”, disparou Ratinho. Contudo, Valentina Francavilla defendeu a colega: “Não, foi o Carlão”. Assim, Ratinho se dirigiu ao câmera e outro funcionário, conhecido como “Maju“.

“Carlão, você é o primeiro que vai pra rua. Você e a Maju, que é a Maju que fica falando”, afirmou o apresentador. Em seguida, ele decretou. “Eu gostaria que você não se intrometesse no meu programa. Tá?” pediu. O homem respondeu que era impossível não interferir. O apelido dele foi dado pela semelhança com Maju Coutinho, jornalista da Globo.

Ratinho então brincou: “E o pai balançou no berço e falou: ‘Que homão que vai ser’”, disse ele, desencadeando gargalhadas no elenco.

Quer receber as principais notícias do Todo Canal no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial. Para receber no Telegram, clique aqui

Claudio Augusto

Jornalista formado pela UFG (Universidade Federal de Goiás), com passagem pela Rádio Universitária (UFG) e TV Anhanguera de Goiânia.

Veja também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo