Televisão

Datena se revolta e condena manifestações contra Bolsonaro: “Gente morrendo”

Jornalista se posicionou sobre os assuntos

José Luiz Datena deu sua opinião durante o “Brasil Urgente” desta segunda-feira (31) sobre as manifestações realizadas no último sábado (29) contra o presidente Jair Bolsonaro pelo Brasil. A fala foi dada após ele noticiar a decisão do Brasil em sediar a próxima Copa América.

O jornalista condenou as manifestações pelo fato da pandemia seguir descontrolada. “É complicado! Eu não quero tirar o princípio democrático das pessoas em declarar em quem vão voltar, mas não é o momento. Na outra semana teve a passeata do Bolsonaro, nessa contra o Bolsonaro. Está tendo aglomeração. Vamos manter o princípio democrático a favor e contra Bolsonaro”, disse o apresentador.

Em seguida, Datena falou sobre casos de abuso de poder de policiais. “Mas há democracia na porrada? Gás de pimenta não combina, não tem cabimento uma coisa dessa. Além de gente morrendo com bala, do coração, de coronavírus, de fome e a gente ainda vai tornar a situação pior. E esses caras falando que não estão em campanha para Presidência, senado…”, acrescentou o jornalista. Confira o momento a partir do minuto 04′.

Enquanto Datena se pronuncia sobre protestos, Patricia Abravanel defende Neymar

Patricia Abravanel saiu em defesa de Neymar durante o “Vem Pra Cá” da última sexta-feira (28). Ademais, o jogador teve contrato rompido com a Nike devido a uma denúncia de abuso sexual contra uma mulher, que teria ocorrido em 2016.

Primeiramente, tudo começou quando Gabi Cabrini iniciou o quadro de fofocas com a notícia. De cara, Patricia saiu em defesa do jogador de futebol do PSG. “Coitado do Neymar. Posso falar? Acho que é igual aquela outra mulher (Najila Trindade) que fez aquilo com ele. Só porque o cara tem dinheiro. Ah vai, não é possível”, disparou a apresentadora.

Em seguida, Gabi Cabrini explicou melhor o caso, enquanto Patricia Abravanel teceu mais comentários. “O cara é rico e bonitão, entendeu? Aí ele chega em alguém e a mulher já quer…”, disse a filha de Silvio Santos.

“Ele tentou beijar ela e ela não quis, aí é assédio? Você acha que o Neymar precisa disso? Fala sério. Você acha que ele precisa forçar alguém para o sexo? Um cara bonitão e rico desses, gente”, completou Patricia Abravanel, dando seu veredito sobre o caso

Quer receber as principais notícias do Todo Canal no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial. Para receber no Telegram, clique aqui

Claudio Augusto

Jornalista formado pela UFG (Universidade Federal de Goiás), com passagem pela Rádio Universitária (UFG) e TV Anhanguera de Goiânia.

Veja também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo