Notícias

Apoiadora de Bolsonaro, Sara Winter é presa pela Polícia Federal em Brasília

A bolsonarista Sara Fernanda Giromini, conhecida como Sara Winter, foi presa na manhã desta segunda (15) em Brasília. A ativista lidera o grupo intitulado 300 do Brasil, que defende o presidente Jair Bolsonaro.

Ademais, a prisão foi autorizada pelo ministro do STF Alexandre de Moraes. A prisão foi decretada por suspeitas de organização e captação de recursos para a realização de atos antidemocráticos e contra a Lei de Segurança Nacional. O Ministério Público do DF considera o grupo como milícia armada, algo que não é permitido pela Constituição.

Inclusive, em uma entrevista dada a BBC Brasil, Sara Winter admitiu ter armas em meio a seu grupo:  “Em nosso grupo, existem membros que são CACs [sigla para Colecionador, Atirador e Caçador], outros que possuem armas devidamente registradas nos órgãos competentes. Essas armas servem para a proteção dos próprios membros do acampamento e nada têm a ver com nossa militância”, revelou.

Quer receber as principais notícias do Todo Canal no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial. Para receber no Telegram, clique aqui

Claudio Augusto

Jornalista formado pela UFG (Universidade Federal de Goiás), com passagem pela Rádio Universitária (UFG) e TV Anhanguera de Goiânia.

Veja também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Olá pessoal! O acesso ao nosso site é gratuito, porém precisamos da publicidade aqui presente para mantermos o projeto online. Por gentileza, considere desativar o adblock ou adicionar nosso site em sua white-list e recarregue a página.