Destaques, Macaíba‏, Natal, Parnamirim, RN, São Gonçalo do Amarante, São José de Mipibu

Videomonitoramento na região metropolitana de Natal

A região metropolitana de Natal está bem perto de contar com mais um apoio no combate à criminalidade. É o videomonitoramento, projeto tocado pelo Governo Cidadão e a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social, com recursos do Banco Mundial, que está quase pronto para começar a funcionar. Serão 184 câmeras espalhadas em Natal, Extremoz, Ceará-Mirim, São Gonçalo do Amarante, Macaíba, Parnamirim e São José de Mipibu que vão reforçar o trabalho da segurança pública.

Na última semana a equipe do Governo Cidadão acompanhou a instalação de uma câmera na praça dos Três Poderes, em Extremoz, pela empresa vencedora da licitação, a Interjato. A câmera faz parte de um rol de 140 equipamentos do tipo PTZ, capaz de ser controlada à distância por um operador do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (CIOSP), permitindo visão em 360 graus do local.

“O operador vai controlá-la com um joystick e poderá dar zoom de até 30 vezes, cobrindo uma área de um quilômetro de raio, visualizando espaços urbanos e comércio”, comenta o gerente de projetos da empresa, Leonardo Souza.

O secretário de Gestão de Projetos e Metas, Fernando Mineiro, destaca que trabalhar com a prevenção na área da segurança é um dos objetivos do projeto. “O videomonitoramento é um sistema que há muito tempo a região metropolitana de Natal precisava. Integrado ao CIOSP vai possibilitar maior controle da criminalidade em áreas historicamente críticas”, diz.

As outras 44 câmeras serão fixas e capazes de reconhecer placas de carros, caminhões e motos e já identificar os que possuem queixas de furto e roubo instantaneamente, tanto durante o dia quanto à noite. Tais equipamentos serão instalados em portais nas entradas das cidades, sendo uma câmera em cada sentido da via. Serão pelo menos 22 portais nos sete municípios contemplados.

Para o secretário de Segurança, Coronel Francisco Araújo, o videomonitoramento é uma ferramenta fundamental para o sistema de segurança pública potiguar. “Vamos ter um acompanhamento em tempo real em Natal e região metropolitana de áreas de especial interesse turístico e comercial, com reconhecimento facial e leitura de placas de veículos roubados. É um ganho incalculável no combate à criminalidade”, pontua.

A expectativa da Interjato é que até o final de novembro todas as câmeras estejam instaladas e prontas para funcionar. Conectados por fibra ótica, os equipamentos estão sendo implantados em postes da Cosern, que trabalha em parceria com o Governo do Estado e a vencedora da licitação. O projeto conta com um investimento da ordem de R$ 6,9 milhões.

Read More...

Destaques, RN

Governo testa videomonitoramento na região metropolitana de Natal

O Governo do Estado realizou os primeiros testes para o novo sistema que vai monitorar toda a região metropolitana de Natal com câmeras de alta tecnologia, capazes de detectar e verificar, em tempo real, as placas de todos os veículos que passem nos pontos cobertos.

O teste chamado de ‘prova de conceito’ é uma etapa do processo licitatório para contratação do videomonitoramento de cidades da grande Natal que foi concluída nesta quarta-feira (3). Esta fase engloba Natal, Extremoz, Ceará-Mirim, Macaíba, Parnamirim e São José de Mipibu. O teste dos equipamentos com monitoramento em tempo real do tráfego foi realizado na Rota do Sol, sob supervisão da comissão de avaliação da Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed-RN).

O tenente-coronel PM Constantino Emiliano, coordenador do projeto, explicou que esta é uma fase importante para aferir se a empresa participante do certame preenche o requisito exigido pelo Governo para realizar o serviço. “Será mais um equipamento para reforçar a nossa Segurança Pública e captar imagens de pessoas e veículos em situação delituosa”, descreve.

Foto: Solano Braz

O investimento com recursos do acordo de empréstimo com o Banco Mundial visa fortalecer o CIOSP e sua integração de dados. Serão compradas 140 câmeras móveis e 80 fixas, que serão instaladas em Natal, Extremoz, Ceará-Mirim, Macaíba, Parnamirim e São José de Mipibu, permitindo um controle e monitoramento urbano, como também a fiscalização da circulação de veículos e entorno de eventos. Uma vez implantado, o sistema será integrado ao CIOSP.

Além disso, as câmeras irão atuar na prevenção do crime através da identificação de veículos cadastrados como suspeitos, procurados ou sem os motoristas habituais. Os equipamentos terão automação no processo de identificação imediata e busca de irregularidades relacionadas à placa de veículos automotores em pontos de fiscalização como: veículos furtados, com placas clonadas ou inexistentes; veículos não licenciados; veículos com mandado de busca e apreensão; veículos de transporte coletivo clandestino; controle de Circulação de Mercadorias.

Read More...

Destaques, Natal

Mais de 50 câmeras vão auxiliar na emissão de multas no trânsito de Natal

A partir do próximo domingo, dia 10 de setembro, a fiscalização das infrações de trânsito passará a ser realizada em Natal também por videomonitoramento. De acordo com a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) “o objetivo é reduzir o número de vítimas com acidentes de trânsito na cidade”.

No total, 54 câmeras irão atuar de forma integrada – sendo 32 da STTU e 22 da Guarda Municipal. As câmeras da STTU também estão interligadas ao Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (CIOSP), assim, além de monitorar o trânsito, as câmeras ajudam na segurança da cidade, já que os agentes de segurança do Estado possuem acesso irrestrito a todas as imagens.

Oito agentes de trânsito ficarão responsáveis por acompanhar a movimentação nas principais vias da cidade direto da Central de Monitoramento e serão eles mesmos os autores das multas sempre que forem identificadas possíveis infrações dos motoristas.

Ainda de acordo com a STTU, as câmeras instaladas em diversas partes de Natal têm alcance de até 500 metros a partir do local em que estão alojadas, garantindo imagens em boa resolução para avaliação dos agentes. Em nota, a Secretaria afirma que “as câmeras de monitoramento estão nas ruas para proteger a vida do cidadão! As câmeras não estão escondidas, as ruas e avenidas que possuem os equipamentos estão devidamente sinalizadas. Respeite as leis de trânsito. Evite acidentes. Evite multas”.

A nova atribuição dos equipamentos fiscalizadores atende a uma resolução do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

As avenidas Salgado Filho, Bernardo Vieira, Prudente de Morais, Felizardo Moura, Romualdo Galvão, Campos Sales e Deodoro da Fonseca são algumas das que já possuem câmeras e, a partir de agora, serão virtualmente fiscalizadas por agentes na Central.

Read More...