Concurso Público, Destaques

Governo nomeia 53 novos profissionais para a Saúde do RN

O Governo do Rio Grande do Norte acaba de nomear 53 novos candidatos aprovados em concurso público para provimento de cargos efetivos a serem ocupados na Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap). A lista de nomeados foi publicada em edição extraordinária do Diário Oficial do Estado desta terça-feira (19).

Entre os profissionais convocados estão 25 ortopedistas, nove neurologistas, 11 farmacêuticos e oito bioquímicos. Os nomeados devem estar atentos à documentação exigida, aos exames necessários e ao prazo para assinatura do termo de posse que deve ser feita até o dia 18 de dezembro.

A Sesap reforça que vem construindo um Termo Interno de Governança para que, “com responsabilidade fiscal e de maneira organizada e planejada, possa continuar nomeando os aprovados no concurso realizado no ano de 2018”.

Para conferir a relação dos novos servidores, bem como a documentação necessária, basta acessar o documento anexo ou acessar o site da Sesap (www.saude.rn.gov.br) e buscar pela aba “serviços”.


Se você quer ficar por dentro das novidades de concurso público e processo seletivo no Rio Grande do Norte, participe do nosso grupo no Facebook (clique aqui). Quer bolsa de estudo com até 70% de DESCONTO? Clique aqui e saiba mais!

Read More...

Destaques, RN

Rio Grande do Norte terá reforço de R$84,6 milhões para Saúde

A partir de agora, a população do Rio Grande do Norte vai ser beneficiada com novos recursos para a saúde do estado. Mais de R$84 milhões de reais serão investidos na Atenção Primária e Hospitalar de 51 municípios. Com esse valor, a população vai conseguir agendar consultas de forma mais rápida. Além disso, essa verba será usada para a compra de equipamentos novos, mais leitos em hospitais, obras de construção, reforma e ampliação de espaços.

Os atos normativos foram assinados nesta sexta-feira (16) pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e pela governadora do Estado, Fátima Bezerra. O ministro destacou que os recursos devem ajudar a fortalecer os serviços e o atendimento à população, uma prioridade para o Governo Federal.

“O presidente Jair Bolsonaro me pediu pessoalmente. Vá ao Nordeste, vá lá no Rio Grande do Norte, leve os meus comprimentos, leve uma mensagem: esse país precisa ser reconstruído em todas as políticas. Essa da saúde é uma delas. Talvez a que mais chegue perto do cidadão, talvez aquela que mais apelo tenha no dia a dia das famílias”, destacou o ministro Luiz Henrique.

Fátima Bezerra agradeceu a presença do ministro em Natal e a liberação dos recursos e disse que este ano este é o primeiro aporte de recursos federais extras para o Governo do Estado e que o montante é muito importante, mas as necessidades são de R$ 220 milhões. “Recebemos com muita alegria o ministro e agradecemos pela atenção em liberar os recursos”, afirmou a Governadora para acrescentar que, diante das nossas necessidades este foi um passo importante. “O povo do Rio Grande do Norte me conferiu a função de governadora através do voto. E vou bater em todas as portas para cobrar ao Governo Federal o atendimento às nossas reivindicações”, reforçou.

HOSPITAL DA PM PASSA A INTEGRAR O SUS

Outra medida importante solicitada pelo Governo do Estado, e agora atendida pelo Ministério da Saúde, é a inclusão do Hospital Central da Polícia Militar Coronel Pedro Germano na rede SUS. O Hospital da Polícia Militar vai receber aporte de R$ 7,8 milhões por ano para atendimento a pacientes do SUS na urgência e emergência 24 horas.

Os recursos vêm suprir déficit orçamentário já existente e ajudará na qualificação da assistência à população potiguar. O déficit se dá por que o teto de repasse do Governo Federal tem valor inferior à produção dos hospitais no atendimento à população. O déficit orçamentário previsto para este ano é de R$ 200 milhões.

A governadora também agradeceu o apoio da bancada de deputados federais e senadores do RN que intercedeu junto ao Governo Federal em apoio à liberação dos recursos. “Buscamos apoios dos nossos parlamentares e conseguimos. Nos reunimos em Natal e em Brasília, o resultado é que, somando esforços, conseguimos esta liberação em favor da população de todo o Rio Grande do Norte”, registrou Fátima Bezerra.

Read More...

Destaques, RN

Servidores da saúde protestam em frente ao hospital Walfredo Gurgel

Na manhã desta sexta-feira (22), os servidores da saúde estadual, em greve há 17 dias, realizaram um ato público em frente ao Pronto Socorro Clóvis Sarinho, no hospital Walfredo Gurgel. Durante o ato, a saúde fez um ‘trancaço’ de 1h na porta do Pronto Socorro do maior hospital do Estado como forma de protesto contra o atraso dos salários. Apenas atendimento de urgência e emergência foi encaminhado ao hospital.

A categoria também protestou contra a reforma da Previdência do Governo Federal que foi enviada pelo presidente Jair Bolsonaro na última quarta-feira (20), e as condições de trabalho nos hospitais públicos do RN.

Como é de praxe em toda greve da saúde, os servidores do Walfredo Gurgel expuseram o Mural da Vergonha, onde denunciam o déficit no quadro de funcionários e a falta de medicamentos e de materiais básicos nas unidades de saúde do estado.

Até o momento, “a governadora Fátima Bezerra (PT) não recebeu a saúde para apresentar uma proposta de negociação. Tratamento totalmente diferenciado para os servidores da segurança que foram atendidos nos primeiros dias do seu Governo sem estarem em greve”, diz o movimento grevista.

Portanto, a greve da saúde continua e na próxima segunda-feira (25), às 9h, no auditório do Sinpol, haverá uma nova assembleia da categoria para discutir e aprovar um calendário de mobilizações na semana que se inicia o carnaval. “A saúde estará na rua e na folia protestando contra o atraso dos salários e a reforma da Previdência”, finaliza o SindsaúdeRN.

Read More...

Destaques, RN

Sindicato realiza campanha de arrecadação de alimentos para servidores da saúde

O Sindsaúde-RN inciou nesta segunda-feira (14) uma campanha de arrecadação de alimentos para os servidores da categoria que estão passando por dificuldades financeiras, devido ao atraso dos salários.

Como é de conhecimento público, os servidores estaduais vem há quase 3 anos com atrasos de salários. Toda esta situação tem levado os servidores a uma piora significativa das suas condições de vida, inclusive com dificuldades para comprar alimento para suas famílias.

“Estou devendo mais 200 reais na mercearia perto da minha casa, minhas irmãs é que estão me dando um prato de comida. Se abrir a geladeira da minha casa vocês vão ver que não vai ter nada”, relata aposentada da saúde, Juraci Pereira.

A situação dos aposentados e pensionistas que recebem acima de R$ 5 mil é a mais dramática, pois estão com o 13º de 2017, novembro, dezembro e 13º de 2018 atrasados. Já os servidores da ativa estão com a folha de dezembro e 13º de 2018 em atraso.

Em janeiro de 2018, em meio à greve da saúde que durou 100 dias, o sindicato realizou uma campanha de arrecadação de alimentos. Com a contribuição das organizações, o Sindicato ajudou diversos servidores.

“Infelizmente apelamos novamente para a campanha, pois têm servidores que estão com muitas dificuldades. É triste saber que o direito de trabalhar e receber os salários em dia não está sendo cumprido. São direitos básicos. Sem esses direitos, fica difícil colocar comida na mesa”, declara Manoel Egidio, Coordenador-geral do Sindsaúde-RN.

Na última negociação com o Governo, ficou acertado o pagamento dos salários de janeiro em 30% no dia 11 e 70% para quem recebe até R$ 3 mil no dia 16. Porém, grande parcela dos servidores não terá acesso ao seu salário porque fizeram antecipação do 13º no Banco do Brasil com vencimento para o dia 15/01. Ou seja, o dinheiro vai entrar na conta, mas automaticamente será descontado.

Diante desta situação, o Sindsaúde-RN está realizando uma campanha de arrecadação de alimentos para os servidores da saúde. O Sindicato enviou a solicitação de doações de cestas básicas à diversas entidades sindicais, à OAB e à Arquidiocese de Natal. A sociedade em geral também pode participar da campanha. As doações podem ser entregues na sede do Sindsaúde-RN, na Av. Rio Branco, 874, Cidade Alta, Natal/RN.

Read More...

Destaques, RN

Servidores da saúde do RN irão paralisar atividades no próximo dia 10

Durante essa última sexta-feira, dia 4 de janeiro, ocorreu a assembleia geral de servidores no auditório do Sinpol/RN, para discutir a situação de atraso nos salários e atividades de mobilização, além de informes gerais.

Ao longo da reunião, os trabalhadores relataram os problemas que estão enfrentando sem o pagamento dos salários. Alguns, por exemplo, não têm sequer o dinheiro do transporte para ir ao trabalho.

Entre os encaminhamentos definidos na assembleia, os servidores aprovaram uma paralisação de advertência para o próximo dia 10 de janeiro, com apagão de 24 horas no Hospital Walfredo Gurgel, e, no mesmo dia, também será realizado uma assembleia com indicativo de greve para o dia 15 de janeiro.

Na ocasião, foi aprovado o envio de um ofício para o secretário de saúde do Estado e para o Ministério Publico, afim de comunicar sobre a situação dos servidores.

Read More...