Destaques, Esporte, RN

Pilotos internacionais vem ao RN bater o recorde mundial de voo livre

As cidades de Parelhas, Açu e Patu, no Rio Grande do Norte, recebem nesta segunda-feira (14), uma expedição internacional de voo livre. Os 15 pilotos de parapente, de vários países do mundo, estarão no estado com o intuito de superar recordes pessoais e dos países de origem, e como objetivo principal pretendem bater o recorde mundial de distancia de voo livre, que hoje atualmente pertence a um grupo de brasileiros, que em 2016 voaram 564 km durante onze horas.

Os pilotos escolheram as três cidades do RN devido as suas características de ventos e condições meteorológicas favoráveis para a prática desse esporte. Atualmente o Rio Grande do Norte desponta como a melhor região para a prática dessa modalidade de voo livre: o estilo de voo de cross crountry, que se caracteriza como um voo de longas distâncias. Os pilotos vão ficar na região até o dia 10 de novembro.

“O Rio Grande do Norte vai se destacar por receber esse evento e se consolidar como um destino perfeito para a prática de esportes de aventura. Já somos lembrados como um excelente destino para o kitesurfe e windsurfe. seremos referência também para o voo livre. Esse é um segmento que movimenta a economia e demonstra cada vez mais os potenciais do interior do RN”, contou bruno reis, presidente da Emprotur.

No roteiro da viagem dos pilotos – que ficam na região até novembro, a decolagem para a quebra do recorde sairá da pista de voo em Parelhas, passando pelo Ceará e pousando no Piauí, tudo isso apenas com as fortes correntes de ventos, e as térmicas que se desprende do solo, gerando a sustentação necessária para a permanência dos pilotos de parapente entre as nuvens. Os países participantes são: Brasil, Alemanha, Polônia, Eslovênia, Itália, República Tcheca, França, Japão, Portugal, Hungria e Suíça.

Read More...

Destaques, Plantão Policial

PF combate grupo criminoso que agia contra veículos dos Correios no RN

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira (1º de outubro) a Operação Rodovia, visando desarticular uma organização criminosa suspeita de envolvimento em 11 ocorrências de crimes de roubo a veículos dos Correios, ocorridas no período de 15/4 a 27/8/2019, nos municípios de Ceará-Mirim, São José de Mipibu, Vera Cruz e Bom Jesus.

Cerca de 25 policiais federais estão cumprindo, em Natal e São Gonçalo do Amarante – na Região Metropolitana, 4 mandados de busca e apreensão, 2 mandados de prisão provisória e 1 mandado de prisão preventiva, todos expedidos pela 15ª Vara Federal de Ceará-Mirim.

Os presos responderão por crimes de roubo duplamente qualificado, organização criminosa, adulteração de sinal identificador de veículo e falsidade ideológica.

Read More...

Destaques, RN

Estado é condenado a indenizar educadora feita refém durante rebelião no Ceduc de Caicó

O juiz Luiz Antônio Tomaz do Nascimento, da 2ª Vara Cível da comarca de Caicó, condenou o Estado do Rio Grande do Norte a indenizar em R$ 5 mil, a título de danos morais, uma educadora social que foi feita refém durante uma rebelião no Ceduc de Caicó, ocorrida em março de 2015. Sobre o valor deverá incidir juros desde o evento danoso e atualização monetária a partir da sentença.

A autora afirmou ser Educadora Social e que em 17 de março de 2015, durante o exercício de suas funções no Centro Educacional de Caicó foi feita refém, com outros educadores e a partir desse momento iniciou-se uma rebelião. Narrou que um adolescente colocou uma chave de fenda no seu pescoço e imobilizou-a, e que durante o movimento sofreu ameaça de morte, além de agressões de ordens físicas, psicológicas e morais.

Alegou que em razão do abalo psicológico decorrente dessa situação, necessitou de acompanhamento psiquiátrico e se afastou de suas atividades. Atribuiu ao Estado a responsabilidade pela omissão ao dever legal de segurança. Inicialmente, requereu indenização por dano moral no valor sugerido de R$ 200 mil.

Decisão

Foto: Conselho Nacional de Justiça/Portal N10

Ao decidir sobre o caso, o magistrado Luiz Antônio do Nascimento aponta que a autora foi submetida a atendimento psicológico, necessitando de um período de afastamento de suas atividades profissionais normais a fim de recuperar-se do choque sofrido, permaneceu 90 dias de atestado médico e, por fim, passou 180 dias em readaptação de função e que é indiscutível que do ocorrido resultaram danos psicológicos a ela e que as provas dos autos não deixam dúvida de que houve falha na fiscalização dos menores infratores, o que viabilizou a rebelião e que a existência de armas brancas permitiu que os rebelados rendessem os agentes educadores, entre eles a autora, garantindo o êxito do motim.

O magistrado destacou que de acordo com o relato da autora e testemunhas em audiência, os infratores estavam recebendo ordens de algum meliante que estava preso no presídio de Alcaçuz, tudo mediante contato telefônico, “corroborando para a eclosão da rebelião e que a atuação deficiente da administração justifica a condenação a reparar os danos causados por omissão”.

O julgador salienta que a atividade de educador de adolescentes no cumprimento de medidas socioeducativas em entidades de internação, mediante contato com adolescentes infratores, expõe o funcionário a risco natural e inerente da profissão, tal como afirma o réu. “Contudo, permanecer refém, sob ameaça de morte, extrapola os limites da sua função. Certamente ninguém está preparado psicologicamente para vivenciar a fúria de internos sofrendo agressões e ameaças, de modo que os reflexos dessa situação são inevitáveis e imensuráveis”.

Assim, o magistrado Luiz Antônio do Nascimento decidiu que a responsabilidade do réu é inegável, diante do nexo causal entre a falha da segurança do centro educacional, que culminou na rebelião, e os danos morais sofridos pela autora, razão pela qual ela deve reparar os danos decorrentes do evento.

No tocante ao montante da indenização, entendeu ser desproporcional e excessivo o pedido inicial de R$ 200 mil e que o valor de R$ 5 mil atende ao requisito de razoabilidade, de modo a compensar a vítima, sem implicar enriquecimento nem empobrecimento dos envolvidos.

Read More...

Destaques, RN

Governo recebe missão russa para discutir negócios e parcerias com o RN

O Governo do Estado recebeu, nesta sexta-feira (26), o presidente do Conselho Municipal de Kupchino (distrito de São Petesburgo, Rússia), Mikhail Cherepanov, para discutir potenciais investimentos estrangeiros no Rio Grande do Norte e articular a participação de uma delegação potiguar no 1º Fórum Internacional dos Municípios dos Países do BRICS – que é um agrupamento econômico e político que envolve Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

O RN foi um dos três estados brasileiros visitados pela missão russa, ao lado da Paraíba e de São Paulo, para tratar das parcerias e receber o convite para o Fórum Internacional, que será realizado entre 19 e 23 de setembro em São Petesburgo. O evento é uma iniciativa do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, que destacou Cherepanov para articular a participação dos representantes das cidades dos cinco países do bloco econômico.

Para a governadora Fátima Bezerra, a possibilidade de parcerias e investimentos no Fórum é importante para o projeto de crescimento do estado. “Esse evento representa um fortalecimento dos BRICS. No que estiver ao alcance do Governo não mediremos esforços para contribuir e formar parcerias”, destacou.

O evento, segundo o plano apresentado por Mikhail Cherepanov, é voltado para a criação de uma plataforma que integre os projetos dos municípios e empreendedores russos e de outros países europeus. “A proposta do Fórum é ampliar a força e a influência dos BRICS no mundo. A ideia é que, em três anos, contemos com 12 mil participantes, entre municípios, representantes regionais e empresários. Ficaremos muito felizes se a governadora e representantes do estado possam participar”, pontuou o político russo.

O foco do evento é mediar projetos de médio porte em setores como construção civil, turismo e energia. A Federação dos Municípios do RN (Femurn), que esteve representada pelos prefeitos Túlio Lemos (Macau) e Berg Lisboa (Goianinha), destacaram os potenciais turísticos do litoral e do interior potiguar, o que foi bem acolhido pela missão russa. Um portfólio de potenciais investimentos será formulado em conjunto e deverá ser enviado antes da realização do Fórum, para facilitar a mediação e encaminhar reuniões com os empreendedores russos. “Essa filosofia de articular projetos de médio porte casa diretamente com a nossa política de interiorização do turismo”, completou a governadora Fátima Bezerra.

Read More...

Agenda Cultural, Destaques

Campanha convida população para visitar áreas verdes protegidas

Com o objetivo de promover a consciência ambiental e incentivar a visitação às áreas verdes protegidas, a Campanha Um Dia no Parque acontecerá nacionalmente no próximo domingo, dia 21 de julho. O Parque das Dunas, primeira Unidade de Conservação criada no Rio Grande do Norte no ano de 1977, está participando da campanha e faz um convite a todos para que possam visitar esse espaço. O Parque das Dunas é parte integrante da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica Brasileira, e é considerado o maior parque urbano sobre dunas do Brasil.

Instituições, organização não governamentais, coletivos, grupos ligados ou não ao meio ambiente e toda a população são convidados a participar da Campanha. Será um dia designado para que as pessoas possam conhecer, visitar, aproveitar, conectar-se e apaixonar-se pela natureza. O objetivo da campanha é mostrar aos brasileiros que Unidades de Conservação são lugares especiais, que protegem toda a nossa biodiversidade e que estão ao alcance de todos. Um dos objetivos do evento também é criar uma cultura de visitação e conscientização a respeito da importância destas áreas para a qualidade de vida de todos.

Para a gestora do Parque das Dunas, Mary Sorage, participar dessa Campanha é uma forma de fortalecer um dos pilares das Unidades de Conservação, que é a educação ambiental. “É conhecendo que nós aprendemos a cuidar. Visitar o Parque das Dunas, ou qualquer outra área protegida, é uma oportunidade de celebrar a vida e conectar-se com a cultura, história e natureza, inclusive a sua”, afirmou a gestora.

Além de caminhadas, prática de corrida na área do Bosque, piqueniques, contemplação, observação da fauna e flora da UC, a população poderá visitar durante todo o dia a Sala de Exposição com a atividade “Conhecendo o Mundo Biológico”, além dos projetos culturais Bosque Encena, com o espetáculo “Patrulha Canina”, às 10h, e no período da tarde, às 16h30, Som da Mata com o violinista Filipe Félix acompanhado dos músicos Frank Lemos e Sílvio Franco.

Campanha Um Dia no Parque

Desde 2018, a Coalizão Pró UCs realiza a campanha Um Dia no Parque, uma ação de mobilização e engajamento que visa o fortalecimento das Unidades de Conservação brasileiras por meio da criação de uma cultura de conhecimento e valorização das áreas protegidas do Brasil. A categoria “parques” foi a escolhida para nominar a campanha por ser a de mais fácil reconhecimento pela população, mas todas as categorias de Unidades de Conservação, tanto federais, como estaduais, municipais e particulares, são contempladas na campanha.

Mais de duas mil Unidades de Conservação ajudam a proteger o ecossistema e a história do nosso país. A campanha Um dia no Parque é uma iniciativa da Coalizão Pró Ucs e realizará programações em diversos Parques Ambientais do país.

– Mais informações: www.umdianoparque.net

Read More...