Destaques, RN

Duplicação da Reta Tabajara deve ser concluída até 2021

Com o objetivo de fortalecer parcerias, a governadora Fátima Bezerra se reuniu com o superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), general Daniel Dantas. A chefe do Executivo estadual apresentou os pleitos do governo, como a federalização de trechos de rodovias, e também quis saber a previsão para a conclusão de obras importantes no estado. Dentre as solicitações apresentadas, destaca-se a conclusão da duplicação da Reta Tabajara.

“O DNIT é uma instituição muito importante para o Rio Grande do Norte. Sem boas estradas não vamos fomentar a atividade econômica nem garantir a mobilidade com segurança e conforto para a população. Coincidentemente, esse tema nós também abordamos na audiência que tivemos em Brasília com o presidente da República, quando solicitamos a retomada de obras paralisadas e a garantia de regularidade de repasses financeiros para que as obras em curso não sofram paralisação”, ressaltou a governadora.

“Nós temos todo interesse em concluir as obras em andamento aqui no Rio Grande do Norte. Temos enfrentado alguns obstáculos, mas já estamos tomando as providências para solucionar e dar prosseguimento aos serviços. A Reta Tabajara, por exemplo, tivemos de fazer readequações no projeto original, o que interferiu na execução das obras. Nossa prioridade agora é com a duplicação da rodovia. A nossa expectativa é concluir tudo até 2021”, afirmou o superintendente do DNIT.

Também se discutiu a viabilidade de federalização das rodovias RN-221 e RN- 404, duas estradas litorâneas de grande importância para o turismo na região da Costa Branca, que seriam transformadas em BR; dois trechos da RN-110, na divisa entre o Rio Grande do Norte e a Paraíba até o entroncamento da BR-427; a pavimentação da BR-104, de Macau até a divisa com a Paraíba; e a construção de dois viadutos, sendo um para dar acesso ao prolongamento da avenida Prudente de Morais (Av. Prefeito Omar O’Grady) e outro em Macaíba, na interseção da BR-304 com a estrada que leva ao aeroporto Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante. Se as rodovias forem incorporadas pelo ente federal, o Estado ganhará em economia e os motoristas ganham vias com maior segurança e melhor mobilidade. O superintendente do DNIT demonstrou-se disponível para dialogar a respeito dos pleitos.

O complexo da BR-101 , que fica de frente ao Parque Aristófanes Fernandes em Parnamirim, foi outro ponto de destaque na reunião. “Estamos com um contingenciamento de R$ 25 milhões nos recursos desse empreendimento. Estamos trabalhando para garantir a conclusão da obra principal, para liberar o fluxo de carros ainda este ano. Vamos buscar assegurar as condições para executar os serviços complementares no ano que vem”, disse o general Daniel Dantas.

Gancho de Igapó

O superintendente do DNIT deu uma boa notícia a respeito das obras no trecho conhecido como Gancho de Igapó. O projeto atualmente está na fase de pagamento de desapropriações, demolições e definição de desvios. A previsão é que em setembro comecem os serviços para a construção do viaduto, que deve ser concluído em até dois anos.

Ponte de Igapó

Dnit declara situação de emergência na Ponte de Igapó

Sobre a recuperação da Ponte de Igapó, o DNIT esclareceu que está executando obras emergenciais para evitar o comprometimento da estrutura. Esse reparo deve ser concluído nos próximos dois meses. Já está em elaboração o anteprojeto de restauração do complexo para que seja iniciada uma obra maior no ano que vem.

Acompanharam a governadora nesta audiência o vice-governador, Antenor Roberto, e secretário de Infraestrutura, Gustavo Coelho, e o diretor do Departamento de Estradas de Rodagem, Manoel Marques.

Read More...

Destaques, Parnamirim

Caern faz intervenções na Avenida Ayrton Senna

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) realiza duas intervenções na Avenida Ayrton Senna, próximo à Avenida Abel Cabral, em Nova Parnamirim. Desta forma, o trânsito na área segue um fluxo diferenciado, e a Companhia pede a compreensão da população para os transtornos causados na área, que serão temporários e necessários.

Uma equipe trabalha no sentido Parnamirim/Natal, na ampliação da rede de abastecimento de Nova Parnamirim, imprescindível para a melhoria na oferta de água da região que possui grande adensamento residencial e comercial. De acordo com o cronograma de trabalho da Companhia, uma das faixas de trânsito da via está interditada para este procedimento, que deve ser concluído nos próximos dias.

Para não haver outra intervenção em breve, a Companhia já deu início aos estudos topográficos para a implantação da rede de esgotamento sanitário na Avenida. Em seguida, iniciam as escavações, seguindo os parâmetros técnicos de funcionamento do esgoto, dentre eles, por gravidade. Assim, as equipes começam a trabalhar no sentido contrário da via, Natal/Parnamirim, próximo ao colégio Salesiano, até as proximidades da rotatória. Também será interditada uma faixa da via e, em seguida, será feito o outro sentido.

Read More...

Destaques, Natal

Rompimento de adutora da Caern gera nova interdição em trecho da Prudente

O rompimento de uma adutora da Caern no bairro de Lagoa Nova, em Natal, provocou no último domingo (8) a interdição do trecho da avenida Prudente de Morais que fica em frente à Arena das Dunas.

Além dessa interdição, a Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU) realizou também uma outra no cruzamento entre as avenidas Capitão Mor Gouveia e São José, impedindo que o túnel seja acessado nessa altura. De acordo com a STTU, não há previsão para liberação do trânsito.

A Companhia de Águas e Esgotos do RN (Caern) deu início ao conserto no próprio domingo e previa que o pavimento da avenida fosse recomposto nesta segunda-feira (9), mas a obra da Caern ainda não foi concluída.

O serviço causou interrupção de fornecimento de água para seis bairros da capital potiguar: Alecrim, Bom Pastor, Dix-Sept Rosado, Lagoa Nova, Nazaré e Quintas. O abastecimento deve ser normalizado em até 48h após a conclusão do conserto.

De acordo com o secretário da Semov, Tomaz Neto, o problema ocorrido não tem nenhuma relação com as obras de construção do túnel de macrodrenagem, realizada para melhorar o escoamento das águas das chuvas entre as zonas Sul e Oeste.

Read More...

Economia

Programa Avançar: governo vai investir mais de R$ 130,9 bilhões em obras inacabadas pelo país

Nesta quinta-feira (09) foi lançado, pelo governo, o Programa Avançar. O projeto tem como finalidade realizar 7.439 obras que estão inacabadas por todo o país. A conclusão das obras, que estão previstas para final de 2018, terão investimentos de R$ 130,9 bilhões. O presidente Michel Temer esteve presente na apresentação do Programa no Palácio do Planalto, onde reuniu também diversos ministros.

Entre as ações estão inclusas obras de saneamento, creches, unidades básicas de saúde, recuperação de pistas de aeroportos e duplicação de rodovias. As regiões que mais vão ser beneficiadas com as conclusões das obras serão Nordeste e Sudeste, com 3.186 e investimentos de R$ 19 bilhões e 1.931 obras, totalizando R$ 52,51 bilhões, respectivamente.

Para o ministro Moreira Franco e secretário-geral da Presidência da República o Programa traz de volta o investimento público de que o Brasil precisa e ainda fará garanti o equilibro fiscal do país. “Com o Programa Avançar, vamos retomar os investimentos públicos. Lamentavelmente, para tirar o país do vermelho e fazer todas essas reformas para garantir o equilibro fiscal do país, eles [os investimentos] tiveram que ser contidos. Agora estamos retomando”, disse o ministro.

Para que que as regiões possam receber todos os recursos de que precisam para terem seus trabalhos terminados, organizações farão a liberação das verbas. O Orçamento Geral da União será responsável por R$ 42,1 bilhões, a Caixa Econômica Federal, do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) liberará R$ 29,9 bilhões e empresas estatais do setor de energia, em especial a Petrobras  – R$ 58,9 bilhões.

Durante cerimônia de lançamento do programa, o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira afirmou que o governo do atual presidente tirou o Brasil da pior recessão da história. “E colocamos o Brasil para crescer.” Ele ainda disse que o novo programa é um resultado de ações já realizadas pelo governo. “Isso não é por acaso, é resultado de ações como essa que estamos anunciando hoje”, destacou.

Read More...

RN

Obras de acesso norte do Aeroporto de São Gonçalo terão viaduto em breve

O Governo do Estado retomou as obras do acesso norte do Aeroporto de São Gonçalo do Amarante. Nessa etapa, de acordo com o diretor do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), Jorge Ernesto Pinto Fraxe, a obra compreende a saída do Aeroporto até a BR-406, onde será instalado um viaduto. “Já começamos a montagem de 24 vigas para terminar o viaduto”, informou Fraxe. A expectativa é que termine em aproximadamente 60 dias.

Até o momento, a via de 12 quilômetros que vai se interligar à BR-406 na altura do viaduto ao equipamento, tem metade do serviço executado. As obras, que compõem a Via Metropolitana, dos dois acessos estão orçadas em R$ 80 milhões, recursos do Governo do RN junto à Caixa Econômica Federal. Segundo Fraxe, a obra global será encerrada no final do próximo ano.

“As obras do acesso norte, que consistem na duplicação da 406 a partir desse viaduto até chegar à BR-101, em Touros, têm previsão de entrega no final deste ano, e o acesso sul no final de 2016″, explicou o general Fraxe, que tem uma larga experiência em obras de engenharia, tendo sido, inclusive, diretor geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), onde permaneceu até setembro do ano passado.

Um dos entraves que motivam o atraso das obras de acesso do Aeroporto Internacional diz respeito às desapropriações de alguns imóveis na área. No momento eles estão em análise.

Read More...