Destaques, Natal

Prefeitura do Natal convoca beneficiários do BPC para atualizar dados

A Prefeitura do Natal, através da SEMTAS, informa à população em geral que, diante do Decreto nº 8.805, tornou-se obrigatório a atualização de dados dos Benefícios de Prestação Continuada – BPC – no Cadastro Único para programas sociais do Governo Federal. Caso a atualização não ocorra, os benefícios serão bloqueados e posteriormente suspensos.

A Prefeitura do Natal continuará realizando as Ações, nas quatro regiões administrativas, para facilitar o atendimento ao público. Veja o local mais próximo da sua residência.

REGIÃO

DATA

LOCAIS

Zona Oeste

29, 30 e 31 de Julho

Centro de Idosos Marly Sarney: Av. Miguel Castro,706–Nossa Senhora de Nazaré.(Próximo a Igreja dos Mártires

Zona Oeste

06, 07 e 08 de Agosto

Centro Pastoral da Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora: Rua Arcoirís, 99, Felipe Camarão. (Próximo ao CRAS Felipe Camarão)

Zona Sul

13 e 14 de Agosto

Conselho Comunitário de Mirassol: Rua Jerusalém, 54, Capim Macio. (Próximo a parada do Circular da UFRN)

Zona Norte

21, 22 e 23 de Agosto

Ginásio Nélio Dias: Av. Guararapes, s/n – Lagoa Azul.

Zona Norte

26, 27, 28 e 29 de Agosto

Ginásio Nélio Dias: Av. Guararapes, s/n – Lagoa Azul.

Zona Leste

02, 03 e 04 de Setembro

Palácio dos Esportes Djalma Maranhão: Rua Trairi, 516 – Petrópolis, Natal.(Próximo a Praça Cívica)

Read More...

Destaques, Natal

STTU nega redução no horário de circulação dos ônibus em Natal

Após um texto que falava sobre a redução nos horários e dias de circulação dos ônibus em Natal se espalhar nas redes sociais, a Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU) emitiu uma nota informando que “é boato o texto que circula no WhatsApp usando o nome desta Secretaria para dizer que os ônibus irão operar de forma reduzida de segunda à sábado e não operarão aos domingos”.

A nota informa ainda que o “pedido foi feito pelo Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos do Município do Natal (SETURN), mas é inconcebível para a Secretaria que essa atitude seja tomada em prejuízo da população natalense”.

Diante disso, a STTU “não autorizou nem irá autorizar reduções de horários ou suspensão da circulação dos ônibus em qualquer horário e dia da semana”.

“Ressaltamos que, qualquer prática adotada pelas empresas que operam o Sistema de Transporte fora dos padrões operacionais estabelecidos por esta Secretaria, é passível das punições previstas em Lei”, finaliza a nota.

Read More...

Agenda Cultural, Destaques

Parque das Dunas e Parque da Cidade terão programação especial no Dia das Crianças

Os projetos Bosque Encena e Som da Mata prepararam uma edição especial nesta quinta-feira (12), Dias das Crianças. Às 10h, as princesas clássicas resolveram marcar um encontro no anfiteatro do Parque das Dunas para apresentar e coroar a mais nova princesa do Reino Encantado: Moana!

Que tal relembrar um pouco da história das princesas clássicas e conhecer a mais nova princesa da praia, mais conhecida como “a filha do chefe”? Todas as crianças estão convidadas para aproveitar a manhã desta quinta-feira em meio à natureza e conferir um verdadeiro Encontro de Princesas!

No período da tarde, às 16h30, tem Ilha de Música no Sonzinho da Mata para encantar a criançada. A Ilha de Música é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, instituída como projeto social de musicalização infanto-juvenil. Idealizado por Gilberto Cabral e Inês Latorraca, o projeto acontece na comunidade da África, zona norte de Natal, desde outubro de 2006.

Em dez anos de existência cerca de mil crianças e adolescentes já passaram pela Ilha e hoje, alguns deles são instrutores no projeto. A cada nova turma são assistidas 50 crianças e adolescentes da comunidade, com aulas de flauta-doce, clarinete, sax, trompete, trombone, bateria, contrabaixo elétrico, violão, guitarra, além de contação de histórias e reforço escolar.

Eles também têm à disposição a assistência de um psicólogo e café da manhã diariamente. Todas as aulas são gratuitas e é exigido apenas que a criança frequente uma escola no turno alternativo à Ilha. Atualmente três professores e três monitores se revezam na condução das aulas práticas e teóricas.

Também à tarde, das 13h às 17h, um resgate de brincadeiras antigas acontecerá no Espaço Saúde do Parque (próximo ao anfiteatro). Cirandas, pião, pintura, bambolê e diversas atividades com muita imaginação fazem parte da proposta, que é resgatar brincadeiras deixadas de lado ao longo do tempo. A atividade é uma parceria entre o Parque das Dunas com a Criação Espaço Infantil. Os eventos são gratuitos e a entrada custa apenas R$1,00.

Dia das Crianças no Parque da Cidade

Foto: Divulgação

O Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte programou uma semana de atividades para os pequenos aproveitarem bastante com jogos educativos sobre educação ambiental, apresentação teatral e atividades de incentivo à leitura, como a contação de histórias e bate-papo com escritores. A programação começou na segunda-feira (09) e vai até o domingo (15), com atividades nos dois horários.

Nesta quarta-feira (11) pela manhã, o grupo Estação de Teatro está apresentando a peça “Um Sonho de Rabeca no Reino da Bicharada”, no auditório, para crianças de várias escolas agendadas previamente. À tarde, brincadeiras com o jogo ecológico Na Trilha do Parque; a oficina atelier Fauna e Flora do Parque da Cidade; o jogo das Fábulas, com o pessoal da Qi+4, que vai levar um “Príncipe Encantado” para interagir com as crianças; e contação de histórias, com o ator Josivan Alves, sobre o escritor Monteiro Lobato, além da oficina de máscaras dos personagens do Sitio do Picapau Amarelo.

Na quinta-feira (12), o personagem João, o Contador de Histórias fará mediação de leitura na biblioteca, a partir das 8:30h. Em seguida começará o Jogo Ecológico “Na Trilha do Parque”, onde a criança é a peça de um jogo de perguntas e respostas. À tarde tem oficina de Origami, com Eugênio Batista Rangel, e Jogo das Fábulas, com a equipe da Qi+4, a partir das 14:30h. Para encerrar a tarde do dia dedicado à garotada, o Grupo Estação de Teatro vai apresentar a peça “Um Sonho de Rabeca no Reino da Bicharada”, no auditório, a partir das 16 horas.

O escritor Mirim Renan Felipe de Oliveira Pinto estará no Parque da Cidade nesta quinta-feira (12) autografando o seu livro “O Rato e o Gato”, no estande da SBS Livraria, montado na entrada do Centro de Visitantes. Renan, é potiguar, tem 11 anos, cursa o 4º ano do Ensino Fundamental II e adora ler e aprender coisas novas. Segundo ele, escreveu a fábula para mostrar que apesar de sermos diferentes podemos ser amigos. “Gosto de animais, de banho de mar, de andar de bicicleta e de fazer origami”. O autor mirim curte dividir tudo com os amigos e tem um canal na internet “Canal do Mundo Renan”.

A programação oferecida pelo Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte é totalmente gratuita, graças aos parceiros como Sebrae, Cosern, SBS Livraria, Secretaria Municipal de Educação Academia K Fitness e Qi+4 e tem estacionamento próprio, sem cobrar pela entrada.

A Unidade de Conservação também conta com serviços terceirizados como a lanchonete e o aluguel de bicicletas para quem quiser pedalar nas trilhas. A torre panorâmica estará funcionando nos dois horários durante a programação da Semana da Criança. O telefone para contato é o 3232-3207/3232-3074 ou 3232-3028.

Read More...

Natal

Secretário da Semsur e vereadores debatem sobre reordenamento do Alecrim

O secretário Jonny Costa, titular da pasta Municipal de Serviços Urbanos (Semsur), esteve nesta quinta-feira (28) na Câmara Municipal de Natal (CMN) prestando esclarecimentos acerca do reordenamento urbano do bairro do Alecrim. A convocação foi feita por meio de um requerimento, aprovado à unanimidade dos vereadores, para entender a situação do bairro, após as informações desencontradas provocadas por embates entre ambulantes e integrantes da pasta.

De acordo com Jonny Costa, entre as atribuições da Secretaria estão a normatização e fiscalização do comércio ambulante, todo o processo de ordenamento urbano. “Portanto, é obrigação da Secretaria viabilizar a devolução dos espaços públicos para os pedestres, garantindo assim a cidadania e o direito das pessoas de ir e vir. Para isso, é necessário haver a organização e a padronização da área. Eu não tenho culpa de, na situação de gestor da Semsur, de ter visto esse problema. Não posso ser omisso. Não vou e nem posso fugir do dever de buscar soluções para a comunidade do Alecrim e da população natalense. Não dá pra continuar do jeito que está. Fui instado pelo Ministério Público para cumprir a determinação. Eu tenho respeito pelos trabalhadores, mas entendam que eu tenho que observar o que a lei diz”, enfatizou.

O titular da Semsur explicou que foi procurado por uma empresa de São Paulo que se predispôs a fazer todas as obras de intervenção urbana pelo prazo de 24 meses e que essa empresa será a responsável pela execução. Ele pontuou apresentou imagens da primeira intervenção que seria realizada entre os dias dia 7 e 17 de outubro na avenida Presidente Bandeira (Avenida 2), no trecho compreendido entre as avenidas dos Paianazes e Paiatis (10 e 11, respectivamente). “O Município está com dificuldade de arrecadação. Não é possível remanejar recursos da saúde para solucionar esse problema. Me foi apresentada uma alternativa de iniciativa de empresários para realizar a revitalização das calçadas e decidimos por tornar essa empresa a responsável. Esse prazo foi proposto para que a empresa entregue dentro de um calendário de olho no Natal”, disse.

O vereador Sandro Pimentel, um dos propositores da convocação, criticou a falta de transparência e de detalhes do projeto de urbanismo do Alecrim. “O que soa estranho são as incertezas. O secretário diz que tem uma parceria com uma empresa de São Paulo que vai fazer shopping, calçada, relógio, camelódromo, praça, mas cadê o projeto? Quando se questiona sobre o projeto, ele diz que não tem. Esses camelôs que vão sair das calçadas no dia 7 de outubro pra onde? Ele não responde nada. Nada foi publicado, não tem consulta pública, licitação, PPP [Parceria Público-Privada], nada”, disparou.

Esses mesmos pontos também foram criticados pelo Sindicato dos Arquitetos e Urbanistas (Sinarq). A presidente da instituição, Flávia Laranjeira, recomendou encaminhar o caso para o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN). “É a segunda vez que venho aqui para ver o projeto e nenhum projeto é apresentado. Não vou ter como fazer análise dos impactos se eu não tenho o projeto. Só tenho a informação que os ambulantes sairão dali, mas não tenho a informação do local pra onde vão. A Prefeitura nunca se interessou em ordenar o Alecrim. Agora, quando surge a iniciativa privada, a Prefeitura prioriza essa intervenção sem contrapartida, sem projeto e sem licitação. Sugiro que tudo seja encaminhado ao MP para que tudo seja paralisado até que tudo seja esclarecido e que todos os documentos sejam apresentados”, indicou.

Os ambulantes foram informados de que algumas calçadas do bairro já começariam a ser interditadas no dia 7 de outubro para que o reordenamento já fosse iniciado sem qualquer trabalhador. José de Anchieta, presidente da Associação dos Vendedores Ambulantes de Natal, disse que a categoria não irá sair no prazo proposto pela Prefeitura. “Somos trabalhadores dignos e honestos. Tem gente sem dormir e sem saber o que fazer da vida. Vamos vender com educação essa luta. O que queremos é o direito de trabalhar de forma honesta e de sustentar nossas famílias. Nós não vamos sair. Se for necessário, vamos nos acorrentar e ficar de vigília”, avisou.

Todos os parlamentares que participaram da sessão foram unânimes em pedir mais tempo para a retirada dos vendedores. A maioria deles também pediu mais detalhes sobre o projeto. Segundo dados da Associação, mais de 1,1 mil ambulantes circulam diariamente no bairro. O Alecrim é um dos maiores centros comerciais da capital potiguar e o comércio informal é um grande responsável por movimentar a economia local.

Read More...

Natal

Com novas viaturas de patrulhamento, Ronda da Saúde é reativada

O patrulhamento ostensivo operado pela Guarda Municipal do Natal (GMN) com trabalho de segurança preventiva nas unidades municipais de saúde da capital, a Ronda da Saúde (RondaS),  foi retomado no sábado (9). O serviço criado pela Prefeitura por meio da Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes) disponibiliza um efetivo diário de 25 guardas municipais e cinco viaturas para patrulhar postos, unidades de pronto atendimento e hospital do município.

RondaS já é responsável pela prisão de assaltantes e pela recuperação de veículos roubados, entre outras medidas de combate a delitos, visto que a ação diária do patrulhamento também cobre áreas próximas onde estão situados os prédios de saúde municipais.

De acordo com o comandante da GMN, Michel Dantas, com o número maior de viaturas e de guardas municipais nas ruas a corporação vem podendo não somente zelar pela segurança do cidadão que busca as unidades municipais de saúde, mas também contribuir com aquele que se encontra em outros pontos da cidade, na medida que as viaturas estão realizando deslocamento de um ponto para outro. “O RondaS é uma realidade aprovada pela população e podemos creditar isso a prefeitura e a união da Semdes, GMN e Secretaria Municipal de Saúde”, comentou o comandante.

Atualmente o RondaS realiza patrulhamento ostensivo direcionado as 82 unidades médicas municipais situadas nos cinco distritos sanitários de Natal. O planejamento do patrulhamento foi realizado de maneira a manter as viaturas distribuídas por área de atuação específica, sendo para o Distrito Norte I e II direcionadas duas viaturas, o Oeste com uma viatura e os distritos Sul e Leste com uma viatura de patrulhamento em cada um.

Os guardas municipais patrulham utilizando um sistema integrado de comunicação via rádio de dois tipos: um fixo instalado nas viaturas e o móvel, conhecidos por Hts. O sistema está ligado ao Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), onde faz parte a GMN, as polícias Militar e Civil, como também outras forças de segurança e de defesa social.

Read More...