Aplicativos

PSafe lança primeiro app para iOS

Empresa brasileira líder no mercado de segurança e privacidade para usuários Android, a PSafe anuncia sua chegada ao iOS com o lançamento do dfndr vpn, seu primeiro aplicativo para o sistema operacional da Apple.

Após quatro anos atuando com foco em Android, a companhia está expandindo sua estratégia de negócios no Brasil e também nos Estados Unidos, país onde mais de 40% dos usuários de smartphone utilizam iPhone. E esse é mais um passo da empresa na direção de oferecer soluções que garantam a não violação da privacidade de todos os usuários de smartphones nos mercados onde atua.

“Iniciamos esta semana uma nova fase em nossa operação com o objetivo de posicionar a PSafe como referência em segurança e privacidade para todo o mercado de smartphones. Nossa missão é que cada vez mais pessoas se sintam seguras para acessar a internet e tenham suas informações pessoais protegidas de ciberataques, que podem impactar usuários de qualquer sistema operacional”, afirma Marco DeMello, CEO e fundador da empresa.

“Somos, atualmente, a marca líder em segurança para o sistema operacional Android na América Latina, com mais de 130 milhões de downloads, e queremos ampliar nossa expertise para todos os mercados possíveis. Este é apenas o início da nossa expansão de portfólio. Até o final de 2019, esperamos ter alcançado mais de 5 milhões de usuários do sistema iOS com este produto”, completa o executivo.

dfndr vpn psafe

Por meio do serviço de VPN, sigla em inglês para “Rede Virtual Privada”, o usuário pode se conectar a qualquer rede, incluindo Wi-Fi públicas, com criptografia completa dos seus dados, garantindo a privacidade das informações pessoais trocadas. O IP (protocolo de internet), a identidade e a localização do usuário ficarão invisíveis e protegidos contra hackers em qualquer lugar do mundo. Isso acontece porque o dfndr vpn impede que alguém observe ou rastreie o que o usuário faz na internet para protegê-lo.

“Os constantes vazamentos de dados e fotos pessoais e os recentes casos de uso indevido de informações de usuários deixam clara a necessidade urgente e ainda muito pouco discutida que é preciso garantir sua proteção na internet. Com o dfndr vpn oferecemos uma conexão que é como um túnel, por meio do qual garantimos a privacidade total do usuário durante toda a transmissão de informações, desde a saída até a chegada de dados”, explica Emilio Simoni, diretor do dfndr lab – laboratório de cibersegurança da PSafe.

O dfndr vpn para iOS já está disponível na App Store para iPhone e iPad com iOS 10 ou superior e pode ser baixado gratuitamente. O usuário também pode testar o serviço com dados ilimitados – versão premium – por sete dias sem custo. Após esse período, é disponibilizado ao usuário a opção de assinar a versão premium do aplicativo a partir de R$ 13,15 (valor da mensalidade no plano anual).

Read More...

Aplicativos

Os sete melhores recursos do iOS 11.3

O iOS 11.3, a versão mais recente do sistema operacional do iPhone / iPad da Apple, está prestes a ser lançado e oferecerá mais recursos do que poderíamos esperar de uma versão “.3“. Se você está interessado na realidade aumentada, animoji diferente ou apenas uma maneira de impedir que a Apple ‘acalme’ seu antigo iPhone, cara, há algo nesta atualização para despertar sua curiosidade.

E esses são apenas os recursos principais de uma lista que está crescendo diariamente e que poderemos conferir a partir de 24 de janeiro.

1. Tome o controle de sua bateria

Eu não estou falando sobre a vida da bateria, mas sim, sobre a capacidade de manter a Apple longe – tendo em vista que ela vinha secretamente acelerando o poder de processamento do seu aparelho à medida que a bateria envelhece. A Apple foi pega em flagrante fazendo isso no inverno passado, e acabou tendo que pedir desculpas por manter isso em segredo. E embora a empresa aparentemente tenha tido uma boa razão para fazê-lo – evitando desligamentos inesperados – a revelação deixou algumas pessoas bem irritadas.

De qualquer forma, a partir do iOS 11.3, a bateria do aparelho será sua para controlar e fazer o que bem entender. Você pode desligar o recurso de aceleração e / ou navegar até Configurações> Bateria para ver a saúde atual da bateria. Se o seu iPhone 6 ou posterior não precisa de uma troca de bateria para manter o desempenho máximo, sem problemas, a Apple informa que iOS 11.3 irá dizer isso para você.

2. Mais Animoji

iOS 11.3 animoji

Tem um iPhone X? Então você provavelmente está familiarizado com os Animojis, que são avatares animados flutuantes que você controla com seu rosto para que você possa enviar para seus amigos e familiares via iMessage. (Eles usam o conjunto de câmeras sensíveis ao movimento Face ID incorporado na frente do iPhone X.)

O iOS 11 veio com 12 Animoji diferentes, e o iOS 11.3 traz quatro novas criaturas: leão, urso, dragão e crânio.

3. Realidade Aumentada

Os aplicativos de realidade aumentada da ARKit da Apple podem ser bastante surpreendentes, mas a tecnologia tinha uma grande limitação: o ARKit só podia reconhecer superfícies horizontais.

Mas o iOS 11.3 traz consigo o ARKit 1.5, que reconhece superfícies verticais e “superfícies de forma irregular como mesas circulares”, de acordo com a Apple. Isso deve permitir que os desenvolvedores de AR criem uma variedade de coisas novas e possam melhorar a precisão dos aplicativos de realidade aumentada também.

Além disso, o ARKit 1.5 pode reconhecer imagens planas como sinais, cartazes e obras de arte e usá-las para acionar o conteúdo da AR.

4. AirPlay 2

AirPlay 2

Não é mencionado no comunicado de imprensa da Apple, mas os desenvolvedores experientes descobriram esse detalhe: o iOS 11.3 trará o AirPlay 2, que permitirá que a Apple surja com a reprodução de áudio multi-sala (por exemplo, você decide qual música toca em cada um dos vários alto-falantes distribuídos em toda a sua casa). É uma característica que foi anunciada em junho passado na Conferência Mundial de Desenvolvedores da Apple (WWDC) para o iOS 11, mas aparentemente não estava pronta até então.

5. Leia e exclua iMessages em qualquer lugar

As notificações que surgem no seu iPhone, iPad e Mac quando você recebe uma nova mensagem podem ser excluídas sem problema algum.

As mensagens no iCloud deveriam trazer isso para o iOS 11, mas o recurso não deu as caras – até agora, e aparentemente, o veremosno iOS 11.3 beta. Isso não significa necessariamente que chegará nesta primavera com o lançamento completo do iOS 11.3, mas quem sabe?

6. Business Chat

Por que ligar para uma grande empresa ou navegar em seu site quando você pode apenas teclar em seu aplicativo de mensagens? O Facebook Messenger já oferece esse recurso, e o iOS 11.3 trará o Business Chat para o iMessage no seu iPhone e iPad também. Aqui está o tom da Apple:

Business Chat

“Com o Business Chat, será fácil conversar com um representante do serviço, agendar um compromisso ou fazer compras usando o Apple Pay no aplicativo de Mensagens. O Chat comercial não compartilha as informações de contato do usuário com as empresas e dá aos usuários a possibilidade de parar de conversar a qualquer momento.”

Originalmente anunciado em junho passado na WWDC e programado para chegar como parte do iOS 11, parece que o recurso ainda não será finalizado quando chegar a nova fase do iOS – será um beta para “negócios selecionados, incluindo Discover, Hilton, Lowe’s e Wells Fargo.”

7. Sua saúde

Também em versão beta, o novo recurso de Health Records da Apple espera fornecer algo que os pacientes (aka humanos) tenham desejado desde o advento do registro médico – uma maneira de acessar facilmente todos os seus prontuários médicos, independentemente do médico, clínica ou hospital escolhido, em um único lugar (e criptografado).

Claro, isso só funciona enquanto todos os seus prestadores de cuidados médicos estiverem a bordo e, até agora, apenas esses lugares fazem parte da versão beta:

  • Johns Hopkins Medicine – Baltimore, Maryland
  • Cedars-Sinai – Los Angeles, Califórnia
  • Penn Medicine – Filadélfia, Pensilvânia
  • Geisinger Health System – Danville, Pensilvânia
  • UC San Diego Health – São Diego, Califórnia
  • UNC Health Care – Chapel Hill, Carolina do Norte
  • Rush University Medical Center – Chicago, Illinois
  • Dignity Health – Arizona, Califórnia e Nevada
  • Ochsner Health System – Jefferson Parish, Louisiana
  • MedStar Health – Washington, DC, Maryland e Virgínia
  • OhioHealth – Columbus, Ohio
  • Clínica Cerner Healthe – Kansas City, Missouri

“Nos próximos meses, mais instalações médicas se conectarão aos registros de saúde, oferecendo aos pacientes acesso a esse recurso”, escreve a Apple.

Todo o resto

Aqui está uma pequena lista de tudo o que há de mais interessante que a Apple anunciou (ou desenvolvedores curiosos encontraram) até agora:

  • Apple Music logo permitirá aos usuários “transmitir todos os vídeos de música que eles querem sem serem interrompidos por anúncios” e oferecer listas de reprodução de músicas.
  • Apple News oferecerá uma seção “Top Stories melhorada” e uma nova seção com “os vídeos mais importantes do dia”.
  • A Apple diz que o iOS 11.3 vai enviar automaticamente a localização de um usuário para serviços de emergência quando eles fizerem uma chamada de emergência (ou similar).
  • A Apple diz que permitirá que os desenvolvedores criem acessórios HomeKit com a autenticação de software (o que é mais barato que um chip de autenticação de hardware, então talvez veremos mais adoção de HomeKit).
  • O aplicativo iBooks agora é chamado de Livros, de acordo com desenvolvedores que testaram o iOS 11.3 beta.

Compatibilidade

A Apple diz que o iOS 11.3 será uma atualização gratuita para o iPhone 5S e posterior, o iPad Air e o iPad Pro, o iPad geração, o iPad Mini 2 e posterior e o iPod touch sexta geração. Animojis requer um iPhone X e apenas um subconjunto destes iPhones e iPads suporta ARKit.

 

Read More...

Aplicativos

Nova atualização do WhatsApp pode deletar todas as conversas no iPhone

A última atualização do WhatsApp para iOS esconde uma surpresa desagradável. Com muito boa intenção, o aplicativo de mensagens incorpora um mecanismo de otimização em segundo plano, mas com um problema fundamental: às vezes ele decide que é melhor fechar e reiniciar o aplicativo de forma constante, algo fatal se você não tiver feito o backup de seus arquivos mensagens.

Muitos usuários indicam que após a atualização do WhatsApp no iPhone ter perdido todos os seus bate-papos e conversas. Simplesmente a nova versão não funciona, pois, ela entra em um ciclo constante de reinicialização até que não haja escolha senão desinstalá-lo para retornar a uma versão anterior. Se você não fez um backup, diga adeus a todo o seu histórico.

Nem todos estão tendo os mesmos problemas, então, antes de arriscar a atualização, é recomendável que você envie uma cópia de todas as suas conversas para a nuvem iCloud. Você pode fazer isso indo até Configurações > Chats. É altamente recomendável ativar atualizações automáticas diárias.

Os canais especializados no WhatsApp haviam alertado sobre esse problema quase um mês atrás. No entanto, a nova versão do aplicativo – 2.18.10 – pegou muitos usuários sem o backup apropriado das conversas. Muitos deles perderam completamente os dados e todas as informações valiosas que poderiam conter.

O problema final é que o WhatsApp publicou uma atualização que, por qualquer motivo, não está funcionando em muitos iPhones. Isso seria aceitável se ocorresse na versão beta do aplicativo, mas não na versão estável que todos os usuários podem instalar através do iTunes.

Certamente, é uma questão de pouco tempo até que eles decidam atualizar novamente para resolver os reinícios constantes causados ​​pela otimização em segundo plano. No entanto, será tarde demais para aqueles que não fizeram backup de suas conversas em tempo hábil. Não seja mais um nessa estatística e habilite o backup automático para o iCloud.

Read More...

Curiosidades

Detalhe no iPhone cumpre uma função que poucos conhecem

Talvez você nunca tenha notado esse pequeno detalhe, mas entre a câmera e o flash do seu iPhone, existe um pequeno orifício. Desde o iPhone 5, a Apple vem incluindo essa detalhe em seus aparelhos e agora podemos dizer que sua utilidade é muito mais importante do que você imagina.

Microfone extra do iPhone

O pequeno orifício na parte de trás do aparelho corresponde a um microfone que é ativado por um processo interno do iPhone que analisa o som ambiente para reduzir o ruído.

“Enquanto cada microfone captura o som que vem em sua direção, um processador analisa as informações de áudio usando um algoritmo através do qual é possível transmitir ao ouvinte um som mais limpo, tudo de acordo com a saída de áudio determinada”, revela o Phone Arena.

Os três microfones estão respectivamente na parte traseira, frente e parte inferior do iPhone (ideal para aqueles que querem gravar conversas, por exemplo).

iPhone

Foto: Jeshoots / Pixabay

Alta qualidade

Ao gravar vídeos com a câmera, a qualidade do áudio é tão boa que é compatível com vídeos de 1080p. Isso é possível graças a este terceiro microfone (aquele orifício destacado na foto da capa).

Além disso, ajude Siri a entender melhor o que você diz. Em geral, ao usar nosso smartphone, fazemos isso com a tela voltada para o rosto. Devido ao seu sistema interno, o microfone traseiro é desativado e aquele localizado na parte da frente é responsável por capturar o áudio. Portanto, os vídeos que gravamos para Instagram, Snapchat e as chamadas de vídeo do WhatsApp são superiores em comparação com os outros aparelhos.

Read More...

Destaques, Tecnologia

CEO da Apple, Tim Cook ameaçou excluir Uber da App Store

Segundo informações do jornal americano The New York Times, foi descoberta no último domingo (23), uma violação considerada grave pelos termos da empresa Apple, e que vem acontecendo desde 2015. É que a Uber vem utilizando, secretamente, uma estratégia para descobrir iPhones que excluíam o App dos aparelhos. O CEO da Apple, Tim Cook, ameaçou excluir o empresa de viagens da App Store.

Uma prática considerada irregular pela Apple, chamada fingerprinting, levou a Uber enfrentar problemas devido à farsa, enquanto estava tentando se estender para a China. De acordo com o artigo, ela (Uber) conseguiu elaborar uma forma de rastrear um iPhone, mesmo depois que seu aplicativo fosse excluído do aparelho ou mesmo se fosse restaurado de fábrica.

De acordo com a Uber, o rastreamento é uma forma de impedir que golpistas instalem o aplicativo em um celular roubado e façam corrida. Informou também, que técnicas similares são utilizadas para detectar e bloquear logins suspeitos, protegendo as contas de seus usuários.

A empresa também informou à imprensa que continuará monitorando os aparelhos, mas que fará diferente, para não descumprir as regras da empresa da maçã.

Read More...