Tecnologia

Mais de 400 mil pessoas já foram alvo de malware financeiro em 2019

No primeiro semestre de 2019, os pesquisadores da Kaspersky identificaram ataques contra 430 mil usuários utilizando malware financeiro (roubo de dinheiro, criptomoedas ou dados de serviços financeiros). Este número representa 7% a mais do que o índice no mesmo período do ano anterior. Cerca de um terço (30,9%) dos alvos identificados são usuários corporativos – o dobro da quantidade no primeiro semestre de 2018 (15,3%).

O malware financeiro, ou mais conhecido por trojan bancário, tem como objetivo roubar dinheiro e dados financeiros, além de permitir que os cibercriminosos acessem informações dos computadores dos usuários e de seus bancos. Esse tipo de ação sempre ocupou uma parte significativa do cenário de ameaças, já que finanças são os incentivos mais importantes para os cibercriminosos e fraudadores.

Os dados da Kaspersky demonstram que o malware que visa roubar dinheiro está ativo e é extremamente perigoso, especialmente em ambientes corporativos, onde a maioria das redes geralmente depende de dispositivos conectados e, se um deles for comprometido, toda a entidade poderá ficar em risco.

Os meios mais comuns para esse tipo de ataque são e-mails de spam e sites de phishing. Essas páginas normalmente parecem ser de sites legítimos mas, na verdade, são criadas por cibercriminosos para o roubo de credenciais, dados de cartões e outros tipos de informações sigilosas. Durante o primeiro semestre de 2019, os pesquisadores da Kaspersky detectaram mais de 339 mil ataques de phishing se passando por grandes bancos.

Os pesquisadores também compilaram uma lista dos trojans mais usados contra empresas. Quatro em cada dez (40%) ameaças financeiras em usuários corporativos vieram de trojans bancários RTM – malware bancário que já está em destaque desde o ano passado. Em seguida está o Emotet, que corresponde a 15%. Essa ameaça é muito perigosa para as organizações, pois é capaz de ultrapassar a rede, se distribuir por meio de vulnerabilidades encontradas nos dispositivos desatualizados e ainda baixar outras ameaças nas máquinas das vítimas. Na sequência está o Trickster, um trojan bancário com 12% das ameaças identificadas.

Entre os usuários domésticos, a situação se mostrou um pouco diferente. A lista de malware que tentou atacá-los é liderada pelo Zbot (26%), que rouba credenciais e pode ser controlado por cibercriminosos de maneira remota, seguido pelos RTM e pelo Emotet mencionados acima. O interessante é que, em 2018, o RTM era quase totalmente voltado para empresas, enquanto os números do primeiro semestre de 2019 mostram que esse malware agora atinge uma parcela significativa das pessoas comuns.

“Esperamos observar um aumento no número de usuários atacados no segundo semestre de 2019. Isso porque, normalmente, atividades maliciosas aumentam depois do período de férias (entre junho e julho em algumas regiões do mundo), quando as pessoas usam menos seus dispositivos e, portanto, estão menos propensas a se tornar vítimas de cibercriminosos. Todos devem ter cuidado extra e ficarem muito atentos com todas as operações bancárias e financeiras que realizam online”, afirma Oleg Kupreev, pesquisador de segurança da Kaspersky.

Para proteger a sua empresa de trojans bancários, os especialistas da Kaspersky recomendam:

  • Realizar treinamentos de conscientização sobre cibersegurança para funcionários, especialmente os responsáveis pela contabilidade, para que saibam detectar ataques de phishing e não abram anexos ou cliquem em links de endereços desconhecidos ou suspeitos;
  • Instalar atualizações e correções mais recentes de todos os softwares utilizados na empresa;
  • Proibir a instalação de programas de origens desconhecidas;
  • Para detecção nas máquinas dos usuários, investigação e remediação antecipada de incidentes, é importante contar com soluções de Detecção & Respostas (EDR), como o Kaspersky Endpoint Detection and Response, que consegue captar malware bancário desconhecido;
  • Integrar relatórios de inteligência de ameaças aos sistemas de controle de incidentes (SIEMs) para ampliar o conhecimento de ameaças em seus centros operacionais de segurança.

Para os usuários domésticos, a Kaspersky recomenda que:

  • Instalem as atualizações de segurança em seus programas e sistema operacional;
  • Não instalem software de origem desconhecida. Em caso de plataformas móveis, desative essa opção no menu de configurações;
  • Usem uma solução de segurança confiável, como o Kaspersky Total Security.

Read More...

Destaques, Dicas

Reforma da Previdência: 5 motivos para poupar de forma independente

Na última semana, foi aprovado em primeiro turno o texto-base da proposta de emenda à Constituição (PEC) da reforma da Previdência, que altera as regras de aposentadoria.

A votação ainda deve ser concluída e os debates devem continuar nos próximos dias ou até meses, porém, independente da aprovação, é fundamental que o brasileiro poupe para garantir uma aposentadoria tranquila.

Veja abaixo 5 motivos para poupar dinheiro pensando no seu futuro, segundo Reinaldo Domingos, do canal Dinheiro à Vista:

1- O salário do INSS é muito importante para os brasileiros e um direito do trabalhador. Entretanto, o valor não é suficiente para manter o padrão e a qualidade de vida. Em consequência, 21% dos idosos que já se aposentaram continuam trabalhando para complementar a renda, segundo pesquisa do SPC Brasil e da CNDL.

2- Será que para viver dignamente você precisará da ajuda de parentes ou de outras pessoas? Infelizmente, isso acontece com milhões de brasileiros. É importante ter consciência que mesmo tendo trabalhado a vida toda com carteira assinada, contribuindo para o INSS, a quantia recebida dificilmente será suficiente.

3- Ao que tudo indica, os trabalhadores se aposentarão cada vez mais tarde, por conta do crescimento da expectativa de vida do brasileiro. Para deixar de trabalhar no momento que quiser – ou passar a trabalhar apenas por prazer – é preciso poupar parte da renda durante o período produtivo.

4- Quanto antes começar a pensar em seu futuro, poderá poupar quantias menores e se beneficiar dos rendimentos ao longo dos anos. Há diversos investimentos adequados para a aposentadoria, como Previdência Privada e Tesouro Direto. Vale a pena conhecer um pouco mais a respeito.

5- Poucas pessoas têm o hábito de pensar no longo prazo (acima de dez anos), com receio de que o objetivo não seja atingido. Mas é possível conquistar a renda que garanta o padrão de vida desejado. Há uma planilha automatizada que indica o quanto se deve poupar mensalmente para conseguir, baixe gratuitamente clicando aqui (Cálculo de Aplicação para Independência Financeira).

Read More...

Destaques, Dicas

Filhos podem e devem participar do planejamento financeiro familiar

Mães e pais quebram a cabeça mensalmente pensando nas contas da família. Balancear os gastos básicos como comida e transporte se torna infinitamente mais difícil quando filhos entram na fórmula. Afinal, só quem arca com despesas como mensalidade, materiais escolares, presentes de aniversário (e Natal, e Dia das Crianças), entre outros, sabe o quanto tudo isso pode pesar no bolso.

É comum pensar que o planejamento financeiro familiar é um problema exclusivo dos pais, em razão da pouca idade das crianças. Porém, existem maneiras, sim, de conscientizar seus filhos – mesmo os pequenos -a pensar criticamente sobre dinheiro, investimentos e poupanças, o que trará apenas benefícios à saúde fiscal e também ao futuro de seus filhos.

Com as dicas abaixo, você pode colocar seus pequenos no dia a dia econômico de sua casa e aproveitar todos os frutos disso.

1 – Ofereça uma mesada

É extremamente importante que a criança tenha seu próprio dinheiro. Assim, ela vai aprender, muitas vezes por si própria, o real valor que ele tem. A frequência da mesada e seu valor fica à critério dos pais, sempre. Alguns preferem um regime semanal, enquanto outros recorrem ao mais tradicional pagamento mensal. Quanto à quantidade, uma boa dica é oferecer um valor baixo no início, e depois aumentar gradativamente.

2 – Ensine o valor de economizar agora para ganhar depois

Convenhamos que jovens não gastam milhares de reais. Seus gastos são esporádicos e momentâneos, como lanches ou passeios no cinema. Todos esses trazem prazeres instantâneos e dificultam o ensinamento da importância de economizar. O papel dos pais aqui é mostrar que um salgado a menos na hora do recreio pode significar, talvez, um jogo de videogame no final do mês.

3 – Recompense boas práticas

O aumento de mesada pode ser feito através da recompensa de boas práticas. Por exemplo: se seu filho realizar todas os deveres de casa, ganha um “bônus” naquele mês. Ou, se ele conseguir economizar metade de sua mesada, ganha um passeio de sua escolha (bancado pelos pais, claro). O importante aqui é passar a lição de que, com grandes esforços, é possível lograr bons resultados financeiros. É o primeiro passo para que eles aprendam sobre a importância do trabalho.

4 – Faça compra com seus filhos – de vez em quando

Apesar de não ser aconselhável levar os filhos para as compras do supermercado todas as semanas, a experiência pode ser positiva se feita com moderação. Mostrar a eles que seus alimentos diários têm um preço e que você, também, faz um planejamento financeiro para isso (leia-se: uma lista de compras) que vai ajuda-los a desenvolver sua capacidade financeira.

A habilidade para o planejamento financeiro deve ser treinada desde cedo nas crianças, assim como a leitura, a escrita e até a matemática. Não deixe este importante aprendizado apenas para a sala de aula. O dia a dia com a família também é crucial para que seu filho cresça com boas práticas financeiras.

*Texto escrito por Dora Ramos (orientadora financeira e terapeuta complementar/holística) para o Portal N10

Read More...

Destaques, Plantão Policial

Homem é preso em São José de Mipibu com 50 mil reais sem comprovação de origem

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu neste domingo (3), no km 114 da BR 101, na comunidade de Taborda em São José de Mipibu (RN), o condutor de um veículos tipo Uno – um rapaz de 25 anos.

Durante a abordagem, os policiais sentiram um odor muito forte de maconha, vindo de dentro do veículo. Na sequência da fiscalização, foi encontrada no interior do carro, em uma sacola de plástico, a quantia de R$ 50.000,00 em espécie. Questionado sobre a origem do dinheiro, o suspeito não apresentou nenhuma comprovação.

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão e feita a condução do homem à Delegacia de Plantão da Zona Sul, em Natal. Foi constatado que ele já tinha sido preso, em 2016, por tráfico de droga e por porte ilegal de arma de fogo.

Após a apresentação da ocorrência na polícia judiciária, uma equipe da Polícia Civil, em parceria com equipes da PRF e da Polícia Militar, foram até o endereço de residência do suspeito.

No local, foi encontrada uma caminhonete Toro com placa clonada e com Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo – CRLV – constante de um lote roubado do Detran/CE. A caminhonete havia sido roubada em Natal, no ano de 2017.

Foram apreendidas também 6,3 g de cocaína, 20,4 g de maconha, nove munições calibre 380 e onze munições de revólver calibre 38.

Read More...

Destaques, Plantão Policial

Drogas, armas e R$ 16 mil são encontrados em casa no Passo da Pátria

Policiais civis da Delegacia Especializada em Narcóticos (DENARC) de Natal conseguiram apreender em uma casa localizada no Passo da Pátria, a quantia de R$ 16 mil, após terem recebido denúncias anônimas, do Disque-Denúncia 181, sobre a existência de drogas, armas e produtos roubados em algumas casas da localidade.

Durante a ação, os policiais civis conseguiram prender em flagrante, em uma outra residência, Lindemberg Lucas Luiz Martins, 24 anos, pelos crimes de tráfico de drogas e posse ilegal de munição.

“A nossa equipe recebeu a denúncia que informava sobre drogas e armas, mas para nossa surpresa, ao adentrarmos em uma das casas apontadas, nós encontramos a quantia de R$ 16 mil. O que nos chamou a atenção, foi o fato de algumas notas estarem manchadas com uma coloração avermelhada, um indício de que estas notas possam ser oriundas de algum estouro a caixa eletrônico”, revelou o delegado adjunto da Denarc, René Souza.

A Polícia Civil também aprendeu televisores e relógios que podem ser produtos do crime. Também foram apreendidas ferramentas que podem ter sido utilizadas para a prática de roubos, além de uma balança de precisão.

Em uma outra residência, os policiais civis apreenderam porções de crack e munições de calibre variado, entre elas de calibre 50. Nesta casa, foi preso Lindemberg Lucas. “A Denarc prosseguirá a investigação com o intuito de descobrir os envolvidos com todo o material ilícito encontrado e para isso contaremos com o auxílio da delegacia especializada em roubo a bancos”, frisou o delegado René Souza.

Confira vídeo com imagens dos dois casos

Read More...