Destaques, Tecnologia

Black Friday: ataques hackers aumentam e consumidores precisam ficar atento a compras virtuais

Apesar de ter origem no Estados Unidos, a Black Friday já se tornou uma importante data comercial no Brasil. Realizada oficialmente na quarta sexta-feira de novembro (29 de novembro neste ano), a ocasião acaba se tornando uma boa oportunidade de antecipação de compras para os presentes de final de ano. E mesmo o país ainda sofrendo resquícios de uma forte crise econômica, a tendência é de muitas compras em 2019.

De acordo com a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), as vendas online nesta Black Friday devem aumentar cerca de 18% na comparação com o ano passado. O faturamento do comércio digital em 2019 deve ultrapassar os R$ 3 bilhões, sendo que em 2018 a data movimentou cerca de R$ 2,5 bilhões.

A expectativa de aumento nas compras acaba, porém, alertando golpistas na internet. Segundo uma empresa de monitoramento de riscos digitais, o número de ataques virtuais, os chamados phishings, aumentou 64,5% nos dois primeiros trimestres desse ano na comparação com o mesmo período em 2018. A tendência, de acordo com a empresa, é que os números aumentem neste período de final de ano, principalmente por causa da Black Friday.

A especialista em infraestrutura de TI e CEO da it.line, Sylvia Bellio, explica que phishing é uma técnica de roubo de dados em que criminosos se utilizam de plataformas falsas. Ou seja, os hackers se utilizam de um site de vendas que não existe para obter informações como o número e código de segurança do cartão de crédito das pessoas.

“Criminosos virtuais se utilizam de phishing para atacar pessoas através de e-mails, sites, mensagens de texto, redes sociais, telefone e WhatsApp. A pessoa acaba encontrando uma oferta muito tentadora e tenta realizar a compra com seus dados. Ao colocar os dados na plataforma falsa, tudo acaba sendo roubado pelos criminosos. A partir disso eles realizam compras em nome da pessoa ou até mesmo chantageiam em troca de dinheiro”, explica Sylvia.

A especialista lembra que o phishing aumenta em períodos como a Black Friday por causa do aumento do aumento na quantidade de promoções. Como a data se consolidou no Brasil, atualmente já é possível encontrar preços realmente baixos na internet. Contudo, essa situação faz com que muitos consumidores se descuidem e acabem ficando atraídos por ofertas muito surreais.

“Na pressa de tentar comprar alguma coisa com um preço muito abaixo do mercado, muitos clientes baixam a guarda e abrem uma brecha para criminosos virtuais. Às vezes os sites falsificados são praticamente idênticos aos originais, e a pessoa na vontade de garantir o produto antes que esgote acaba não checando informações mínimas de segurança”, diz Sylvia.

Cuidados para comprar na Black Friday

black friday
Imagem: Portal N10

Sylvia pontua que as técnicas de crimes virtuais estão a cada ano mais sofisticadas e que por isso é preciso ficar atento. Ela afirma que apesar de ser o golpe mais comum, o phishing não é único que pode afetar um consumidor na Black Friday ou em qualquer compra na rede.

“Um usuário na internet está suscetível a vários tipos de crimes, como softwares maliciosos, roubo de senhas e hackeamento de redes de internet. Por causa disso, é essencial se precaver, principalmente em um período em que há a expectativa de se realizar compras na internet por causa dos preços baixos. Garantir essa segurança é ter a certeza de que as compras serão tranquilas e seguras”, defende Sylvia.

A especialista em infraestrutura de TI lista algumas dicas de segurança para computadores e smartphones:

  • “Não utilize Wi-Fi públicos para realizar nenhum tipo de compra. Caso essa situação possa se apresentar, tenha previamente um aplicativo de VPN instalado no celular ou computador. O VPN é uma rede virtual privada que praticamente impossibilita o acesso a seus dados na internet”;
  • “Desconfie de links com promoções enviados por números desconhecidos em meios não convencionais, como o WhatsApp e SMS”;
  • “Observe se a página que você está utilizando possui as letras ‘https’ e um cadeado na parte esquerda antes do link da loja”;
  • “Evite lojas que estão cadastradas em serviços gratuitos de hospedagem. Caso opte por uma delas, tente buscar por avaliações da empresa em sites de reclamações”;
  • “Tenha sempre um antivírus instalado, seja no celular ou no computador. Além disso, mantenha o software do aparelho atualizado”;
  • “Cheque se a empresa possui CNPJ válido, endereço, telefone para contato e razão social. De acordo com a Legislação, um empreendimento online no Brasil precisa mostrar essas informações aos clientes”;
  • “Opte, se possível, por cartões de crédito pré-pagos ou virtuais. Os problemas, caso eles sejam vazados para hackers, serão menores do que um cartão de crédito convencional”.

Read More...

Negócios

Black Friday do Natal Shopping tem descontos de até 70%

Mais de 100 lojas do Natal Shopping oferecerão descontos de até 70% na promoção da Black Friday, que será estendida para o final de semana. A partir desta sexta-feira 24, até o domingo, 26, os clientes vão poder aproveitar, durante os três dias, ofertas de promoções dignas da data, que ganhou destaque como a maior campanha de descontos do ano em nível mundial.

Para proporcionar ainda mais conforto e conveniência, o shopping funcionará em horário estendido e oferecerá promoções válidas até o final de semana. Para se ter uma ideia, o cliente do Natal Shopping poderá aproveitar as promoções da Black Friday na sexta-feira, por exemplo, até às 23h.

Na loja de departamentos Rio Center, âncora do Natal Shopping, a Black Friday chegou a todos os setores com descontos de até 50% em roupas infantis, femininas e masculinas, perfumaria, sapataria, casa, e muito mais. Já na loja de cosméticos e perfumaria O Boticário, por exemplo, os descontos alcançam mais de 300 produtos e chegam a até 60%. Já nas Óticas Diniz, as promoções vão ainda mais além: até 70% off em armações e óculos de sol. Um par de óculos RayBan cujo valor original é R$ 609 sai por R$ 430 durante o período, com um desconto exclusivo de 30%.

Na loja Fish, um par de tênis Adidas, cobiçado pelos apaixonados pela marca de artigos esportivos, de R$ 395,90, tem desconto de 50% e sai por apenas R$ 198,95. Enquanto isso, na Andarela, a sandália rasteira no estilo gladiadora de R$ 159,90 caiu para R$ 59,90. Já na Tommy Hilfiger, grife americana que chegou este ano no mall, uma t-shirt de R$ 149 sai por R$ 104. Já na Crowford, uma camisa social de R$ 239 chega ao público por R$ 139,90 exclusivamente durante a Black Friday.

Para Fabiana Totti, gerente comercial e de marketing do mall, a Black Friday estendida para o final de semana é mais uma comodidade para a clientela que não consegue aproveitar as promoções durante a sexta-feira. “A data já se provou ser uma realidade mais que consolidada no Brasil e pensamos em como torná-la ainda mais vantajosa para o cliente com horários estendidos e promoções interativas”, complementa.

Neste final de semana, o Natal Shopping ainda promove outras ações para marcar a época de final do ano e que prometem deixar a experiência de aproveitar a Black Friday no mall ainda mais envolvente. No sábado, 25, entre as 16h30 e 17h, haverá um cortejo com personagens, banda de soldadinhos de chumbo e com o Papai Noel. Em seguida, Noel voltará a receber as crianças enquanto os personagens Pinóquio e Geppeto ficarão disponíveis para interação e fotos até as 18h30. Já no domingo, 26, às 17h, acontece uma apresentação dos alunos da Casa Talento, que prepararam um recital de Natal.

Ao todo, a Black Friday acontece em 19 shoppings da rede Ancar Ivanhoe, nas cinco regiões do Brasil. A expectativa é que a data gere um aumento de 10% no fluxo e 08% nas vendas.

Curtiu a novidade? Para mais notícias, clique aqui!

Read More...

Destaques, Dicas

Dez dicas para aproveitar a Black Friday

Papai Noel que nos perdoe, mas a Black Friday está assumindo proporções natalinas para o comércio eletrônico nacional – o qual, segundo estimativa da associação brasileira do setor (ABComm), deverá faturar, no dia 24 de novembro, cerca de R$ 2,5 bilhões!!! Algo que representa um aumento de 18% em relação ao ano passado.

A adesão das lojas virtuais a essa verdadeira febre (mundial, diga-se de passagem) também deve bater recordes neste ano. Em 2016, segundo levantamento que a BigData Corp. fez especialmente para o PayPal Brasil, 95,6% dos e-commerces nacionais criaram promoções online para a data. E não há motivo para acreditar que, desta vez, alguém vai querer ficar de fora da festa.

Para os consumidores, a Black Friday também é uma oportunidade excepcional, mas que tem seus “macetes” e exige certos cuidados. Confira abaixo dez dicas fundamentais para aproveitar melhor esta sexta-feira ainda mais aguardada que o normal.

1. A Black Friday não acontece só na sexta-feira

É preciso ficar atento às lojas online pelo menos uma semana antes da Black Friday – que, este ano, cairá em 24 de novembro. Tanto as grandes quanto as pequenas costumam fazer pré-promoções bem interessantes nos dias que antecedem a data. As melhores promoções costumam ser encontradas nos sites de maior porte.

2. Faça seu cadastro nos sites antes de a Black Friday chegar

É questão de praticidade, mesmo. Como os e-commerces (todos eles) pedem ao consumidor que preencha um cadastro para efetuar qualquer compra, separe um tempinho para já ir se cadastrando nos sites em que você pretende comprar durante o período de promoções. Isto porque, quanto mais próximo da Black Friday, maiores se tornam os riscos de queda de conexão no site escolhido, por causa do imenso fluxo de internautas acessando ao mesmo tempo. Se você já estiver previamente cadastrado, bastará escolher o produto, fazer o login e comprar.

Papai-Noel

Foto: Reprodução

3. Antecipe suas compras de Natal

Aproveite os dias que antecedem a data para já fazer as compras de Natal. Apesar da crise pela qual passa o País, nada garante que Papai Noel consiga oferecer descontos maiores do que os da Black Friday. Se você procurar bem, pode encontrar produtos com preços até 80% menores, de acordo com a pesquisa BigData. Por isso, o mês de novembro pode ser um bom momento para fazer bons negócios e, também, evitar lojas lotadas e filas nos caixas, cenários tipicamente natalinos.

4. Conheça os sites participantes antes de ir às compras

Seus maiores amigos durante a data são os sites de defesa do consumidor, como o Procon e o ReclameAQUI. Não se engane: ainda tem gente que se aproveita da Black Friday para enrolar o consumidor. Se o desconto parecer excessivamente bom, desconfie e busque referências da loja. Outro bom endereço para ter em seus bookmarks é o oficial do evento (www.blackfriday.com.br).

5. Tire um tempo, compare preços e ofertas

black friday

Imagem: Portal N10

Mas nem tanto… porque, quanto mais perto da sexta-feira, mais gente passa a comprar, menores ficam os estoques das lojas e as conexões à internet se tornam instáveis. O ideal é fazer a lista de desejos do que você realmente quer comprar bem antes de a febre dos descontos começar. Até para evitar compras por impulso, geralmente equivocadas e por preços mais altos.

6. Fique de olho na Cyber Monday

É a segunda-feira posterior ao Dia de Ação de Graças, adotada pelo varejo norte-americano para liquidar eletroeletrônicos. E costumam ser ótimas oportunidades para boas compras. Este ano, será no dia 27 de novembro (confira as lojas já cadastradas em www.cybermondaybrasil.com.br). Segundo estudo da Big Data Corp. feito para o PayPal Brasil, em 2016, promoções online neste dia tiveram adesão de mais de 60% dos sites de vendas online nacionais (sendo que todos os grande e-commerces participaram).

7. Denuncie as lojas que vendem gato por lebre

Faça a sua parte e ajude a Black Friday a ficar cada vez melhor. Se, durante suas buscas por promoções, você deparar com ofertas enganosas, entre em contato com os sites de defesa do consumidor, como Procon e ReclameAQUI. Este último tem uma aba voltada especialmente para a data, em que os consumidores podem relatar problemas.

8. Controle sua ansiedade

A Black Friday é muito tentadora, mas “abraçar o mundo” é potencialmente frustrante, além de financeiramente imprudente. Tenha foco e pense com antecedência quais produtos são realmente prioritários. Assim, você evita gastos desnecessários e faz suas compras com mais tranquilidade e facilidade.

9. Simplifique

Com tantas opções de lojas online para conferir promoções e comprar itens, melhor do que a abrir dezenas de abas no computador é fazer cadastro em sites que comparam preços e enviam as melhores ofertas diretamente para o seu email.

10. Não descuide da segurança

Criminosos aproveitam a Black Friday para criar sites que simulam as páginas oficiais das grandes lojas e, assim, roubar dados bancários. O ideal é que a barra de endereço comece com https (protocolo de segurança) ou exiba um cadeado. Outra prática fraudulenta, conhecida como phishing, é o envio de e-mails falsos que também colocam informações confidenciais em risco. Remetentes estranhos e erros de ortografia podem indicar a tentativa de golpe.

Boas compras!

Read More...

Negócios

Marisa oferece descontos de até 70% durante a Black Friday

A Marisa estará mais uma vez marcando presença na Black Friday e promete oferecer descontos de até 70% em milhares de peças femininas, masculinas e infantis. Neste ano, a rede vai dedicar vários dias à tradicional liquidação e, na loja virtual da marca, a Black Friday tem início no dia 17 de novembro. Já nas lojas físicas em todo o País, a liquidação começa no dia 22 de novembro. Ambas as ações se encerram no dia 27 deste mês.

Para facilitar a identificação e a pesquisa dos produtos em promoção, as lojas da rede e o e-commerce da marca receberão uma comunicação visual especial e os itens serão divididos por faixas de preço – que vão de R$ 9,99 a, no máximo, R$ 59,95.

Outra novidade da Marisa para a edição deste ano da Black Friday é o desconto de até 50% em relógios. As demais linhas de acessórios da marca também participam da liquidação, com a mecânica Leve 4 Pague 3.

Black Friday

Falta pouco para o dia 24, a sexta-feira mais esperada do ano. O evento de 2017 vai começar e como a economia anda mais badalada no Google que “sexta-feira” e “Copa do Mundo”, as expectativas estão lá em cima.

Mas é bom ficar ligado: o consumidor está cada vez mais exigente, sem paciência com atraso na entrega e promoções mentirosas. Por isso, é fundamental comprar em lojas de confiança.

Curtiu a novidade? Para mais notícias, clique aqui!

Read More...

Destaques, Economia

Cinco pontos para ficar alerta durante a Black Friday 2017

Em 24 de novembro, acontece no Brasil e em diversos países a Black Friday, evento que aqui abre o período de compras para o Natal. Segundo o Reinaldo Domingos, do canal Dinheiro à Vista, é preciso cuidado para não comprometer o orçamento financeiro da família para o início do próximo ano.

“A data é muito positiva para quem se planejou com antecedência, pesquisou preços e comprará sem comprometer seu orçamento financeiro. Do contrário, é importante evitar compras por impulso e sempre considerar se o pagamento caberá no bolso sem comprometer o orçamento mensal. Isso sem esquecer que se aproximam as festas de final de ano e os compromissos financeiros do início do próximo”, orienta Domingos.

Veja alguns pontos em que é importante se atentar:

1- Supostas fraudes

Nos últimos anos, houve muitas acusações de fraudes e maquiagem de preços, portanto é preciso ter uma noção dos valores dos produtos que deseja comprar, para saber se realmente há descontos;

2- Planejamento para as compras

A ocasião é boa para comprar itens que estavam em seu planejamento, portanto cuidado com o impulso. Evite se endividar por conta da empolgação;

3- Diagnóstico financeiro

Caso não tenha se planejado com antecedência, faça um diagnóstico de sua situação financeira. Assim saberá exatamente o quanto pode gastar e, se precisar parcelar, não correrá o risco de acumular contas e não ter o valor suficiente para pagar na data do vencimento;

4- Pesquisa de preços

Ao ir às compras, é preciso ter paciência para pesquisar o mesmo produto em diversas lojas, físicas e online, para garantir o melhor preço. No online, faça suas compras apenas em sites confiáveis;

5- Compras de Natal

Se for antecipar as compras de Natal, faça uma lista das pessoas que pretende presentear, o valor que pode gastar com cada uma delas e as formas de pagamento. Caso já tenha se planejado e poupado para esta data, que acontece anualmente, procure comprar a vista para não comprometer o orçamento financeiro dos próximos meses.

Read More...