Destaques, RN

Previsão é de mais chuvas até o próximo domingo no RN

As condições climáticas seguem favoráveis para ocorrência de chuvas até o próximo domingo, dia 12 de maio, segundo a análise feita pela equipe da Gerência de Metereologia da Emparn. De acordo com o meteorologista Gilmar Bristot, o bloqueio atmosférico que estava presente sobre o Nordeste diminuiu de intensidade. “Associado ao aumento da temperatura das águas superficiais do Oceano Atlântico, que libera mais umidade, temos uma condição favorável para a ocorrência de chuvas em todo o RN nos próximos dias”, disse.

As chuvas marcaram o início da manhã de hoje (07) em Natal e Parnamirim. A previsão é que o tempo permaneça nublado com possibilidade de chuvas, de nível moderado a intenso, em todo o RN, com distribuição espacial irregular, isto é: chove numa localidade e na localidade vizinha pode não chover.

Para esta quarta-feira (8), a previsão é de aumento da nebulosidade em todo o Estado com chuvas mais concentradas nas regiões Central (Vale do Assú) e Médio Oeste. Na sexta-feira, predominância de céu parcialmente nublado e ocorrência de chuvas em todas as regiões. No sábado, novamente predominância de céu parcialmente nublado em todo o Estado com ocorrência de chuvas mais concentradas no Litoral Leste e Agreste e, no domingo (12), predominância de céu parcialmente nublado a claro e ocorrência de pancadas de chuvas.

Nas últimas 24 horas – desde a manhã de ontem até a manhã de hoje (7) – foram registradas fortes chuvas na mesorregião Leste, com 35,4 milímetros (mm) em Extremoz; em Parnamirim (Base Física da Emparn) teve 28,2mm; São Gonçalo do Amarante (Base Fisica da Emparn) com 25,0mm; Maxaranguape, 22,5mm; Ceará-Mirim, 21,5mm; Goianinha, 19,2mm e Natal, 18mm. Choveu ainda em outras regiões do Estado.

Read More...

Destaques, Natal

Prédio da STTU é parcialmente interditado por risco de desabamento

A Prefeitura do Natal informou através de nota que o prédio sede da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), que fica na Rua Almino Afonso – Ribeira, foi parcialmente interditado pela Defesa Civil Municipal.

De acordo com a avaliação, o teto ameaça desabar devido ao desgaste da estrutura e as fortes chuvas que caem na capital. Com isso, os departamentos de Engenharia de Trânsito, Planejamento e Estudos e Projetos estão com o funcionamento prejudicado.

“Diante disso, a STTU já providenciou a escora da região do teto que ameaça desabar e, após isso, a Defesa Civil irá reavaliar a situação. Também já está sendo providenciado a locação de um imóvel para transferir as atividades realizadas no prédio sede e um projeto de reforma da estrutura”, informou em nota.

A pasta informa ainda que as atividades de Fiscalização e atendimento ao usuário não serão prejudicadas, haja vista que essas funcionam em outros imóveis.

Read More...

Destaques, Natal

Defesa Civil de Natal fica em alerta com equipes de plantão 24h

A Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes) ampliou o nível de alerta das equipes que atuam nas unidades operacionais da Defesa Civil Municipal desde a noite dessa segunda-feira (09). A medida se faz necessária devido às chuvas que vêm caindo na cidade.

Os pontos que estão recebendo maior atenção dos agentes da Defesa Civil são as áreas onde comumente são registrados maiores incidentes, como parte do bairro de Mãe Luiza, Ribeira, Rocas, Comunidade do Jacó, Passo da Pátria, e pontos da zona Norte.

O titular da Semdes, João Paulo Mendes, determinou, que além das equipes responsáveis pelo plantão desta terça-feira (10), outras que estão de folga se mantivessem em alerta para a possibilidade de uma eventual necessidade de ampliar a área de atuação, de acordo com as demandas de solicitações informadas pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp). “Como estamos sempre acompanhando os boletins meteorológicos dos órgãos oficiais, tomamos essa precaução, pois a previsão registra mais chuva para cair em Natal nas próximas horas”, explicou.

chuvas em natal defesa civil

Os técnicos da Defesa Civil de Natal estão monitorando todo o sistema de chuvas da capital por meio das informações divulgadas pelo Centro Nacional de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais (Cemaden). Os pluviômetros do Cemaden instalados na capital informam que nas últimas 24h a área mais atingida por chuvas foi a região do Guarapes I, com 29,47 mm; seguido por Guarapes II, 29,27; Nossa Senhora da Apresentação, 28,88 mm; Nossa Senhora de Nazaré e Lagoa Nova com 27,10 mm; Neópolis, 18,08 mm; e Pajuçara, 12,38 mm. Os dados foram coletados às 7h de hoje.

Para solicitar a intervenção da Defesa Civil Municipal o cidadão pode ligar para o número 190, no Ciosp, onde há agentes para direcionar a ocorrência para as equipes de plantão. “A Defesa Civil atua com foco em ações preventivas, de socorro e de assistência em casos de desastres naturais com intuito de evitar ou minimizar danos à população. Qualquer situação nesse sentido pode acionar a Defesa Civil que deslocaremos uma equipe para atendimento”, concluiu o secretário João Paulo Mendes.

Read More...

Destaques, RN

Emparn registrou boas chuvas durante o fim de semana

No fim de semana, de sexta-feira até a manhã de hoje (9), a Unidade de Meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn) registrou chuvas em todas as regiões do Estado, com destaque para o Leste e o Agreste, regiões onde o período chuvoso segue até agosto.

As chuvas também atingiram o sertão (semiárido), mesmo no mês de julho, quando o calendário e as previsões dos meteorologistas mostram que a quadra chuvosa já está concluída. Ao todo foram registradas precipitações em 54 locais monitorados diariamente pela Emparn.

As maiores chuvas ocorreram na mesorregião Leste, em Pedra Grande, 202,5 milímetros; Ceará-Mirim, 119,0mm; Extremoz, 113,5mm; Natal, 85,0mm e vários outros municípios. Na mesorregião Agreste choveu mais forte em Parazinho, 195,2mm.

Na mesorregião Oeste foi onde choveu com menos intensidade: a precipitação mais forte foi em Alto Do Rodrigues, 25,8mm. Na mesorregião Central choveu em São Bento do Norte, 120,0mm; Pedro Avelino (Base Fisica da EMPARN) 68,0mm; Lajes, 58,3mm e outros municípios. A previsão para os próximos dias é de mais chuvas no Litoral e Agreste.

Read More...

Destaques, Natal

Após fortes chuvas, trecho da Prudente de Morais cede e abre enorme cratera

As fortes chuvas que caem sobre a região da Grande Natal já começam a causar os primeiros estragos. Um trecho da Avenida Prudente de Morais, em Lagoa Nova, já nas proximidades da Arena das Dunas, cedeu no início da manhã deste domingo (06) e formou uma enorme cratera no local. O trânsito no sentido Centro/Candelária foi interditado.

Não é primeira vez que o piso cede na região. Na semana passada, o asfalto também apresentou rebaixamento e um vídeo foi compartilhado nas redes sociais mostrando a situação. Além das chuvas, a pista está sobre a construção do túnel do macrodrenagem, que promete interligar diversas lagoas de captação da região sul da capital.

Equipes da Secretaria Municipal de Obras Públicas e Infraestrutura (Semopi) já estão no local e interditaram o trecho da pista que cedeu.

 

Após fortes chuvas trecho da Prudente de Morais cede e abre enorme cratera

Read More...